F-E - Wolff: Vandoorne e de Vries "merecem estar na F1" em meio a ligações com Williams

Questionados sobre a possibilidade, ambos os pilotos dizem que não veem a mudança como prioridade no momento

F-E - Wolff: Vandoorne e de Vries "merecem estar na F1" em meio a ligações com Williams

Em meio às especulações da ida de George Russell à Mercedes na Fórmula 1 em 2022, Nyck de Vries, que corre atualmente com a equipe alemã na Fórmula E é visto como um potencial substituto. E para Toto Wolff, que acompanha in loco o ePrix de Londres, ambos os pilotos da Mercedes na categoria, de Vries e Stoffel Vandoorne "merecem estar na F1".

Vandoorne também teve seu nome ligado à vaga na Williams, que representaria um reencontro com o novo CEO da equipe, Jost Capito. Os dois trabalharam juntos na McLaren em 2016 antes de Capito sair da marca britânica.

Leia também:

Após a ida potencial de De Vries e Vandoorne ganhar tração na última semana, o chefe da Mercedes, Wolff, disse ao Motorsport.com que espera que ambos os pilotos encontrem o caminho da F1.

Acompanhando in loco o trabalho da Mercedes no ePrix de Londres, Wolff viu de Vries largar de nono para terminar em segundo e Vandoorne subir de 14º para sétimo no sábado, e disse: "Ambos os pilotos têm o talento, ética e inteligência para estar na Fórmula 1".

"Ambos venceram a categoria de acesso mais importante [Fórmula 2 / GP2]. Stofell caiu em uma situação difícil de lidar na McLaren em seu período. Ambos merecem estar na F1 e torço muito para que eles encontrem o caminho".

Nyck de Vries, Mercedes Benz EQ, EQ Silver Arrow 02, Stoffel Vandoorne, Mercedes Benz EQ, EQ Silver Arrow 02

Nyck de Vries, Mercedes Benz EQ, EQ Silver Arrow 02, Stoffel Vandoorne, Mercedes Benz EQ, EQ Silver Arrow 02

Photo by: Simon Galloway / Motorsport Images

Questionado se estaria disposto a liberar os pilotos apesar do dano que isso poderia causar à equipe da F-E, ele respondeu: "Estou muito feliz por tê-los como nossos pilotos na Fórmula E, não poderia desejar por ninguém melhor".

"Mas jamais ficaria no caminho de um piloto caso surja a possibilidade de correr na F1".

Comentando sobre a ligação com as vagas na Williams, de Vries disse ao Motorsport.com: "Sim, eu ouvi o rumor também, e admito que fiquei tão surpreso quanto vocês. Estou muito feliz com a Mercedes e a Fórmula E, e é aqui que quero ser bem sucedido".

"Agora, o que acontecerá a médio e longo prazo, não sei".

Vandoorne esteve na F1 em 2016 e 2017, correndo ao lado de Fernando Alonso com a McLaren. O belga foi candidato a substituir Hamilton no GP de Sakhir, mas a vaga foi eventualmente dada a Russell.

Questionado se Vandoorne acredita que Wolff esteja em débito com ele por conta desta ocasião, ele respondeu ao Motorsport.com: "Não penso assim para ser honesto. A Fórmula 1, pelo menos para mim, vejo como se já tivesse tido minha oportunidade".

"Estive lá com a McLaren, longe das melhores condições, vamos deixar isso claro. Para mim, não é uma obrigação, uma obsessão, como se eu precisasse estar lá. As coisas estão melhorando na Williams, mas isso não domina meus pensamentos".

CLIMA DE GUERRA: Max Wilson teme CONSEQUÊNCIA do acidente de Hamilton e Verstappen para F1; entenda

Assine o canal do Motorsport.com no Youtube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like (joinha) nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

PODCAST: Como fica o campeonato após guerra declarada entre Verstappen e Hamilton?

 

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
F-E: Vandoorne faz a pole do ePrix II de Londres; Sette Câmara e Di Grassi dividem quinta fila

Artigo anterior

F-E: Vandoorne faz a pole do ePrix II de Londres; Sette Câmara e Di Grassi dividem quinta fila

Próximo artigo

F-E: Di Grassi cruza em primeiro, mas é desclassificado do ePrix II de Londres por manobra polêmica; Lynn fica com vitória

F-E: Di Grassi cruza em primeiro, mas é desclassificado do ePrix II de Londres por manobra polêmica; Lynn fica com vitória
Carregar comentários