Alonso: regras novas me farão decidir se continuo na F1

Bicampeão mundial diz que novo regulamento de 2017 vai determinar se segue na F1 ou para de competir

Alonso: regras novas me farão decidir se continuo na F1
Fernando Alonso, McLaren on the drivers parade
Fernando Alonso, McLaren MP4-31
Fernando Alonso, McLaren MP4-31
Fernando Alonso, McLaren Honda
Paul Monaghan, Red Bull Racing Chief Engineer with Fernando Alonso, McLaren on the grid
Fernando Alonso, McLaren
Fernando Alonso, McLaren MP4-31

Aos 35 anos de idade, Fernando Alonso já se encontra na parte final de sua carreira na Fórmula 1. No campeonato desde o ano de 2001, o piloto espanhol disse que seu futuro depende das novas regras que a categoria planeja implantar no ano que vem.

"Os carros estão mais lentos do que há alguns anos. Há o sentimento de que nós temos que economizar combustível, pneus, bateria e etc. Há uma economia constante que vai contra o instinto de um piloto, que é dar o máximo", disse Alonso à rádio espanhola COPE.

"Assim, a minha continuidade na Fórmula 1 vai depender das regras do próximo ano, se os carros serão muito diferentes.”

"Se os carros forem divertidos, se eu tiver a sensação de que estou dirigindo no limite, como era o caso da Fórmula 1 no passado, não será um problema ficar. Se esta fórmula de poupar for continuar, então vamos ver."

Alonso insistiu que o desempenho da McLaren não afetará sua decisão, desde que ele esteja gostando de guiar.

"Meu contrato com a McLaren termina no próximo ano e eu vou pensar sobre isso. Mas não tem nada a ver com os resultados, é mais sobre o quanto eu estiver gostando de guiar."

Apesar da parceria McLaren-Honda não ter alcançado os resultados que esperava até agora, Alonso diz que ainda está gostando do desafio.

"Durante estes dois anos difíceis, com um projeto que começou a partir de zero, estou me divertindo e estou aprendendo um monte de coisas.”

"Crescemos com McLaren e a Honda juntas a partir de zero, e isso é um desafio enorme para a carreira de um piloto.”

"Se eu sentisse que preciso ganhar corridas, ou se não tivesse nenhum título, sentiria uma pressão diferente ou seria mais impaciente para ganhar. No meu caso, é um desafio maravilhoso no qual estou envolvido."

compartilhar
comentários
Massa lembra Schumacher em jogo: "pessoa incrível"
Artigo anterior

Massa lembra Schumacher em jogo: "pessoa incrível"

Próximo artigo

Perez critica atuação de Verstappen em duelo com Kimi

Perez critica atuação de Verstappen em duelo com Kimi
Carregar comentários