Últimas notícias

AlphaTauri: sucesso na F1 em 2019 se deveu à sinergia com a Red Bull

Comandante da antiga Toro Rosso destaca alto nível dos engenheiros da equipe principal

Pierre Gasly, Toro Rosso STR14, leads Daniil Kvyat, Toro Rosso STR14, and Alex Albon, Red Bull RB15

Franz Tost, chefe da AlphaTauri (antiga Toro Rosso) na Fórmula 1, disse que a parceria mais próxima da escuderia de Faenza com a equipe principal Red Bull foi a chave para um melhor desempenho em 2019.

A antiga Scuderia Toro Rosso alcançou o sexto lugar no campeonato de construtores, igualando seu melhor resultado de todos os tempos, e viu tanto Daniil Kvyat como Pierre Gasly conquistarem pódios no último campeonato.

Leia também:

Com a Red Bull e a Toro Rosso usando a mesma unidade de potência da Honda na última temporada, as duas equipes compartilharam mais componentes técnicos do que nos tempos anteriores.

"Não há dúvida de que o desempenho que mostramos foi resultado de uma alta sinergia com a Red Bull", disse Tost ao Motorsport.com. "Só podemos lucrar com essa sinergia, então é o que fazemos”.

"É uma vantagem maior para nós do que se fizermos tudo sozinhos, porque não temos nem os recursos financeiros nem os engenheiros que a Red Bull tem. Podemos então nos concentrar em outras áreas onde podemos melhorar o desempenho", ponderou.

Além disso, Tost reconheceu que a luta no pelotão intermediário provavelmente será ainda mais difícil em 2021: "Não estamos todos diminuindo a velocidade. Espero que aceleremos mais do que os outros!”.

“Tudo depende de quão competitivo será o novo carro e de quanto progresso a Honda alcançará. Mas, de um modo geral, devemos ter um pacote muito bom porque o carro já tem um certo bom nível”.

De olho em 2020, mas também em 2021

"Temos dois pilotos experientes e a Honda trabalhará muito para melhorar o desempenho. Mas vai ser muito difícil, porque você precisa encontrar o equilíbrio do desenvolvimento do carro para 2020, mas não pode se esquecer do carro para 2021”.

"E isso depende também dos recursos financeiros que você possui. E, é claro, as três principais equipes têm uma grande vantagem. Sabemos disso, mas mesmo assim, faremos um grande esforço para chegar em 2020 com um bom carro, e também em 2021”.

Tost também elogiou o conhecimento que a combinação de Kvyat e Gasly traz para a equipe: “Do lado da experiência, temos a melhor formação de pilotos de todos os tempos. Pode ser que em 2021 tenhamos um jovem piloto na equipe. Atualmente, não é necessário."

"Acho que atualmente estamos em posição para manter esses pilotos, porque se algo acontecer na Red Bull, eles podem tirar um piloto experiente de nós”, ponderou o chefe de equipe da nova AlphaTauri.

Quer ver Fórmula 2, Fórmula 3, Indy e Superbike de graça? Inscreva-se no DAZN e tenha acesso grátis por 30 dias a uma série de eventos esportivos. Cadastre-se agora clicando aqui. 

GALERIA: Todos os carros e pilotos de Red Bull e Toro Rosso na F1

2005 - Red Bull, David Coulthard
2005 - Red Bull, Christian Klien
2005 - Red Bull, Vitantonio Liuzzi
2006 - Toro Rosso, Scott Speed
2006 - Toro Rosso, Vitantonio Liuzzi
2006 - Red Bull, Robert Doornbos, Christian Klien e David Coulthard
2007 - Toro Rosso, Vitantonio Liuzzi
2007 - Toro Rosso, Scott Speed
2007 - Toro Rosso, Sebastian Vettel
2007 - Red Bull, Mark Webber
2007 - Red Bull, David Coulthard
2008 - Toro Rosso, Sébastien Bourdais
2008 - Toro Rosso, Sebastian Vettel
2008 - Red Bull, David Coulthard
2008 - Red Bull, Mark Webber
2009 - Toro Rosso, Sebastien Buemi
2009 - Toro Rosso, Sébastien Bourdais
2009 - Toro Rosso, Jaime Alguersuari
2009 - Red Bull, Mark Webber
2009 - Red Bull, Sebastian Vettel
2010 - Toro Rosso, Sebastien Buemi
2010 - Toro Rosso, Jaime Alguersuari
2010 - Red Bull, Mark Webber
2010 - Red Bull, Sebastian Vettel
2011 - Toro Rosso, Jaime Alguersuari e Sebastien Buemi
2011 - Red Bull, Mark Webber
2011 - Red Bull, Sebastian Vettel
2012 - Toro Rosso, Daniel Ricciardo e Jean-Eric Vergne
2012 - Red Bull, Mark Webber
2012 - Red Bull, Sebastian Vettel
2013 - Toro Rosso, Daniel Ricciardo e Jean-Eric Vergne
2013 - Red Bull, Mark Webber e Sebastian Vettel
2014 - Toro Rosso, Jean-Eric Vergne, e Daniil Kvyat,
2014 - Red Bull, Sebastian Vettel
2014 - Red Bull, Daniel Ricciardo
2015 - Toro Rosso, Max Verstappen,e Carlos Sainz Jr.
2015 - Red Bull, Daniil Kvyat e Daniel Ricciardo
2016 - Toro Rosso, Carlos Sainz Jr.
2016 - Red Bull / Toro Rosso, Daniil Kvyat
2016 - Red Bull, Daniel Ricciardo
2016 - Toro Rosso / Red Bull, Max Verstappen
2017 - Toro Rosso, Carlos Sainz Jr., e Daniil Kvyat, Scuderia
2017 - Toro Rosso, Brendon Hartley e Pierre Gasly
2017 - Red Bull, Daniel Ricciardo e Max Verstappen
2018 - Toro Rosso, Pierre Gasly e Brendon Hartley
2018 - Daniel Ricciardo e Max Verstappen
2019 - Toro Rosso / Red Bull, Alexander Albon
2019 - Toro Rosso, Daniil Kvyat
2019 - Red Bull / Toro Rosso, Pierre Gasly
2019 - Red Bull, Max Verstappen
50

Siga o Motorsport.com no Twitter, Facebook, Instagram e Youtube.

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior Kubica: culpar pneus seria "desculpa barata" para 2019 decepcionante
Próximo artigo Leclerc: "Adoraria pilotar uma MotoGP, mas não sei se a Ferrari deixa"

Principais comentários

Ainda não há comentários. Seja o primeiro a comentar.

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil