Últimas notícias
Fórmula 1 GP do Brasil

F1 considera nova regra para recriar relargada "mágica" do GP do Brasil

Para Ross Brawn, relargadas podem acrescentar adrenalina às corridas e aumentar valor de entretenimento da F1

Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1 W10, leads Max Verstappen, Red Bull Racing RB15, Sebastian Vettel, Ferrari SF90, Alexander Albon, Red Bull RB15, Charles Leclerc, Ferrari SF90, and the rest of the field as the first Safety Car period ends

O diretor esportivo da Fórmula 1, Ross Brawn, sugeriu que a categoria deve analisar uma mudança nas regras de relargada no futuro, para recriar os "espetaculares" reinícios observados no GP do Brasil, no último domingo.

Leia também:

Uma mudança nas regras fez com que, a partir deste ano, na relargada após a saída do safety car, os carros só possam ultrapassar uns aos outros depois de cruzarem a linha de chegada. No passado, eles tinham permissão para ultrapassar na 'linha do carro de segurança', que é situada antes da entrada dos boxes.

A nova regra fez com que, em Interlagos, o piloto líder pudesse segurar o pelotão até pouco antes da linha de chegada, ao invés de arrancar na curva final, como se fazia no passado. Isto permitiu uma intensa briga por posições nos dois reinícios da prova.

Ross Brawn, disse que o valor de entretenimento das relargadas foi 'anotado' e que pensa em propor mudanças nas regras para recriar o mesmo tipo de espetáculo no futuro.

“Foram relargadas emocionantes e fascinantes que serão analisadas com muito cuidado, pois a proximidade do grupo nos segundos que antecederam as bandeiras verdes resultou em um grande espetáculo, porque os pilotos disputavam posições e onde a menor vantagem se revelava decisiva", afirmou o diretor.

"Examinar a possibilidade de recriar via procedimento essas condições no futuro é um conceito interessante e que, sem dúvida, será explorado na próxima temporada”.

Relargadas foram repletas de ultrapassagens.

Relargadas foram repletas de ultrapassagens.

Photo by: Mark Sutton / Motorsport Images

Falando sobre a vitória de Max Verstappen, Brawn afirmou que "Ele foi particularmente forte na segunda relargada, quando ele controlou o ritmo do pelotão para garantir que ninguém poderia ultrapassá-lo e roubar sua vitória".

Além de Brawn, alguns pilotos também ficaram empolgados com as relargadas em Interlagos. É o caso de Daniel Ricciardo.

"Foi legal”, disse ele, quando perguntado pelo Motorsport.com sobre o novo procedimento. “Acho que porque agora eles não ultrapassam até a linha de controle ou a linha de chegada, isso nos permite basicamente arrancar menos cedo, e pressionar até o fim".

“Quando Lewis liderou o primeiro reinício, acho que ele arrancou mais cedo, depois viu que os outros estavam perto e diminuiu a velocidade. Mas, para ser sincero, adoro todas essas coisas agora, então está tudo bem".

"Você vê que os carros estão travando, e isso pode ser um pouco caótico, mas obviamente isso acrescenta muita adrenalina. E quando a corrida vira uma fila indiana, às vezes, uma relargada reacende um pouco a adrenalina em você”.

Quer ver Fórmula 2, Fórmula 3, Indy e Superbike de graça? Inscreva-se no DAZN e tenha acesso grátis por 30 dias a uma série de eventos esportivos. Cadastre-se agora clicando aqui. 

Verstappen, vitorioso em grandes corridas

Em tempos de pleno domínio da Mercedes e lampejos da Ferrari, o piloto da Red Bull conquistou vitórias marcantes. E sempre se superou para chegar aos triunfos. Na galeria especial abaixo, o Motorsport.com relembra as vitórias espetaculares do holandês. Confira:

