Pilotos expressam preocupações com entrada do pit de Baku

Chicane de alta velocidade é tida como desafio perigoso pelo grid da Fórmula 1

Pilotos expressam preocupações com entrada do pit de Baku
Baku city circuit at turn 15
Pit lane entry
Pit lane entry
The new aspahlt for the circuit and the old cobble stone pavement
Circuit preparations
Carregar reprodutor de áudio

Um ponto polêmico da pista de Baku é a entrada dos boxes. Os carros terão de desacelerar em alta velocidade em linha reta para uma chicane apertada, que terá ainda mais 100 metros antes da linha branca da pit lane.

Marcus Ericsson foi um dos mais francos. Ele acredita que a entrada pode levar a "grandes acidentes".

"A entrada parece um pouco interessante", disse Ericsson. "Você chega muito rápido, sem qualquer margem.”

"Você não quer ver carros batendo na entrada do pit lane. Por isso, acho que vamos ter algumas discussões depois dos treinos de sexta-feira.”

"Você vai ter que frear e virar, e a curva é muito fechada. Depois vai ter que frear novamente para o limite de velocidade.”

"Se continuar assim, não me importo. Mas isso pode levar a grandes acidentes entrando nos boxes, e não tenho certeza se é isso o que queremos."

Grande desafio

Daniel Ricciardo concordou que há potencial para incidentes, já que os pilotos irão tentar fazer a curva o mais rápido possível. No entanto, ele acha que será divertido.

"Eu acho que vai ser muito legal, porque a entrada do pit é uma parte onde você pode ganhar um pouco de tempo", explicou o piloto da Red Bull.

"Nesta em particular, se um piloto fizer certo e não cometer um erro, ganha facilmente meio segundo, se não um segundo.”

Questionado sobre o que aconteceria se um piloto errasse, Ricciardo respondeu: "ou você bate ou perde muito tempo.”

"Pode ser legal se você estiver lutando contra alguém na corrida e tentar um ‘undercut’. Talvez a entrada do pit pode dizer quem ganha essa posição."

Felipe Massa acrescentou: "Eu acho que nós nunca tivemos uma entrada de pit assim. Talvez Interlagos, mas é de alta velocidade e é mais fácil com certeza do que essa aqui.”

"Aqui há uma grande freada e você tem essa chicane e depois a linha. Então você precisa aprender de uma maneira melhor."

Sebastian Vettel acrescentou: "a entrada do pit parece um desafio. Mas, mais uma vez, é por isso que estamos aqui."

compartilhar
comentários
Perez crê que Azerbaijão seja pista "mais desafiadora” da F1
Artigo anterior

Perez crê que Azerbaijão seja pista "mais desafiadora” da F1

Próximo artigo

VÍDEO: Veja volta rápida em Baku com Ricciardo no vídeo game

VÍDEO: Veja volta rápida em Baku com Ricciardo no vídeo game