Análise técnica F1: Tudo que a Ferrari mudou em 2023 antes de revolução em 2024

Matt Somerfield e Giorgio Piola destrincham as atualizações de Maranello ao longo do último campeonato; para o próximo, chefe Vasseur promete carro 95% novo

Ferrari SF-23 comparison Spanish GP

Ferrari SF-23 comparison Spanish GP

Giorgio Piola

Análise técnica de Giorgio Piola

Análise técnica de Giorgio Piola

A Ferrari implementou um plano de desenvolvimento constante para seu SF-23 em 2023, incluindo uma mudança na arquitetura do sidepod - seguindo Red Bull, Alpine e AlphaTauri - e pelo menos venceu uma prova, com o triunfo do espanhol Carlos Sainz no GP de Singapura de Fórmula 1.

O editor recomenda:

A Scuderia chegou muito perto de superar a Mercedes na briga pelo vice-campeonato de construtores. Vamos dar uma olhada detalhada em alguns dos detalhes mais sutis do carro de Maranello na íntegra.

Ferrari SF23 front wing comparison

Photo by: Giorgio Piola

Ferrari SF23 front wing comparison

O conjunto do bico do modelo SF-23 diferia do seu antecessor em virtude do seu comprimento, já que a ponta não foi mais conectada ao plano principal, numa solução distinta da adotada na F1 2022. Veja acima.


Ferrari SF-23 S-duct detail

Photo by: Giorgio Piola

Ferrari SF-23 S-duct detail

O SF-23 também tinha um recurso interessante exclusivo da Ferrari e permitia que o fluxo de ar capturado abaixo da entrada 'escapasse' para a superfície superior do sidepod, como ilustrado nas setas acima.


Ferrari SF-23 technical detail

Photo by: Giorgio Piola

Ferrari SF-23 technical detail

O carro sem parte da carroceria inferior do chassi instalada nos permite ver a estrutura interna e o suporte de mola que o conecta à parte inferior do chassi, conforme se vê no flagra do Motorsport.com acima.


Ferrari SF-23 technical detail

Photo by: Giorgio Piola

Ferrari SF-23 technical detail

O chassi do monoposto vermelho 'desce' para permitir que o braço inferior seja posicionado um pouco mais abaixo, conforme se pode perceber no detalhe retratado pela foto do Motorsport.com logo acima.


Ferrari SF-23, new rear wing

Photo by: Giorgio Piola

Ferrari SF-23, new rear wing

Após a estreia do campeonato no Bahrein, a Ferrari introduziu uma nova asa traseira no GP da Arábia Saudita, que apresentava um único pilar de suporte central, em vez do arranjo de dois pilares. Compare você mesmo observando a imagem acima e a abaixo.


Ferrari SF-23, old rear wing

Photo by: Giorgio Piola

Ferrari SF-23, old rear wing

A Ferrari deu uma 'mordida' na placa final da asa dianteira como parte de uma atualização para a Arábia Saudita, com o recorte em forma de C no canto inferior provavelmente visando um efeito de outwash melhorado. Confira abaixo:


Ferrari SF-23 front wing end plate detail

Photo by: Giorgio Piola

Ferrari SF-23 front wing end plate detail

Na foto abaixo, você vê um close dos suportes separadores de fenda instalados na asa dianteira do carro italiano, que oferecem mais suporte aerodinâmico do que os suportes normais em estilo ferradura na F1.


Ferrari SF-23 technical detail

Photo by: Uncredited

Ferrari SF-23 technical detail

Abaixo, o bico do SF-23 sem o painel externo no lugar mostra como a estrutura interna de impacto e os painéis externos são embalados. Interessante observar essa peça de uma forma um pouco diferente.


Ferrari SF-23 technical detail

Photo by: Uncredited

Ferrari SF-23 technical detail

A Ferrari equipou o SF-23 com mais sensores no GP do Azerbaijão para coletar dados adicionais em Baku, já após algumas etapas do temporada 2023 da elite global do esporte a motor. Confira abaixo:


Ferrari SF-23 detail

Photo by: Uncredited

Ferrari SF-23 detail

A tinta Flo-viz também foi usada como meio de obter confirmação visual de desempenho na asa traseira, asa, difusor, etc. A utilização do Flo-viz é um recurso muito comum de todas as escuderias da F1.


Ferrari SF-23 rear detail with flow-vis paint

Photo by: Giorgio Piola

Ferrari SF-23 rear detail with flow-vis paint

Abaixo, uma comparação entre o arranjo do freio dianteiro do F1-75 (esquerda) e do SF-23 (direita) mostra como o time de Maranello optou por mover a pinça para a posição baixa, para adotar a carenagem do disco. Notavelmente, um novo padrão de perfuração também foi favorecido para ajudar a controlar melhor as temperaturas em uma faixa mais ampla, algo importante para o rendimento.


