MotoGP
18 out
-
20 out
Evento encerrado
25 out
-
27 out
Evento encerrado
01 nov
-
03 nov
Evento encerrado
15 nov
-
17 nov
Evento encerrado

Rossi: Yamaha não pode desperdiçar forte começo de 2019

compartilhar
comentários
Rossi: Yamaha não pode desperdiçar forte começo de 2019
Por:
24 de fev de 2019 12:49

Italiano diz que equipe deve se esforçar em continuar a progredir ao longo da temporada, depois de ter começado fortemente nos testes de pré-temporada

A Yamaha manteve o forte desempenho que mostrou nos primeiros testes de pré-temporada de 2019 em Sepang, com Maverick Viñales liderando a tabela de tempos no Catar.

Valentino Rossi foi o quinto mais rápido, a 0s553 do seu companheiro de equipe, tendo passado o dia trabalhando no aperfeiçoamento da moto para a etapa de abertura da temporada na pista de Losail, no dia 10 de março.

Tendo declarado que a Yamaha não está mais "perdida" no teste anterior em Sepang, Rossi disse que a equipe de Iwata não deve desperdiçar o impulso inicial que construiu.

Leia também:

"Estou muito feliz porque estou mais otimista [do que no ano passado]", disse o italiano, que completou 40 anos recentemente.

"Trabalhamos bem, há uma boa atmosfera e a equipe está mais concentrada e motivada em comparação aos últimos dois anos.”

"Para mim, é um longo trabalho. Precisamos de um pouco de tempo. Não são apenas três meses para recuperar essa diferença. Mas a impressão não é tão ruim e, para mim, podemos ser um pouco mais fortes do que no ano passado."

Perguntado especificamente sobre o que a Yamaha deve focar em melhorar agora, ele respondeu: "Sempre sofremos um pouco pela aderência traseira, por exemplo, nesta pista é muito importante.”

"Mas o desgaste do pneu, sofremos muito no ano passado, especialmente nas últimas cinco voltas, e parece que fizemos algumas pequenas melhorias nessa área. Temos que continuar assim e temos que trabalhar bem durante a temporada."

"Nos últimos anos não começamos tão mal, mas durante a temporada as outras fábricas nos ultrapassam. Essa é a chave. Precisamos trabalhar duro por toda a temporada."

Viñales começou o ano de 2017 bem com a Yamaha, com vitórias consecutivas no Catar e na Argentina, mas acabou perdendo força na disputa pelo título à medida que a temporada seguia.

Se descrevendo como "muito feliz" com o seu dia de trabalho no sábado, o espanhol disse que se sentiu "em um lugar melhor" em comparação com o início de sua segunda temporada com a Yamaha 12 meses atrás.

"Na verdade, o tempo de volta foi bem parecido com o ano passado, mas me sinto muito melhor na moto", disse Viñales. "Me sinto melhor, sinto que posso acelerar muito mais a moto, posso andar no meu estilo de pilotagem.”

"Mas, de qualquer maneira, não é como começamos, se trata de como termina. Precisamos estar prontos, precisamos ser fortes. Mesmo que a primeira corrida não seja boa, precisamos nos concentrar e ver se podemos fazer uma grande melhoria."

Colaboração de Oriol Puigdemont

Maverick Vinales, Yamaha Factory Racing

Maverick Vinales, Yamaha Factory Racing

Photo by: Gold and Goose / LAT Images

Próximo artigo
Viñales lidera primeiro dia de testes da MotoGP no Catar; Márquez cai

Artigo anterior

Viñales lidera primeiro dia de testes da MotoGP no Catar; Márquez cai

Próximo artigo

Márquez admite que Honda está muito atrás de rivais na MotoGP

Márquez admite que Honda está muito atrás de rivais na MotoGP
Carregar comentários