Fórmula 1 Fórmula E IndyCar
R
Long Beach
16 abr
Canceled
R
Birmingham
16 abr
Próximo evento em
44 dias
NASCAR Cup Stock Car Brasil
26 mar
Próximo evento em
23 dias
23 abr
Próximo evento em
51 dias
MotoGP
25 mar
Próximo evento em
22 dias
R
GP da Argentina
08 abr
Postponed

Barrichello quer correr mais vezes nos Estados Unidos

Participando das 24 Horas de Daytona, brasileiro se diz cada vez mais interessado em fazer provas no país

compartilhar
comentários
Barrichello quer correr mais vezes nos Estados Unidos
#7 Starworks Motorsport Riley MK XX: Brendon Hartley, Rubens Barrichello, Ryan Hunter-Reay, Tor Graves, Scott Mayer
Rubens Barrichello
#10 Wayne Taylor Racing Corvette DP: Ricky Taylor, Jordan Taylor, Max Angelelli, Rubens Barrichello
Rubens Barrichello
#10 Wayne Taylor Racing Corvette DP: Ricky Taylor, Jordan Taylor, Max Angelelli, Rubens Barrichello
#10 Wayne Taylor Racing Corvette DP: Ricky Taylor, Jordan Taylor, Max Angelelli, Rubens Barrichello
#10 Wayne Taylor Racing Corvette DP: Ricky Taylor, Jordan Taylor, Max Angelelli, Rubens Barrichello

Rubens Barrichello confirmou a participação nas 24 Horas de Daytona nos últimos dias pela Wayne Taylor Racing, mas o campeão da Stock Car de 2014 confirmou que as negociações já vinham a algum tempo.

"Conversamos por um bom tempo, mas acabamos decidindo recentemente", disse ao Motorsport.com.

"As 24 Horas de Daytona é uma corrida que sempre quero fazer parte. Cada vez mais quero estar envolvido com carros esportivos norte-americanos. Gosto de vir para a América e é algo que sinto que quero fazer mais."

Apesar da pouca experiência no cockpit da prova do fim de semana, Barrichello acredita que poderá fazer um bom papel em um carro protótipo.

"Eles conhecem o carro por dentro e por fora, mas sou muito competitivo. Entrei no carro em pista molhada e foi OK. Vou precisar de um pouco mais de tempo, mas eu vou ficar bem."

Melhor chance para vencer

Tendo participado três vezes das 24 Horas, Rubinho faz questão de não contar a primeira vez, em 2013, quando esteve em um Porsche pela Dener Motorsport.

"Tive duas oportunidades aqui e mais uma que não posso considerar, porque o Porsche que eu estava não foi devidamente configurado."

"No ano passado foi melhor e bom para obter a experiência, mas não acho que tivemos um carro para vencer."

"Desta vez, é a minha melhor chance com certeza", conta Barrichello.

Quando perguntado sobre o que o atraiu para a corrida, o brasileiro brincou: "o relógio", se referindo à Rolex, patrocinadora da prova. "é o amor pelo esporte e sei que ainda posso ser competitivo aos 43 anos."

Falando sobre outras provas importantes do automobilismo, Barrichello observou que participar das 24 Horas de Le Mans nunca passou pela sua cabeça, mas que ele estaria aberto, se a oportunidade certa surgisse.

Mais provas da IMSA no horizonte?

Quando questionado sobre possíveis participações na WeatherTech ainda nesta temporada, ele confirmou que definitivamente é possível.

"Podemos combinar isso. Participo de um campeonato no Brasil, mas poderia voltar e fazer mais algumas provas."

Em 2016 não há conflitos de datas entre Stock Car Brasil e algumas das principais provas do campeonato como Sebring, Watkins Glen e Petit Le Mans em Road Atlanta.

Wurz: "não voltarei a correr uma temporada inteira"

Artigo anterior

Wurz: "não voltarei a correr uma temporada inteira"

Próximo artigo

Quase em 2015, Farfus vê potencial para vencer em Daytona

Quase em 2015, Farfus vê potencial para vencer em Daytona
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria IMSA
Evento 24 Horas de Daytona
Localização Daytona International Speedway
Pilotos Rubens Barrichello
Autor Nick DeGroot