Ferrari SF-23 front brake comparison

Photo by: Giorgio Piola

Ferrari SF-23 front brake comparison

Já em Monte Carlo, a oferta de asa traseira de alto downforce da Ferrari para o GP de Mônaco apresentava um único pilar de montagem, conforme se verifica no flagra do Motorsport.com abaixo.


Ferrari SF-23 technical detail

Photo by: Uncredited

Ferrari SF-23 technical detail

Mais detalhes aerodinâmicos


Ferrari SF-23 technical detail

Photo by: Uncredited

Ferrari SF-23 technical detail

Acima, um close do duto do chassi abaixo da entrada principal do sidepod. Abaixo, um close da saída do duto do chassi e dos dois painéis de guelras de resfriamento dentro da banheira do sidepod.


Ferrari SF-23 technical detail

Photo by: Uncredited

Ferrari SF-23 technical detail

Como se vê abaixo, a borda do assoalho do monoposto SF-23 tinha dois recortes para criar um ponto de separação no centro, com a parte traseira do assoalho afunilando para dentro e para cima.


Ferrari SF-23 floor detail

Photo by: Giorgio Piola

Ferrari SF-23 floor detail

Abaixo, a borda dianteira do assoalho da Ferrari SF-23 e seus detalhes. Como se sabe, o assoalho é a parte mais importante da atual geração de carros da F1, introduzida em 2022 com a volta do efeito solo. O assoalho gera cerca de 60% de downforce do carro.


Ferrari SF-23 floor front

Photo by: Giorgio Piola

Ferrari SF-23 floor front

Um novo pacote sidepod chegou para o SF-23 em Barcelona, enquanto a equipe se afastava de sua solução estilo banheira e adotava algo mais parecido com as soluções de downwash que muitos rivais estavam usando agora.


Ferrari SF-23 comparison Spanish GP

Photo by: Giorgio Piola

Ferrari SF-23 comparison Spanish GP

A borda do assoalho revisada no SF-23 então apresentou um alongamento com uma seção voltada para cima na frente, enquanto um suporte de metal foi usado para conectar a seção mais traseira. Veja abaixo:


Ferrari SF-23 detail

Photo by: Uncredited

Ferrari SF-23 detail

Um close do chassi do SF-23 sem o painel externo instalado nos permite ver alguns dos elementos de suspensão internos. Uma harmonia bem feita entre ela, o assoalho e a superfície aerodinâmica é fundamental.


Ferrari SF-23 technical detail

Photo by: Uncredited

Ferrari SF-23 technical detail

Abaixo, um close do espelho retrovisor do SF-23 e das superfícies que o envolvem. Ainda que continuem importantes, vimos que essa superfície aerodinâmica perdeu protagonismo para o assoalho. 


Ferrari SF-23 Detail

Photo by: Giorgio Piola

Ferrari SF-23 Detail

Abaixo, um close da região do halo e da caixa de ar do SF-23, que está repleta de aletas e winglets de ajuste de fluxo. No fim dos anos 2000, os carros da categoria máxima do automobilismo mundial eram repletos dessas soluções aerodinâmicas.


Ferrari SF-23 detail

Photo by: Uncredited

Ferrari SF-23 detail

Um novo design de asa dianteira foi empregado em Spielberg, com o recorte em forma de C na placa final preenchido mais uma vez e um pequeno winglet incorporado em seu lugar. O formato da borda frontal da placa terminal também foi alterado (linha pontilhada). Observe:


Ferrari SF-23 new endplate, Austrian GP

Photo by: Giorgio Piola

Ferrari SF-23 new endplate, Austrian GP

Uma olhada na borda frontal do assoalho e nas 'cercas' em uma imagem interessante que flagra o assoalho desmontado enquanto o carro é consertado na garagem da marca italiana do Cavalo Rampante.


Ferrari SF-23 technical detail

Photo by: Giorgio Piola

Ferrari SF-23 technical detail

A Ferrari empregou um arranjo de asa em estilo biplano no GP da Grã-Bretanha, no mítico autódromo inglês de Silverstone, com um elemento superior de ripas colocado à frente do elemento inferior. Confira:


Ferrari SF-23 technical detail

Photo by: Giorgio Piola

Ferrari SF-23 technical detail

Dê uma olhada na unidade de potência ferrarista antes de a equipe colocá-la no lugar correspondente atrás do chassi. O motor de Maranello seguiu bastante competitivo na temporada 2023.


Ferrari SF-23 technical detail

Photo by: Giorgio Piola

Ferrari SF-23 technical detail

A Ferrari testou uma asa traseira com fixação mais baixa no GP da Hungria, no tradicional Hungaroring.


Ferrari SF-23 technical detail

Photo by: Matt Kew

Ferrari SF-23 technical detail

Abaixo, um close da seção traseira do assoalho do SF-23 com o bloco de conexão para o suporte de metal agora configurado como uma 'ponte' entre o assoalho e a asa lateral.


Ferrari SF-23 detail

Photo by: Uncredited

Ferrari SF-23 detail

Um novo design de asa traseira foi introduzido no GP da Bélgica, em Spa-Francorchamps, quando a Ferrari apresentou sua versão da solução de seção de ponta aberta que muitos de seus concorrentes já haviam testado. Um recorte central também estava presente na borda posterior da aba superior, com um Gurney também aplicado (veja detalhes para comparação com as especificações normais).


Ferrari SF-23 rear wing detail, Belgian GP

Photo by: Giorgio Piola

Ferrari SF-23 rear wing detail, Belgian GP

A asa traseira da Ferrari para o GP da Itália foi simplesmente uma reformulação do design de Monza-2022, com a equipe preferindo economizar os recursos necessários para desenvolver uma solução sob medida.


Ferrari SF-23 rear wing

Photo by: Giorgio Piola

Ferrari SF-23 rear wing

Uma asa de viga de elemento único foi selecionada e combinada com a asa traseira de baixa pressão aerodinâmica no GP da Itália.


Ferrari SF-23 technical detail

Photo by: Giorgio Piola

Ferrari SF-23 technical detail

A aba superior da asa dianteira também foi fortemente aparada para ajudar a igualar os níveis de downforce da frente para trás, considerando a escolha feita na traseira do carro.


Ferrari SF-23 technical detail

Photo by: Filip Cleeren

Ferrari SF-23 technical detail

Um raro vislumbre da estrutura traseira, com suspensão e conjunto de freios do SF-23 em pé na garagem.


Ferrari SF-23 technical detail

Photo by: Uncredited

Ferrari SF-23 technical detail

O disco de freio traseiro e as carenagens da pinça foram tratadas termicamente com a tinta prateada.


Ferrari SF-23 technical detail

Photo by: Uncredited

Ferrari SF-23 technical detail

Uma visão incomum da asa dianteira sem as duas abas móveis, ausentes neste clique abaixo.


Ferrari SF-23 technical detail

Photo by: Uncredited

Ferrari SF-23 technical detail

Brânquias maiores foram empregadas no México para ajudar com o resfriamento por causa do ar rarefeito.


Ferrari SF-23 detail

Photo by: Giorgio Piola

Ferrari SF-23 detail

A estrutura de colisão traseira, suspensão e conjunto de freio traseiro visto de cima.


Ferrari SF-23 detail

Photo by: Uncredited

Ferrari SF-23 detail

O SF-23 foi equipado com duas soluções no GP de Las Vegas, enquanto a equipe procurava o equilíbrio certo entre o downforce necessário (especificação do GP da Bélgica) e a vantagem de velocidade em reta que poderia ser obtida (especificação do GP da Itália). Confira:


Ferrari SF-23 rear wing comparison, Las Vegas GP

Photo by: Giorgio Piola

Ferrari SF-23 rear wing comparison, Las Vegas GP


Aqui está a lista dos componentes que a Ferrari listou como alterados no documento de apresentação do carro antes de cada corrida.

  • Arábia Saudita
    • Placa final da asa dianteira
    • Borda do assoalho
    • Asa Beam (abaixo da traseira)
  • Austrália
    • Nada
  • Azerbaijão
    • Asa traseira
  • Miami
    • Assoalho
  • Mônaco
    • Dutos de freio traseiros
    • Asa traseira
  • Espanha
    • Assoalho
    • Sidepod
    • Asa traseira
  • Canadá
    • Nada
  • Áustria
    • Asa dianteira
    • Corpo do assoalho
  • Grã-Bretanha
    • Nada
  • Hungria
    • Asa dianteira
  • Bélgica
    • Asa traseira
  • Holanda
    • Nada
  • Itália
    • Asa dianteira
    • Asa traseira
  • Singapura
    • Flap da asa dianteira
  • Japão
    • Assoalho
  • Catar
    • Nada
  • Estados Unidos
    • Nada
  • México
    • Melhoramentos no cockpit
    • Gurney na saída de ar traseira
  • Brasil
    • Nada
  • Las Vegas
    • Nada
  • Abu Dhabi
    • Nada

DRUGOVICH e BORTOLETO na mesma equipe de F1? Brasileiros falam sobre 2024 e ALÉM na ASTON e McLAREN

Podcast #263 – Max mais incomodado? Briga pela P2 acirrada? O que esperar da F1 2024?

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

Faça parte do nosso canal no WhatsApp: clique aqui e se junte a nós no aplicativo!

Be part of Motorsport community

Join the conversation
Artigo anterior F1: Lendário engenheiro da Ferrari é ‘descoberto’ no projeto de novo carro
Próximo artigo F1: "Estar na Audi é minha prioridade número um", diz Bottas

Top Comments

Ainda não há comentários. Seja o primeiro a comentar.

Sign up for free

  • Get quick access to your favorite articles

  • Manage alerts on breaking news and favorite drivers

  • Make your voice heard with article commenting.

Motorsport prime

Discover premium content
Assinar

Edição

Brasil