Fórmula 1
19 mar
-
22 mar
Próximo evento em
23 dias
02 abr
-
05 abr
Próximo evento em
37 dias
30 abr
-
03 mai
Próximo evento em
65 dias
07 mai
-
10 mai
Próximo evento em
72 dias
21 mai
-
24 mai
Próximo evento em
86 dias
R
GP do Azerbaijão
04 jun
-
07 jun
Próximo evento em
100 dias
11 jun
-
14 jun
Próximo evento em
107 dias
25 jun
-
28 jun
Próximo evento em
121 dias
R
GP da Áustria
02 jul
-
05 jul
Próximo evento em
128 dias
R
GP da Grã-Bretanha
16 jul
-
19 jul
Próximo evento em
142 dias
30 jul
-
02 ago
Próximo evento em
156 dias
R
GP da Bélgica
27 ago
-
30 ago
Próximo evento em
184 dias
03 set
-
06 set
Próximo evento em
191 dias
R
GP de Singapura
17 set
-
20 set
Próximo evento em
205 dias
24 set
-
27 set
Próximo evento em
212 dias
08 out
-
11 out
Próximo evento em
226 dias
R
GP dos Estados Unidos
22 out
-
25 out
Próximo evento em
240 dias
29 out
-
01 nov
Próximo evento em
247 dias
12 nov
-
15 nov
Próximo evento em
261 dias
R
GP de Abu Dhabi
26 nov
-
29 nov
Próximo evento em
275 dias

Brawn crê que Leclerc não será tão "acomodado" quanto Raikkonen

compartilhar
comentários
Brawn crê que Leclerc não será tão "acomodado" quanto Raikkonen
Por:
19 de dez de 2018 16:04

Para chefe esportivo da Fórmula 1, Vettel terá desfio mais severo e considera "de altos e baixos" campanha de Vettel em 2018

Charles Leclerc vai substituir Kimi Raikkonen ao lado de Sebastian Vettel na próxima temporada na Ferrari e já foi cotado para lutar pelo título em seu primeiro ano com a famosa equipe italiana.

O diretor esportivo da Fórmula 1, Ross Brawn, que foi parte vital do sucesso da Ferrari com Michael Schumacher em seu período na equipe de 1997 a 2006, acredita que Vettel terá um desafio mais severo com o novo companheiro de equipe.

"Não imagino que Charles Leclerc seja tão acomodado quanto Kimi em certas ocasiões", disse Brawn em entrevista ao site oficial da F1.

Vettel já disse que não espera "nada de errado na pista" com Leclerc na próxima temporada. No entanto, ele estará sob pressão para liderar a equipe e continuar sendo o principal candidato ao campeonato após a temporada de 2018.

Brawn disse que a campanha de Vettel foi "de altos e baixos", mas insistiu que progressos tanto da Ferrari quanto do piloto são necessários.

"Ele teve ótimas atuações e teve um grande papel em levar o time adiante, mas no final, Sebastian e o time não conseguiram", disse.

"Ele teve um ou dois erros, o que é lamentável, mas isso pode acontecer com os pilotos”.

"Eles tiveram um ano forte, mas eles têm que dar o próximo passo e entregar - e isso é, Vettel e a equipe”, acrescentou Brawn.

Brawn relaciona os erros de Vettel em 2018 ao desenvolvimento da Ferrari na direção errada, mas disse que o piloto não teve sua parcela de responsabilidade.

"Como piloto, você tem que estar envolvido com essas coisas."

"Lembro-me de quando estava na Ferrari. Se tivéssemos algo sobre o qual estávamos inseguros, Michael (Schumacher) estaria batendo à minha porta para conversar sobre isso e passaria tempo com os engenheiros, trabalharia até se sentir confortável com o que estava acontecendo“, declarou.

Apesar de acreditar que o piloto alemão e a equipe precisam de melhorias, Brawn declarou que “a diferença entre sucesso e fracasso é muitas vezes pequena”.

"Eu não acho que ele ou a equipe precisam mudar as coisas drasticamente, eles só precisam desse pouquinho de polimento para sair da linha."

Próximo artigo
Prefeito de Londres crê na possibilidade de corrida da F1 nas ruas da cidade

Artigo anterior

Prefeito de Londres crê na possibilidade de corrida da F1 nas ruas da cidade

Próximo artigo

Chefe da Force India diz que poderia ter deixado time em julho

Chefe da Force India diz que poderia ter deixado time em julho
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Pilotos Charles Leclerc
Equipes Ferrari Compre Agora
Autor Scott Mitchell