Fórmula 1
24 out
-
27 out
Evento encerrado
01 nov
-
03 nov
Evento encerrado
14 nov
-
17 nov
Evento encerrado
28 nov
-
01 dez
Evento encerrado

Para Verstappen, Red Bull “não pode piorar” do que foi visto no Bahrein

compartilhar
comentários
Para Verstappen, Red Bull “não pode piorar” do que foi visto no Bahrein
Por:
Co-autor: Roberto Chinchero
4 de abr de 2019 10:55

Holandês admite que cometeu erros no acerto do carro para a corrida em Sakhir: “podemos fazer muito melhor do que mostramos até agora"

Max Verstappen disse que o desempenho da Red Bull "não pode piorar" do que foi visto no Bahrein. O holandês iniciou sua campanha em 2019 com um terceiro lugar na Austrália e um quarto no Bahrein, mas ficou infeliz durante o segundo final de semana de GP.

O chefe da equipe Red Bull, Christian Horner, admitiu que seu time precisava encontrar a "senha mágica" para melhorar sua configuração, e Verstappen espera que a próxima corrida, a ser disputada na China, seja melhor.

Leia também:

"Não pode piorar do que o que mostramos aqui", disse ele após testar o RB15 no Bahrein na terça-feira.

"Também cometi alguns erros em termos de configuração. Acho que se você olhar para a Austrália, ficamos muito felizes.”

"É claro que ainda estávamos a 20 segundos de Valtteri [Bottas, vencedor da corrida], mas naquela corrida eu não podia dar meu máximo como queria porque basicamente estava sempre preso por um carro.”

"Acho que podemos fazer muito melhor do que mostramos até agora."

Apesar das condições mais frias e de um dia de chuva interromper a ação em Sakhir, Verstappen acredita que esta oportunidade de testes no início da temporada seja boa para para a Red Bull.

Ele disse que a Red Bull sabe "o que deu errado" no fim de semana da corrida do Bahrein e descreveu que o erro foi "em termos de aderência traseira".

"Você sempre quer mais downforce", disse Verstappen. "Mas o acerto do carro também é sobre como você pode equilibra-lo, e claramente fizemos algo errado durante o fim de semana".

Ele acrescentou: "fizemos uma boa quantidade de voltas para entender o que deu errado no final de semana”.

"Acho que já aprendemos muito com isso, então acho que é muito positivo. Não temos tantos dias para entender o carro, durante o final de semana tudo acontece rápido. Fazer sempre sessões de uma hora e meia [na sexta-feira] não é incrível. Fazer um dia como este é muito útil."

Próximo artigo
Pietro Fittipaldi destaca “evolução” em carro de F1 mesmo com altas temperaturas no Bahrein

Artigo anterior

Pietro Fittipaldi destaca “evolução” em carro de F1 mesmo com altas temperaturas no Bahrein

Próximo artigo

Schumacher diz que não esperava ser tão rápido nos testes do Bahrein

Schumacher diz que não esperava ser tão rápido nos testes do Bahrein
Carregar comentários