MotoGP GP do Japão

MotoGP: Mesmo largando da pole, Márquez acredita que ainda não é "hora" de voltar a vencer

Espanhol revela que esforço na chuva é menor em relação à pilotagem em condições secas

Marc Marquez, Repsol Honda Team

Marc Márquez diz que o GP do Japão de MotoGP "não é o momento" para pensar em lutar por uma vitória ainda, apesar de encerrar neste sábado uma seca de três anos sem conquistar a pole position. O piloto da Honda dominou uma classificação debaixo de chuva e atrasada no Japão por mais de dois décimos para conquistar sua primeira pole desde a rodada de Motegi em 2019, há 1071 dias.

Márquez ainda está reconstruindo seu lado físico após uma quarta grande operação no braço direito, aquele que ele quebrou em 2020, o que o forçou a ficar três meses fora entre o GP da Itália e rodada de Aragón no fim de semana passado.

Leia também:

Com a expectativa que o domingo no Japão seja seco, Márquez não acredita que irá conseguir manter a força no ombro direito até o final para poder lutar pelo pódio. Perguntado se ele estava pronto para correr na frente, o espanhol disse: "Não. Quero dizer, amanhã voltaremos ao nosso lugar natural de agora.

“Claro que gostaria de estar no topo, claro que gostaria de lutar pelo pódio, pelos cinco primeiros. Mas não é a hora, é nisso que eu acredito.

“Sempre quando tenho uma pequena chance vou tentar porque sou assim e meu caráter é o mesmo de quando cheguei a MotoGP.

“Mas amanhã será uma corrida muito longa. Já senti na sexta-feira que aqui vou lutar para ser consistente e atacar todas as voltas.”

Marc Marquez, Repsol Honda Team

Marc Marquez, Repsol Honda Team

Photo by: Gold and Goose / Motorsport Images

A pole de Márquez em Motegi marca a primeira da Honda desde que Pol Espargaró liderou a qualificação em Silverstone no ano passado, enquanto a marca não subiu ao pódio desde o Qatar este ano. Embora ele queira minimizar o significado de sua pole de retorno, Márquez admite que a Honda “precisa dessas pequenas conquistas” para permanecer motivada para 2023.

“É apenas uma pole position, é no molhado”, acrescentou. “Mas na situação em que estamos agora com a equipe, com a Honda, lutando muito neste 2022, é uma notícia muito boa para nós, porque precisamos dessas pequenas conquistas, essas pequenas motivações e esse ar fresco é o que precisamos. 

“Era a hora de fazer isso, especialmente quando no TL2 eu estava rodando no modo fácil e o tempo da volta estava chegando, eu disse 'ok, se estiver molhado à tarde eu tenho uma grande chance'.

“Tentei atacar e fiz uma boa volta – não exagerei, mas foi o suficiente para estar na pole position. Às vezes, no molhado, quando você exagera, você vai mais devagar.”

O hexacampeão mundial de MotoGP também admitiu que sua corrida no molhado no sábado no Japão foi a primeira vez, desde que quebrou o braço, que ele pôde pilotar da maneira que queria.

“Em condições molhadas, hoje foi o primeiro dia em que pilotei a moto como gosto”, disse ele. “Quero dizer, no ano passado no molhado fui competitivo, mas estava pilotando de uma forma estranha e não me senti confortável na moto.

“E eu não entendia como o tempo da volta estava chegando. Mas hoje confirmei que a posição do meu braço estava perfeita e consegui frear como queria, entrar e pegar a moto e estou muito feliz por isso.

“Por que posso andar melhor em condições molhadas do que secas? É porque o esforço nos músculos é menor, e aí consigo manter o braço na posição que gosto.

“Depois em condições secas é mais difícil, ainda não estou pronto para atacar todas as voltas. E no molhado, os pontos fracos da moto são menores.”

VÍDEO: O rumor sobre da Matta comandar a Audi na F1

Podcast #196 - Após recorde, qual Alonso ficará para a história da F1?

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior MotoGP: Márquez retorna à pole após três anos em classificação chuvosa no Japão
Próximo artigo MotoGP - Quartararo abre jogo sobre classificação: "Estou um pouco perdido nesta pista"

Principais comentários

Ainda não há comentários. Seja o primeiro a comentar.

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil