Fórmula 1 GP do Japão

Alonso revela quando decidiu seguir na F1 e renovar com Aston Martin

Espanhol assinou um acordo plurianual com o time de Silverstone

Fernando Alonso, Aston Martin F1 Team

Foto de: Simon Galloway / Motorsport Images

O anúncio da permanência de Fernando Alonso com a Aston Martin na Fórmula 1 em um acordo plurianual vai mexer com o paddock da categoria e o mercado de pilotos. E, segundo o próprio bicampeão, essa decisão de seguir correndo não foi tomada há muito tempo.

Desde o começo do ano, Alonso vinha deixando claro que precisava de tempo para ponderar qual seria seu futuro. Com o contrato chegando ao fim em 2024, ele tinha três opções na mesa: renovar com a Aston Martin, buscar oportunidades em outras equipes do grid ou mesmo a aposentadoria.

Leia também:

Com a saída repentina de Lewis Hamilton para a Ferrari, Alonso se tornou um importante nome do mercado de pilotos, sendo um dos mais cotados para substituir o heptacampeão na Mercedes. E em meio ao tumulto da Red Bull, ele também viu seu nome ligado a uma possível substituição de Max Verstappen, caso o holandês optasse por sair.

Mas, em coletiva após a confirmação de sua renovação, Alonso voltou a reafirmar que a Aston sempre foi sua primeira opção.

"Foi fácil", disse. "Não acho que tenha mudado muito desde fevereiro. Eu precisava de algumas corridas para pensar se eu estava pronto para me comprometer por mais anos na F1, porque o calendário está mais intenso. E agora os carros também, os compromissos".

"Sim, meu amor pela F1 e meu amor pela Aston Martin não mudou. Mas eu queria esse tempo para refletir e tomar a decisão. A F1 toma todo seu tempo ou energia, você precisa desistir de todo o resto para seguir correndo".

O espanhol revelou ainda que a tomada de decisão foi recente, com a temporada 2024 já em andamento.

"Assim que eu tomei a decisão, foi após a Austrália, eu sentei com a Aston, porque é como eu havia dito em fevereiro, que eles seriam minha prioridade, e não foi difícil. Ambos queríamos o mesmo. Eu queria seguir correndo com a Aston Martin. A Aston queria me manter no carro".

"Então quando dois lados querem o mesmo, em algum momento você chega a um acordo. Isso torna tudo mais emocionante, seguir correndo e com essa equipe, eu me sinto em casa aqui. Havia também uma lealdade para com a equipe que eu queria expressar".

ALONSO fica na ASTON até 26 e com motor HONDA: Ele AGUENTA até os 45 ou devia ter esperado Mercedes?

Faça parte do Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube

Podcast #277 – Leclerc não se ajuda ou é azarado?

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

Faça parte do nosso canal no WhatsApp: clique aqui e se junte a nós no aplicativo!

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior F1: Alonso 'emula' Michael Jordan em anúncio de renovação com Aston Martin; entenda
Próximo artigo "Verdadeiro prazer", diz Alonso sobre reencontro com Honda na Aston Martin a partir da F1 2026

Principais comentários

Ainda não há comentários. Seja o primeiro a comentar.

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil