Fórmula 1
25 mar
Próximo evento em
66 dias
06 mai
Próximo evento em
108 dias
20 mai
Próximo evento em
122 dias
R
GP do Azerbaijão
03 jun
Próximo evento em
136 dias
10 jun
Próximo evento em
143 dias
24 jun
Próximo evento em
157 dias
R
GP da Áustria
01 jul
Próximo evento em
164 dias
R
GP da Grã-Bretanha
15 jul
Próximo evento em
178 dias
29 jul
Próximo evento em
192 dias
R
GP da Bélgica
26 ago
Próximo evento em
220 dias
02 set
Próximo evento em
227 dias
09 set
Próximo evento em
234 dias
23 set
Próximo evento em
248 dias
R
GP de Singapura
30 set
Próximo evento em
255 dias
07 out
Próximo evento em
262 dias
21 out
Próximo evento em
276 dias
28 out
Próximo evento em
283 dias
05 nov
Próximo evento em
291 dias
R
GP da Austrália
18 nov
Próximo evento em
304 dias
R
GP da Arábia Saudita
03 dez
Próximo evento em
319 dias
R
GP de Abu Dhabi
12 dez
Próximo evento em
328 dias

Verstappen explica problema no final do TL2 em Baku

compartilhar
comentários
Verstappen explica problema no final do TL2 em Baku
Por:
Traduzido por: Daniel Betting

Max Verstappen explicou que o problema que a Red Bull enfrentou no final da sexta-feira em Baku foi causado por um sensor defeituoso

The crashed car of Max Verstappen, Red Bull Racing RB14 is recovered to the pits
The crashed car of Max Verstappen, Red Bull Racing RB14 is recovered to the pits
The crashed car of Max Verstappen, Red Bull Racing RB14 is recovered to the pits
Max Verstappen, Red Bull Racing RB14

O dia de Max Verstappen parecia terminar com uma nota decepcionante quando ele voltou aos boxes no final do TL2, tendo se recuperado de um acidente na primeira sessão para ser o terceiro mais rápido do dia.

Mas falando com a imprensa após a sessão, Verstappen disse que o problema não era nada para se preocupar.

"Nós pensamos que tínhamos um problema, mas eles descobriram que era um sensor defeituoso, então nada para se preocupar. Tudo bem".

Verstappen disse que não tinha uma explicação específica para o seu acidente no TL1, mas ficou satisfeito por recuperar e trabalhar muito quando se juntou à ação no final da segunda sessão, uma vez que seu carro foi consertado.

"Teve um pouco mais de vento, mas eu não sei, eu perdi a traseira, rodou e, claro, bateu no muro", disse ele.

"Foi uma pena. Estava um pouco escorregadio no começo. Eu não consegui segurar o carro e bati no muro”.

"Você só precisa se sentir na pista porque estava muito empoeirado e escorregadio, como descobri. Felizmente isso não nos afetou muito no segundo treino, então estou muito feliz”.

"Os mecânicos fizeram um ótimo trabalho para consertar o carro, e no segundo treino fizemos a maior parte do programa".

Com o companheiro de equipe Daniel Ricciardo marcando o ritmo, com a Red Bull em primeiro e terceiro lugares no TL2, Verstappen disse que a equipe está em boa forma, mas está preparada para a Ferrari e a Mercedes montarem um desafio mais sério na classificação.

"Nós parecemos rápidos", disse. "Claro que você quer melhorar, e sabemos que na qualificação eles têm esse modo de potência, então eles estarão ainda mais próximos”.

Reportagem adicional de Valentin Khorounzhiy, Adam Cooper

GP do Azerbaijão: Confira o guia do circuito de Baku

 

Ferrari acertou ao trocar o câmbio, diz Raikkonen

Artigo anterior

Ferrari acertou ao trocar o câmbio, diz Raikkonen

Próximo artigo

Mesmo sem velocidade, Alonso se diz feliz com McLaren

Mesmo sem velocidade, Alonso se diz feliz com McLaren
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Evento GP do Azerbaijão
Localização Baku City Circuit
Pilotos Max Verstappen
Equipes Red Bull Racing
Autor Glenn Freeman