Para Räikkönen, dia ruim da Ferrari em Silverstone é exceção

Para o finlandês, time será mais competitivo nas próximas corridas da temporada 2016 da Fórmula 1; Räikkönen revelou que principal problema do carro é falta de pressão aerodinâmica

Para Räikkönen, dia ruim da Ferrari em Silverstone é exceção
Kimi Raikkonen, Ferrari SF16-H
Kimi Raikkonen, Ferrari SF16-H
Kimi Raikkonen, Ferrari SF16-H on the grid
Kimi Raikkonen, Ferrari SF16-H
Kimi Raikkonen, Ferrari SF16-H
Kimi Raikkonen, Ferrari SF16-H
Kimi Raikkonen, Ferrari SF16-H

Sofrendo com a falta de ritmo durante todo o final de semana, a Ferrari não somente não foi capaz de chegar perto da Mercedes como também foi superada pela Red Bull no GP da Grã-Bretanha, realizado neste domingo (10). 

O melhor piloto do time na corrida foi Kimi Räikkönen, que terminou a prova em quinto - Sebastian Vettel foi apenas o nono colocado. Para o finlandês, que subiu para a terceira posição no Mundial de Pilotos com o resultado, a natureza da pista de Silverstone e as condições climáticas dificultaram a vida da Ferrari. Por isso, o 'homem de gelo' vê o resultado como atípico.

"Todo o final de semana foi complicado. Creio que nosso resultado foi o melhor que poderíamos alcançar. Simplesmente não temos pressão aerodinâmica e em uma pista como esta essa deficiência se acentua - para andar rápido aqui, downforce é fundamental", disse.

"Com as condições climáticas de hoje e com o vento, as coisas se complicaram ainda mais e não havia muito o que fazer. Tenho certeza de que as próximas corridas serão mais normais para nós", afirmou.

Räikkönen reconheceu que a falta de pressão aerodinâmica é o principal problema do carro da Ferrari neste ano. "Claro que ter bom downforce ajuda em qualquer lugar, não importa a pista. É o que nos falta para andarmos bem em todas as pistas", revelou.

"Há outras áreas em que precisamos melhorar, mas tenho certeza de que se tivéssemos pressão aerodinâmica como alguns carros à nossa frente, hoje seria uma corrida diferente. Podemos melhorar em tudo, mas acho que agora - nestas condições e em circuitos assim - é nosso principal problema", completou.

compartilhar
comentários
Rosberg é punido por rádio e cai para terceiro na Inglaterra
Artigo anterior

Rosberg é punido por rádio e cai para terceiro na Inglaterra

Próximo artigo

14º, Nasr elogia estratégia: "paramos na hora certa"

14º, Nasr elogia estratégia: "paramos na hora certa"
Carregar comentários