Fórmula 1
14 nov
-
17 nov
Evento encerrado
28 nov
-
01 dez
Evento encerrado
Fórmula E
R
ePrix de Santiago
17 jan
-
18 jan
Próximo evento em
39 dias
NASCAR Cup
08 nov
-
10 nov
Evento encerrado
15 nov
-
17 nov
Evento encerrado
Stock Car Brasil
08 nov
-
10 nov
Evento encerrado
22 nov
-
24 nov
Evento encerrado
MotoGP
01 nov
-
03 nov
Evento encerrado
15 nov
-
17 nov
Evento encerrado

Jacques Villeneuve competirá na NASCAR Europeia de 2019

compartilhar
comentários
Jacques Villeneuve competirá na NASCAR Europeia de 2019
Por:
, Writer
8 de abr de 2019 15:34

Canadense, campeão mundial de F1 em 1997, deve fazer parte da categoria neste ano, com início no dia 13 de abril na Espanha

Jacques Villeneuve é uma das novidades da NASCAR Europeia de 2019. O campeão da F1 de 1997 estará ao lado de outros nomes importantes do automobilismo, como o campeão da NASCAR Cup de 2000, Bobby Labonte.

A categoria foi fundada em 2009 pelo presidente Jerome Galpin, na França, antes de ser sancionada pela NASCAR. Com corridas sendo realizadas apenas na França. a série se expandiu rapidamente e os eventos começaram a serem realizados em toda a Europa em 2012.

Leia também:

As pistas da temporada 2019

Em 2019, haverá sete finais de semana de corridas na NASCAR Euro Series pela primeira vez. A temporada começa em Valência, Espanha, onde também acontece a final da MotoGP. 

A categoria irá então viajar para o Autodromo di Franciacorta, na Itália. O pequeno circuito se estabeleceu no calendário nos últimos anos. O evento de maior sucesso acontece em Brands Hatch. Com layout curto, é geralmente visto por cerca de 50 mil pessoas.

A novidade de 2019 é o Autodrom Most, na República Tcheca. Esta é a primeira vez que a NASCAR Euro Series realiza uma corrida na Europa Oriental. O final da temporada regular será no Raceway Venray, em julho. A pista na Holanda é um oval de meia milha parecida com os ovais americanos e é a única pista curta no calendário de 2019.

As semifinais serão disputadas em Hockenheim. A corrida na Alemanha é o início dos play-offs, com pontuação dobrada. No entanto, não será utilizado o traçado da F1. A final será em Zolder, na Bélgica.

Anthony Kumpen, Chevrolet

Anthony Kumpen, Chevrolet

Photo by: Alexander Trienitz

Os carros

O chassi e os motores ​​são baseados na NASCAR americana. O motor V8 tem cerca de 400 cavalos de potência e 5,7 litros. Devido ao regulamento rigoroso, a categoria é considerada um puro campeonato de pilotos.

Ajudas eletrônicas não são encontradas nesses carros. O veículo tem tração traseira e câmbio H manual de quatro velocidades, pesando 1.225 kg. Assim como na NASCAR americana, há bolhas da Chevrolet, Ford e Toyota.

O formato das corridas

A NASCAR Euro Series consiste em dois campeonatos separados: o ELITE-1 e o ELITE-2 - primeira e a segunda ligas. Em ambos os campeonatos, duas corridas acontecem todo fim de semana - com exceção de Venray, em que apenas uma prova acontece por divisão.

As corridas da ELITE-1 têm uma distância de cerca de 75 quilômetros. Na ELITE-2, cerca de 60 quilômetros são percorridos por corrida. A classificação consiste em uma sessão com a participação de todo o grid e uma ‘superpole’ em que os doze melhores pilotos do Q1 competem pela pole position.

Os prêmios

Para os campeões das divisões ELITE-1 e ELITE-2, há um tratamento especial além dos prêmios em dinheiro. Ambos os campeões têm o direito de competir em uma corrida da NASCAR nos Estados Unidos. O bicampeão, Alon Day, já correu na Cup. O ex-campeão, Anthony Kumpen, participou da prova da Xfinity em Daytona.

Além disso, existem várias premiações especiais nas duas divisões para novatos e mulheres. Os vencedores desses campeonatos separados também receberão uma permissão para tentar correr nos EUA. Haverá também programas de intercâmbio de pilotos com as categorias do Canadá e do México.

Os principais nomes da categoria

Devido ao desafio de guiar um carro sem qualquer auxílio eletrônico, a série está se tornando cada vez mais popular entre os pilotos da Europa. A entrada de Villeneuve mostra o aumento do interesse na série. O piloto de Fórmula 1, Daniil Kvyat, também já testou um carro NASCAR Euro.

Em 2019, o tricampeão Ander Vilarino, da Espanha, retornará ao campeonato. Alon Day, que venceu dois títulos consecutivos, agora busca o tri.

Bobby Labonte competiu em tempo integral na temporada de 2018 e está ansioso para voltar neste fim de semana na Espanha.

"As corridas são realmente boas e a competição está ficando mais forte a cada ano na NASCAR Whelen Euro Series, então estou animado para voltar ao carro na Espanha", disse Labonte. "A corrida do ano passado em Valência foi bastante intensa, tivemos algumas grandes batalhas porta com porta e será ótimo aplicar o que aprendemos no ano passado nesta segunda vez.”

"Mais e mais fãs europeus estão descobrindo a atmosfera especial dos eventos da NASCAR Euro e será ótimo revê-los em Valência neste fim de semana."

Bobby Labonte, Go Green Racing Ford

Bobby Labonte, Go Green Racing Ford

Photo by: Alexander Trienitz

Próximo artigo
Jacques Villeneuve correrá NASCAR Euro em 2019

Artigo anterior

Jacques Villeneuve correrá NASCAR Euro em 2019

Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria NASCAR , NASCAR Cup , NASCAR Euro
Pilotos Bobby Labonte , Jacques Villeneuve , Ellen Lohr
Autor André Wiegold