MotoGP GP do Japão

MotoGP - Quartararo abre jogo sobre classificação: "Estou um pouco perdido nesta pista"

Líder do mundial se mostrou preocupado com dificuldades que pode encontrar para fazer ultrapassagens no domingo

Fabio Quartararo, Yamaha Factory Racing
O líder do campeonato da MotoGP, Fabio Quartararo, admitiu que estava "um pouco perdido" durante a classificação molhada para o GP do Japão deste domingo e revelou que esperava se sair muito melhor do que conquistar apenas o nono lugar no grid de largada.
Leia também:
O piloto da Yamaha tem tradicionalmente lutado em condições molhadas, mas foi forte em março no GP da Indonésia quando terminou em segundo – e estava entre os 10 primeiros no FP2 na manhã de sábado em Motegi.
Mas Quartararo não conseguiu fazer melhor do que garantir o nono lugar na classificação, perdendo a pole 1.1 segundos. O francês não conseguiu fazer melhorias em sua volta inicial de 1m56.326s e não entende como isso foi possível sendo que seus rivais conseguiram tempos melhores.  
"Não estou feliz porque esperava muito melhor”, disse Quartararo. “Ainda não entendo como é possível entrar no Q2, a primeira volta fazer 1m56,7s e depois a qualificação se manter igual – sem melhoras.

“Tenho a sensação de que, quando verificamos os dados, não é a mesma coisa. Então, estou um pouco perdido nesta pista no molhado.

“A sensação é boa, mas como fazer o tempo da volta… estávamos a um segundo da pole. É muito, mas comparado ao que costumava ser, não é tão ruim. Mas é difícil de entender.”

Fabio Quartararo, Yamaha Factory Racing

Fabio Quartararo, Yamaha Factory Racing

Photo by: Gold and Goose / Motorsport Images

Quartararo larga entre seus principais rivais no campeonato Francesco Bagnaia em 12º e Aleix Espargaró em sexto e eles podem esperar uma corrida disputada em condições secas.

Ele está cauteloso com o fato de suas opções para ultrapassar com a Yamaha serem limitadas em relação à Ducati e à Aprilia.

“O único problema são as facilidades que eles têm em comparação a nós para ultrapassar”, disse ele quando perguntado se ele se concentraria apenas em onde seus rivais estão na corrida. "Este é o problema. Então, estou mais preocupado com isso e onde posso ultrapassar, porque cada zona de frenagem é depois de uma reta.

“Então, este será meu principal problema na corrida. Mas me sinto pronto e sinto que podemos fazer alguma coisa. No momento, apenas a curva 7 [é onde posso ultrapassar] e não é realmente um lugar para ultrapassar. Mas se eu quiser ultrapassar, é o único lugar que posso.”

VÍDEO: O rumor sobre da Matta comandar a Audi na F1

Podcast #196 - Após recorde, qual Alonso ficará para a história da F1?

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior MotoGP: Mesmo largando da pole, Márquez acredita que ainda não é "hora" de voltar a vencer
Próximo artigo MotoGP: Miller vence GP do Japão com tranquilidade; Bagnaia cai na última volta e Quartararo aumenta vantagem no mundial

Principais comentários

Ainda não há comentários. Seja o primeiro a comentar.

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil