Mir: "Márquez merece ser taxado como favorito, mesmo voltando de uma lesão"

Mesmo assim, o piloto da Suzuki afirmou que vai dar o seu melhor para bater de frente com o hexacampeão e lutar por sua hegemonia

Mir: "Márquez merece ser taxado como favorito, mesmo voltando de uma lesão"

O atual campeão da MotoGP, Joan Mir, acredita que não é o favorito ao título em 2021, atribuindo esta denominação ao hexacampeão Marc Márquez, mas desde que ele consiga retornar ao grid após a lesão sofrida no ano passado.

Mir ganhou o título de 2020 de forma surpreendente e merecida, sendo o piloto mais consistente do grid em uma temporada afetada pela pandemia, com o campeonato se desenrolando apenas na Europa. Enquanto isso, Márquez estava fora das pistas, se recuperando da fratura no braço após a forte queda durante o GP da Espanha.

Leia também:

Com menos de dois meses para o início da temporada 2021, com o GP do Catar, ainda não sabemos se Márquez estará de volta no grid já no começo ou se voltará a tempo de se manter vivo na luta pelo campeonato.

"Custa muito a um piloto se recuperar de uma lesão", afirmou Mir, que, em 2019, ficou de fora por um período após um acidente em Brno.

"Se fosse outro piloto, não teria dúvidas de que o retorno seria difícil, mas como falamos de Marc, não tenho dúvidas de que poderá chegar e ganhar de cara. Não me surpreenderia. Depois de oito títulos, ele merece a pecha de favorito, mesmo voltando de uma lesão".

Neste momento, Márquez segue lesionado, e não há disponível qualquer informação sobre os planos da Honda para seu retorno. Mesmo assim, Mir se vê capaz de defender sua coroa.

"Marc é o único piloto que vejo como mais favorito neste momento. Acredito que voltará, não sei se 100%, mas se voltar, será competitivo de cara. Tem muita experiência e um pacote competitivo. Será um rival difícil de bater, mas vou tentar ficar a altura".

Mir conquistou seu primeiro título na categoria rainha apenas em seu segundo ano, algo que está ao alcance de poucos. Por isso o espanhol sonha em perpetuar esse domínio.

"Espero que sim, por isso luto a cada dia. No ano passado mostramos consistência, cabeça fria e soubemos quando acertar o passo. Acredito que posso ser um piloto mais rápido na verdade, especialmente aos sábados e domingos. Isso é chave para melhorar. Encontrar um pacote competitivo também. Não digo que a culpa é da moto, mas precisamos melhorar".

"Olhando desta forma, tenho muito mérito em conquistar o título sem quase nenhuma saída na primeira fila. Se melhorarmos nesse aspectos, podemos criar consistência, lutando pelas vitórias a partir da primeira volta. Sinto falta disso".

Como campeão do mundo, Mir tem direito a correr no ano que vem com o número 1 em sua Suzuki, mas ainda não confirmou se adotará isso.

"O número 1 é algo que lutei muito para conquistar. Há pontos positivos e negativos. Eu cheguei ao Mundial com o 36, foi com ele que conquistei dois títulos e vejo ele como meu número de trabalho. Anunciaremos no dia 12 de fevereiro".

Como não poderia ser de outro modo, Mir falou também sobre a saída de Davide Brivio do cargo de diretor da Suzuki para assumir um cargo na Alpine.

"A notícia chegou para mim durante minha única semana de férias. Liguei para Davide e ele também estava de férias. Me disse que não seguiria, achei que era piada. Fiquei chocado e ele começou a me explicar que tinha um projeto na F1, acreditando que era o momento certo para aceitá-lo".

Apesar da notícia importante, Mir disse que não perde a calma, porque a equipe está pronta.

"Davide me disse que deixou uma equipe que funciona na Suzuki, e nisso ele tem razão. A equipe está mais do que capacitada para seguir evoluindo. Não me atrevo a vetar nem indicar ninguém como substituto, porque há gente de sobra na Suzuki para fazer esse trabalho".

"Confio muito neles e em Shinichi Sahara [chefe de projeto da Suzuki]. Eles tomarão a melhor decisão. Espero que não seja nada abaixo de Davide".

Nova parceria com ThePlayer.com, a melhor opção para apostas e diversão no Brasil

Registre-se gratuitamente no ThePlayer.com e acompanhe tudo sobre Fórmula 1 e outros esportes! Você confere o melhor conteúdo sobre o mundo das apostas e fica por dentro das dicas que vão te render muita diversão e também promoções exclusivas. Venha com a gente!

ENTENDA por que motores são o CAMPO DE GUERRA da F1 para 2021 e 2022

PODCAST: Bottas reagirá na Mercedes? Como compará-lo a Barrichello, Webber e cia?

 

compartilhar
comentários
Futuro de Rossi na MotoGP será decidido após "seis ou sete GPs"
Artigo anterior

Futuro de Rossi na MotoGP será decidido após "seis ou sete GPs"

Próximo artigo

MotoGP: Após Avintia revelar moto de 2021, veja calendário de lançamentos das equipes

MotoGP: Após Avintia revelar moto de 2021, veja calendário de lançamentos das equipes
Carregar comentários