Fórmula 1
10 out
-
13 out
Evento encerrado
24 out
-
27 out
Evento encerrado
01 nov
-
03 nov
Evento encerrado
14 nov
-
17 nov
Evento encerrado
28 nov
-
01 dez
Evento encerrado

Verstappen é punido e vai largar do fundo do grid no GP da Itália

compartilhar
comentários
Verstappen é punido e vai largar do fundo do grid no GP da Itália
Por:
4 de set de 2019 13:56

Piloto holandês da Red Bull terá nova unidade de potência da Honda e precisará galgar posições na corrida deste domingo

Max Verstappen começará o GP da Itália na parte de trás do grid, já que a Honda, fornecedora de motores da Red Bull, confirmou que o holandês usará uma nova unidade de potência na etapa de Monza da Fórmula 1.

A fabricante japonesa apresentou seu motor Spec -4 durante o GP da Bélgica no fim de semana passado, mas a unidade foi usada apenas pelo novo companheiro de equipe de Verstappen, Alex Albon, e por Daniil Kvyat, da Toro Rosso.

Entretanto, Albon voltou a um motor pré-GP da França para as atividades de sábado e domingo no circuito de Spa-Francorchamps, já que a Honda estava interessada em ter a nova unidade ‘zero’ em Monza.

Leia também:

Nesta quarta-feira, a fabricante confirmou que tanto Verstappen quanto o novo companheiro de Kvyat, o rebaixado Pierre Gasly, receberão uma nova unidade de potência na Itália, o que significa que ambos começarão da parte de trás do grid por punição.

"Na primeira corrida com o Spec-4, Gasly e Verstappen serão penalizados e começarão do final do grid, mas acreditamos que eles ainda possam correr fortemente no domingo”, explicou o diretor técnico da Honda, Toyoharu Tanabe.

"Reunimos dados úteis em Spa, que usamos para fazer alterações nas configurações e calibração. Vamos tentar maximizar o potencial do Spec-4 para obter outro resultado positivo”, disse o dirigente.

Confira as principais curiosidades do GP da Itália de F1:

Galeria
Lista

Desde o início da Fórmula 1 como conhecemos hoje, apenas em 1980 o local do GP da Itália não foi em Monza, por estar em reformas. Ímola, que normalmente recebeu o GP de San Marino, foi o local que representou a Itália e viu a vitória de Nelson Piquet.

Desde o início da Fórmula 1 como conhecemos hoje, apenas em 1980 o local do GP da Itália não foi em Monza, por estar em reformas. Ímola, que normalmente recebeu o GP de San Marino, foi o local que representou a Itália e viu a vitória de Nelson Piquet.
1/15

Foto de: LAT Images

A primeira edição do GP da Itália foi realizada em 1921 em Montichiari, com vitória do francês Jules Goux.

A primeira edição do GP da Itália foi realizada em 1921 em Montichiari, com vitória do francês Jules Goux.
2/15

Foto de: Phil Harms Collection

Michael Schumacher (1996, 1998, 2000, 2003, 2006) e...

Michael Schumacher (1996, 1998, 2000, 2003, 2006) e...
3/15

Foto de: XPB Images

Lewis Hamilton (2012, 2014, 2015, 2017 e 2018) são os maiores vencedores do GP da Itália, com cinco triunfos cada um.

Lewis Hamilton (2012, 2014, 2015, 2017 e 2018) são os maiores vencedores do GP da Itália, com cinco triunfos cada um.
4/15

Foto de: Alessio Morgese/Alex Galli

Nelson Piquet é o brasileiro que subiu ao pódio mais vezes na Itália, em 1980, 1983, 1986 e 1987.

Nelson Piquet é o brasileiro que subiu ao pódio mais vezes na Itália, em 1980, 1983, 1986 e 1987.
5/15

Foto de: LAT Images

Rubens Barrichello vem a seguir com três vitórias (2002, 2004 e 2009), Ayrton Senna (foto) com duas (1990 e 1992) e Emerson Fittipaldi ganhou em 1972

Rubens Barrichello vem a seguir com três vitórias (2002, 2004 e 2009), Ayrton Senna (foto) com duas (1990 e 1992) e Emerson Fittipaldi ganhou em 1972
6/15

Foto de: Sutton Motorsport Images

- A vitória de Barrichello em 2009 é também a última de um brasileiros na Fórmula 1.