GP da Espanha de 2016
A corrida foi a primeira de Verstappen na Red Bull. O holandês substituiu Daniil Kvyat, rebaixado para a Toro Rosso.
GP da Espanha de 2016
Na largada, Rosberg ultrapassou o pole Hamilton, que tentou retomar a liderança na sequência. O britânico, porém, errou o bote e tirou as duas Mercedes da prova.
GP da Espanha de 2016
O caminho ficou aberto para a vitória de Verstappen, que soube administrar bem a vantagem à frente.
GP da Espanha de 2016
Com o triunfo, o holandês se tornou o mais jovem vencedor da história da Fórmula 1.
GP da Espanha de 2016
Raikkonen e Vettel completaram o pódio da agitada etapa espanhola.
GP da Malásia de 2017
Verstappen herdou a posição de largada de Raikkonen, que teve problemas com sua Ferrari, atrás do pole Hamilton.
GP da Malásia de 2017
Com ritmo melhor que o da Mercedes, o holandês superou Hamilton e venceu em Sepang.
GP da Malásia de 2017
Daniel Ricciardo completou o pódio na segunda vitória de Verstappen pela Red Bull.
GP da Malásia de 2017
Verstappen vibra com o triunfo na Malásia.
GP da Malásia de 2017
O holandês já se colocava como rival de Ricciardo dentro da Red Bull, dando pontapé à tensão com o australiano.
GP do México de 2017
Verstappen largou em segundo, atrás do pole Vettel, que tentava sobrevida na briga pelo título com Hamilton.
GP do México de 2017
Verstappen ultrapassou o tetracampeão no início da prova e despontou na liderança.
GP do México de 2017
O holandês chegou a ultrapassar Hamilton como retardatário antes de vencer no Hermanos Rodríguez.
GP do México de 2017
Dominante vitória de Verstappen no circuito mexicano, no qual ele voltaria a vencer no ano seguinte.
GP do México de 2017
Bottas chegou em segundo, à frente do conterrâneo ferrarista Raikkonen.
GP da Áustria de 2018
Na corrida do ano passado em Spielberg, Verstappen largou em quarto.
GP da Áustria de 2018
Logo no começo da prova, o holandês ascendeu uma posição, superando Raikkonen.
GP da Áustria de 2018
No fim das contas, as duas Mercedes abandonaram e Verstappen triunfou. Nesta foto, ele conversa com o pai Jos no Red Bull Ring.
GP da Áustria de 2018
Mais uma grande vitória de Verstappen, que já vivia forte tensão com o ex-companheiro Ricciardo.
GP da Áustria de 2018
Raikkonen chegou em segundo, à frente do companheiro Vettel.
GP do México de 2018
Em sua segunda vitória no México, Verstappen largou em segundo, atrás de Ricciardo.
GP do México de 2018
O holandês despachou o então companheiro no começo da prova e despontou na liderança após sofrer ataque de Hamilton.
GP do México de 2018
Verstappen conseguiu abrir distância para o britânico e rumou para mais uma dominante vitória.
GP do México de 2018
Vettel chegou em segundo e Raikkonen completou mais um pódio em sua extensa carreira.
GP do México de 2018
Festa com champanhe para Verstappen, consolidado como primeiro piloto da Red Bull.
GP da Áustria de 2019
As coisas começaram ruins para Verstappen, que caiu de segundo para sétimo após péssima largada. No entanto, ele se recuperou e brilhou com várias ultrapassagens. A foto acima antecede o bote do holandês sobre Vettel a 20 voltas do fim da prova em Spielberg.
GP da Áustria de 2019
Logo após, Verstappen não tomou conhecimento de Bottas e assumiu a segunda posição.
GP da Áustria de 2019
A 3 voltas do fim, o holandês foi com tudo para cima de Leclerc. Com direito a toque entre os pilotos, Verstappen conseguiu ultrapassar para vencer no Red Bull Ring.
GP da Áustria de 2019
A manobra foi mais um motivo de delírio para a torcida da Red Bull na casa da equipe. Os trajes laranjas comprovam a idolatria ao holandês.
GP da Áustria de 2019
O pódio mostra Leclerc contrariado. O monegasco não concordou com a manobra do vencedor. Após três horas de reuniões, os comissários decidiram que o 'lance' foi normal e confirmaram a vitória do holandês.
GP da Alemanha de 2019
Verstappen teve uma largada ruim e caiu para a quarta posição após se classificar em segundo para a prova de Hockenheim. Mas logo nas primeiras voltas o holandês conseguiu ultrapassar Kimi Raikkonen e assumir o terceiro posto.
GP da Alemanha de 2019
Na sequência, o piloto da Red Bull passou a perseguir a dupla da Mercedes. No entanto, o vem e vai da chuva acabou bagunçando o grid e o holandês chegou a ficar mais para trás após as trocas de pneus.
GP da Alemanha de 2019
Mas uma série de incidentes com os rivais, aliado às boas decisões da Red Bull na escolha dos pneus para cada momento da 'corrida maluca' e a constante entrada do safety car, permitiram que Verstappen assumisse a ponta, enquanto os adversários colecionavam erros.
GP da Alemanha de 2019
Após assumir a liderança, o holandês foi preciso em sua pilotagem. Sem cometer erros e ainda anotando a melhor volta da corrida, Verstappen precisou apenas manter o controle da distância sobre os rivais para garantir a segunda vitória em 2019.
GP da Alemanha de 2019
Foi a sétima vitória do "Mad Max" e a 61ª da Red Bull. E mais uma vez, o jovem holandês superou os rivais em uma prova cheia de emoção. De quebra, a Honda faturou a segunda vitória como fornecedora de motores desde o retorno à categoria.
GP do Brasil de 2019
O holandês largou na ponta após se afirmar no classificatório e não deu chances para Hamilton.
GP do Brasil de 2019
A batalha passou para a estratégia, mas Max fez valer seu talento e repassou Hamilton após perder a posição nos boxes.
GP do Brasil de 2019
No fim das contas, novo pit stop demoveu Hamilton para quarto, mas o britânico bateu em Albon, tirando o companheiro de Verstappen do pódio. Melhor para Pierre Gasly, que chegou atrás de seu ex-parceiro.
GP do Brasil de 2019
Festa da Red Bull e da Toro Rosso no pódio. Hamilton ainda tomaria punição pela batida e caiu para sétimo, saindo do top-3.
GP do Brasil de 2019
O pódio foi completado por Carlos Sainz, da McLaren. O espanhol foi o primeiro companheiro de Verstappen na F1, ainda na Toro Rosso.
40

Siga o Motorsport.com Brasil no TwitterFacebookInstagram e Youtube.

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior Pódio de Sainz encerra jejum de cinco anos da McLaren fora do top-3
Próximo artigo F1: Questionado sobre Senna, Verstappen nega que precise de título para ser respeitado

Principais comentários

Ainda não há comentários. Seja o primeiro a comentar.

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil