Fórmula 1
29 ago
-
01 set
Evento encerrado
05 set
-
08 set
Evento encerrado
19 set
-
22 set
Evento encerrado
26 set
-
29 set
Evento encerrado
10 out
-
13 out
Evento encerrado
31 out
-
03 nov
Próximo evento em
16 dias
14 nov
-
17 nov
R
GP de Abu Dhabi
28 nov
-
01 dez
Próximo evento em
44 dias

Brawn: Ponto para volta mais rápida "animou" fim do GP da Austrália

compartilhar
comentários
Brawn: Ponto para volta mais rápida "animou" fim do GP da Austrália
Por:
20 de mar de 2019 12:37

Diretor esportivo da Fórmula 1 ficou satisfeito com efeito da regra e também se mostrou otimista com o novo regulamento aerodinâmico

Diretor esportivo da Fórmula 1, Ross Brawn disse que a reintrodução do ponto extra para o autor da volta mais rápida da corrida "animou" a parte final do Grande Prêmio da Austrália, disputado em Melbourne no último domingo. "A volta da pontuação extra para piloto e equipe animou os estágios finais da corrida, já que Verstappen tentou superar Bottas, que estava com as mãos no prêmio", disse Brawn.

Vencedor da prova de Albert Park, o finlandês da Mercedes se tornou o primeiro piloto a conquistar o ponto desde 1959. Para isso, o companheiro de Lewis Hamilton teve de contrariar o chefe da equipe. Segundo Toto Wolff, os dois pilotos "ignoraram" as ordens para não buscar a volta mais rápida.

Leia também:


Já Brawn disse que a disputa pela volta mais rápida foi exatamente o que a FIA pretendia: "Em uma corrida em que as posições no pódio pareciam definidas desde o início, a luta para conquistar um ponto a mais, que pode ser de vital importância nas etapas finais do campeonato, certamente animou o fim da corrida. Foi exatamente o que nós e a FIA tínhamos em mente quando surgiu a ideia”.

Brawn também acrescentou que ficou satisfeito com a influência dos novos regulamentos aerodinâmicos para 2019 depois de um GP da Austrália que contou com mais batalhas de roda a roda do que nas últimas temporadas: "Os sinais iniciais são encorajadores, especialmente porque, além das ultrapassagens reais, vimos algumas batalhas emocionantes.

“Claramente não foi tudo, já que o desempenho das equipes do pelotão intermediário se equilibrou. E vários pilotos disseram que os carros estão mais seguros quando seguem outro quando comparado aos anos anteriores. Mas a pista australiana não é o teste mais preciso, então prefiro esperar pelo menos mais três corridas antes de tirar qualquer conclusão. No entanto, os primeiros sinais são encorajadores”.

Max Verstappen, Red Bull Racing RB15 overtakes Sebastian Vettel, Ferrari SF90

Max Verstappen, Red Bull Racing RB15 overtakes Sebastian Vettel, Ferrari SF90

Photo by: Dirk Klynsmith / Sutton Images

Próximo artigo
Hamilton e Vettel são contra planos de recapear Albert Park

Artigo anterior

Hamilton e Vettel são contra planos de recapear Albert Park

Próximo artigo

Honda: Pódio não muda nossa situação da noite para o dia

Honda: Pódio não muda nossa situação da noite para o dia
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Evento GP da Austrália
Autor Tom Errington