- A vitória de Barrichello em 2009 é também a última de um brasileiros na Fórmula 1.
7/15

Foto de: XPB Images

Rubinho também detém o recorde da volta mais rápida em uma prova em Monza com 1min21s046, em 2004, quando estava na Ferrari.

Rubinho também detém o recorde da volta mais rápida em uma prova em Monza com 1min21s046, em 2004, quando estava na Ferrari.
8/15

Foto de: Ferrari Media Center

Festa em casa: a Ferrari é a equipe que mais festejou vitórias na Itália, com 18 vitórias desde 1950, mas não consegue tal feito desde 2010, quando Fernando Alonso foi para a galera.

Festa em casa: a Ferrari é a equipe que mais festejou vitórias na Itália, com 18 vitórias desde 1950, mas não consegue tal feito desde 2010, quando Fernando Alonso foi para a galera.
9/15

Foto de: Steve Etherington / Motorsport Images

A edição de 1988 foi histórica. Além de ser a única vitória de um carro que não fosse a McLaren de Ayrton Senna ou Alain Prost, Gerhard Berger liderou a dobradinha da escuderia italiana logo após a morte de Enzo Ferrari, que aconteceu no mês anterior.

A edição de 1988 foi histórica. Além de ser a única vitória de um carro que não fosse a McLaren de Ayrton Senna ou Alain Prost, Gerhard Berger liderou a dobradinha da escuderia italiana logo após a morte de Enzo Ferrari, que aconteceu no mês anterior.
10/15

Foto de: David Phipps

- Monza é especial para Sebastian Vettel, sendo o local de sua primeira pole position e vitória na Fórmula 1, na edição de 2008, quando ainda atuava pela Toro Rosso.

- Monza é especial para Sebastian Vettel, sendo o local de sua primeira pole position e vitória na Fórmula 1, na edição de 2008, quando ainda atuava pela Toro Rosso.
11/15

Foto de: XPB Images

Monza também já teve um traçado incomum, utilizando a combinação entre misto e oval nos anos de 1955, 1956, 1960 e 1961...

Monza também já teve um traçado incomum, utilizando a combinação entre misto e oval nos anos de 1955, 1956, 1960 e 1961...
12/15

Foto de: LAT Images

Na última vez, um acidente matou o alemão Wolfgang Von Trips (foto) e mais 10 espectadores, após o carro se chocar em uma barreira com torcedores próximos.

Na última vez, um acidente matou o alemão Wolfgang Von Trips (foto) e mais 10 espectadores, após o carro se chocar em uma barreira com torcedores próximos.
13/15

Foto de: David Phipps

Christian Fittipaldi teve um dos acidentes mais espetaculares da carreira em Monza, no GP de 1993. Já na reta de chegada, a Minardi do brasileiro foi catapultada pela de seu companheiro de equipe, Pierluigi Martini, dando uma volta completa no ar e caindo com as quatro rodas no chão.

Christian Fittipaldi teve um dos acidentes mais espetaculares da carreira em Monza, no GP de 1993. Já na reta de chegada, a Minardi do brasileiro foi catapultada pela de seu companheiro de equipe, Pierluigi Martini, dando uma volta completa no ar e caindo com as quatro rodas no chão.
14/15

Foto de: Uncredited

Christian saiu do carro caminhando e costuma dizer que no momento em que esteve no ar, viu sua vida passar pelos olhos.

Christian saiu do carro caminhando e costuma dizer que no momento em que esteve no ar, viu sua vida passar pelos olhos.
15/15

Foto de: Sutton Motorsport Images

Próximo artigo
Leclerc coloca Mônaco na galeria das nações vencedoras; entenda a "geopolítica" da F1

Artigo anterior

Leclerc coloca Mônaco na galeria das nações vencedoras; entenda a "geopolítica" da F1

Próximo artigo

VÍDEO: Barrichello, Massa, Schumacher: relembre primeiras vitórias de pilotos da Ferrari

VÍDEO: Barrichello, Massa, Schumacher: relembre primeiras vitórias de pilotos da Ferrari
Carregar comentários