Em resposta "morna", F1 lembra que Andretti/Cadillac ainda precisam de aprovação formal para entrada

Já Sulayem, presidente da FIA, foi mais positivo às notícias, mas reforçou a necessidade de seguir o processo à risca

Michael Andretti during driver announcement

A Fórmula 1 respondeu de forma pouco entusiasmada ao anúncio da união da Andretti com a Cadillac para uma equipe potencial para o grid do mundial no futuro, insistindo que qualquer decisão sobre novas entradas não dependem apenas da Federação Internacional de Automobilismo.

A Andretti Global anunciou nesta quinta-feira (05) uma parceria com a General Motors para protocolar a expressão de interesse junto à FIA para se unir ao grid da F1 no futuro. Isso veio dias após o presidente Mohammed ben Sulayem anunciar sua intenção de abrir o processo para potenciais novas equipes.

Leia também:

O anúncio de Sulayem veio após meses de expectativas e declarações da Andretti sobre a entrada na F1, que não foram recebidas com entusiasmo pelas equipes rivais e mesmo pela própria categoria.

Enquanto o envolvimento da GM e da Cadillac é um grande ponto positivo para a Andretti, a F1 divulgou um comunicado insistindo que o processo deve ser seguido à risca, com o projeto precisando provar sua credibilidade a longo prazo.

"Há um grande interesse no projeto da F1 neste momento com várias conversas avançando que podem não ser tão visíveis quanto as outras", disse a categoria em comunicado. "Todos queremos garantir que o campeonato siga credível e estável, e que qualquer novo pedido seja avaliado pelos critérios que permeiam esses objetivos".

"Qualquer novo pedido de entrada precisa de um acordo tanto da F1 quanto da FIA".

Enquanto a F1 não chegou a nomear outras partes interessadas, haviam especulações antes da pausa de Natal de que a Ford avaliava uma potencial parceria com a Red Bull, enquanto a Hyundai também teve seu nome ligado a uma nova entrada, além da situação indefinida da Porsche.

Na coletiva desta quinta, não foi dado um prazo para o início das atividades da Andretti / Cadillac, mas dificilmente isso aconteceria antes de 2026. A ideia é que, inicialmente, a GM faça uma parceria com alguma fornecedora de motores antes de desenvolver sua própria tecnologia.

Já Sulayem recebeu positivamente a notícia da Andretti, mas destacou que ainda há um longo caminho pela frente antes de sabermos se o projeto será aceito para integrar o grid.

"É particularmente animador ter o interesse de duas marcas icônicas como a General Motors - Cadillac e a Andretti Global", disse. "Qualquer entrada adicional precisa construir em cima da aceitação positiva do regulamento de motores da FIA para 2016, junto das outras montadoras, que já atraiu uma nova como a Audi".

"Qualquer processo de expressão de interesse deve seguir os rígidos protocolos da FIA, que deve levar vários meses".

Andretti está ciente de que equipes rivais e a F1 não pareciam particularmente interessadas em ter a marca no grid, mas tem fé de que o encorajamento de Sulayem ajudará a evoluir o processo. Questionado pelo Motorsport.com se está mais otimista com suas chances após a manifestação de Sulayem, Andretti disse: "Sim, acreditamos que sim. No final das contas, ainda é uma categoria FIA".

"O presidente definitivamente mostrou que ele gostaria de ter uma 11ª equipe, pelo menos, no grid. Ele é um piloto, ele entende a importância disso para a categoria. Então sim, sentimos confiança de que, assim que a expressão de interesse for entregue, especialmente em nossa parceria com a Cadillac, que teremos uma boa chance de cumprirmos todos os requisitos".

Sainz propõe novo tipo de punição na F1

Quer fazer parte de um seleto grupo de amantes de corridas, associado ao maior grupo de comunicação de esporte a motor do mundo? CLIQUE AQUI e confira o Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube. Nele, você terá acesso a materiais inéditos e exclusivos, lives especiais, além de preferência de leitura de comentários durante nossos programas. Não perca, assine já!

Podcast #211 - O que esperar da F1 em 2023?

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior Andretti dá passo para entrar na F1 em parceria com Cadillac: "Uma equipe verdadeiramente americana"
Próximo artigo F1: Com Gasly 'pendurado', veja pontos da superlicença de cada piloto em 2023

Principais comentários

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil Brasil