Últimas notícias

Porsche Cup: Emocionado, Caio Castro cita Senna após vitória apoteótica em Interlagos

Ator conquistou segunda vitória da carreira no circuito paulistano

Caio Castro comemora vitória no pódio

O Autódromo de Interlagos tem reservado os melhores momentos da carreira de piloto de Caio Castro. No ano passado, em sua temporada de estreia na Porsche Cup, o ator já havia conquistado seu primeiro triunfo na categoria no circuito paulistano.

Leia também:

Neste sábado, durante a terceira etapa de 2022, ele conquistou a pole position mais cedo, mas acabou punido, perdendo sua melhor volta e se viu obrigado em começar na 10ª posição.

Durante a prova, com os acidentes e as entradas de safety car, Caio conseguiu avançar, chegando à liderança nos minutos finais e segurando a pressão de Urubatan Jr., para seu novo triunfo.

Após a conquista, o ator, visivelmente emocionado, relembrou os momentos desde à infância, até se tornar um dos astros da Porsche Cup da atualidade.

“A primeira [lembrança desse relacionamento com Interlagos] é a de fã de um dos maiores pilotos do planeta que já pisou aqui”, disse ele citando Ayrton Senna. “Poder estar no mesmo lugar que ele é tudo o que eu não posso pensar na hora (da corrida). Eu preciso me concentrar muito na corrida porque, além de ser difícil, de ser um traçado técnico e o nível ser muito alto de competição, existe um lado emocional que pode me prejudicar muito.

“Mas aí a gente faz a Junção certinha, aí a Curva do Café que é a curva mais gostosa que tem nessa vida, e aí tudo vem de novo na cabeça e é muito bom.”

“Percebemos que dava para ganhar quando conversamos com o time. Eu já larguei de último e cheguei em quinto, foram 13 posições, eu só precisava de 10 hoje. Mesmo numa pista relativamente com mais pontos de ultrapassa era difícil, mas não era impossível. Então, foi bem pensado, e corrida é sempre corrida. Na prática, a teoria é totalmente outra. Eu nem sei muito o que falar, estou muito feliz, muito mesmo.”

“Eu não sabia quais seriam minhas possibilidades quando eu comecei a andar de kart, de entrar numa categoria desse tamanho, de competir em nível próximo, profissional, nunca passou pela minha cabeça.

“Eu simplesmente fui investindo na medida possível. Quando eu vi, estava no kart, depois me ‘federei’, comecei a competir em etapas profissionais e depois eu estava na Porsche. Falei, espera aí, caramba, eu pensei nisso há vários anos. Então, a vida é muito louca”, concluiu.

Veja como foi

Assine o canal do Motorsport.com no YouTube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like ('joinha') nos vídeos e ative as notificações para ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

Podcast #181 – O que novo carro da F1 tem de melhor e pior até agora?

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

 

 

Artigo anterior Porsche Sprint Challenge: Caio Castro faz corrida de recuperação e vence em Interlagos após prova tumultuada
Próximo artigo Porsche Cup: Pedro Aguiar admite surpresa com problema de Hahn na última volta
Assinar