Wehrlein se nega a comentar escolha de Ocon na Force India

Dono de um ponto pela equipe Manor neste ano, campeão do DTM de 2015 foi preterido por jovem francês de apenas sete corridas

Wehrlein se nega a comentar escolha de Ocon na Force India
Pascal Wehrlein, Manor Racing retired from the race at the start
Pascal Wehrlein, Manor Racing walks the circuit with the team
Pascal Wehrlein, Manor Racing MRT05
Esteban Ocon, Manor Racing
Pascal Wehrlein, Manor Racing
Pascal Wehrlein, Manor Racing
Pascal Wehrlein, Manor Racing
Pascal Wehrlein, Manor Racing
Carregar reprodutor de áudio

Após saber que não guiará para a Force India no próximo ano, Pascal Wehrlein concedeu entrevistas no paddock de Interlagos durante a quinta-feira do GP do Brasil. O piloto se recusou a entrar em detalhes sobre a opção do time indiano pelo francês Esteban Ocon, seu companheiro de equipe na Manor.

Na disputa da vaga ao lado de Ocon e Felipe Nasr, Wehrlein deu pistas de que a decisão pelo piloto de 19 anos foi da Mercedes-Benz. Pascal disse que foi comunicado pelo chefe de equipe da Mercedes, Toto Wolff, sobre a mudança de assentos na Force India.

“Toto me ligou. Ele disse que a Force India escolheu Esteban e foi isso.”, resumiu Wehrlein.

Perguntado pelo Motorsport.com se achava justa a decisão pelo francês, Wehrlein preferiu não falar nada.

“Não quero responder a esta pergunta, porque isso só vai ser ruim para mim”, disse.

“Foi o que aconteceu e tentarei dar o meu melhor pelas próximas corridas como sempre fiz. Nas últimas sete corridas estivemos três vezes no Q2. Espero que possamos continuar fazendo um bom trabalho.”

Para ele, o objetivo agora é assegurar um lugar na Manor para a próxima temporada. O campeão de 2015 do DTM confia que o time dará bons passos técnicos no futuro próximo. “Primeiro de tudo, não existem outros cockpits na F1. Estou feliz de continuar aqui e fazer progresso com a equipe.”

“Ter resultados como tivemos na Áustria é ótimo e a equipe tem feito um trabalho fantástico. Nós podemos dar mais um passo no próximo ano. Este é o objetivo.”

“No entanto, no momento não tenho um contrato. Então, vamos ver.”

compartilhar
comentários
Nasr não vê pressão maior do público com saída de Massa
Artigo anterior

Nasr não vê pressão maior do público com saída de Massa

Próximo artigo

Hamilton bate Verstappen por 0s096 em treino 1; Massa é 8º

Hamilton bate Verstappen por 0s096 em treino 1; Massa é 8º
Carregar comentários