MotoGP
14 ago
Evento encerrado
21 ago
Evento encerrado
R
GP da Grã-Bretanha
27 ago
Canceled
15 out
Próximo evento em
22 dias
R
GP de Aragón
16 out
Próximo evento em
23 dias
R
GP de Teruel
23 out
Próximo evento em
30 dias
R
GP da Austrália
23 out
Canceled
R
GP da Malásia
29 out
Canceled
R
GP da Europa
06 nov
Próximo evento em
44 dias
R
GP de Valência
13 nov
Próximo evento em
51 dias
R
GP de Portugal
20 nov
Próximo evento em
58 dias

Próximo de sair da Honda, Crutchlow comenta futuro na MotoGP: “Ir para a Aprilia com Aleix pode ser muito divertido"

compartilhar
comentários
Próximo de sair da Honda, Crutchlow comenta futuro na MotoGP: “Ir para a Aprilia com Aleix pode ser muito divertido"
Por:

O britânico reconhece que suas possibilidades de continuar na Honda em 2021 são remotas com a chegada de Pol Espargaró

Logo que se confirmar a ida de Pol Espargaró para a equipe oficial da Honda na MotoGP em 2021 e, como consequência, a troca de Álex Márquez para a LCR, o maior prejudicado na história será Cal Crutchlow que, após seis temporadas correndo pela equipe, precisará de uma mudança de ares.

Depois de tomar a decisão de dispensar o piloto de seu programa na MotoGP, a Honda propôs que Cal corresse no Mundial de Superbike, uma opção rejeitada de imediato pelo britânico, abrindo novos horizontes no mundial.

Leia também:

A possibilidade mais real é de um futuro com a Aprilia, que ainda aguarda a resolução dos problemas de Andrea Iannone que, caso confirmado, deixaria um espaço livre na dupla para 2021. 

"O meu tempo na Honda foi excelente e fizemos muitas coisas juntos, mas tudo que é bom chega ao fim em algum momento", admitiu o piloto em entrevista ao portal Bikesportnews.

"Conseguimos 19 pódios, mas agora ele tem outras cartas na mesa. Se eles não ficarem com Taka [Takaaki Nakagami], eu poderia ficar, mas acho que as chances disso são baixas", disse Cal.

Crutchlow chegou à LCR em 2015 e, desde 2017, tem apoio total da fábrica. Apesar de estar de saída, o britânico não se sente menosprezado.

"Não me sinto mal com isso. Quero que o que estou fazendo seja divertido, não se trata de dinheiro. Acho que ajudar a desenvolver a RS-GP com Aleix [Espargaró] pode ser muito divertido", dizendo que ficaria feliz em correr com a Aprilia em 2021. Segundo informações, ele iniciou negociações nos últimos dias, mas sempre aguardando a resolução de Iannone.

Caso vá para a Aprilia, ele teria a bênção do mais velho dos Espargaró, que, em uma entrevista recente, afirmou que "seria ótimo" ter um piloto "com a experiência de Cal" para desenvolver a moto.

Apesar da Honda sempre ter ficado satisfeita com o desempenho do piloto, especialmente no desenvolvimento da RC213V, Cal diz que entende as razões por trás da decisão.

"Acho que mencionei uma vez e, de repente, parecia que eu estava prestes a me aposentar. Felizmente, nem todas as montadoras veem dessa maneira, e também tenho sorte de ter um bom relacionamento com Ezpeleta [CEO da Dorna]".

Nesse sentido, Carmelo Ezpeleta disse recentemente ao Motorsport.com que iria ajudar o britânico.

"Gostaria de ter Cal conosco por um longo tempo [na MotoGP] e, como fizemos muitas vezes, ajudaremos ele a encontrar um lugar", disse.

RETA FINAL: Bastidores das "tretas" da F1 na Áustria e a participação de Felipe Drugovich

PODCAST: Entrevista com Bruno Senna: a trajetória no automobilismo e histórias com tio Ayrton Senna

 

MotoGP: Quartararo passará por audiência sobre possível irregularidade em teste na França

Artigo anterior

MotoGP: Quartararo passará por audiência sobre possível irregularidade em teste na França

Próximo artigo

MotoGP: Etapa de Austin é cancelada por impacto da pandemia

MotoGP: Etapa de Austin é cancelada por impacto da pandemia
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria MotoGP
Pilotos Cal Crutchlow
Equipes Aprilia Racing Team Gresini , LCR Honda
Autor Germán Garcia Casanova