F1: Decepcionado com a Red Bull, Tsunoda manda recado para equipe: "Espero mais comprometimento"

Japonês ainda dá indícios de renovação de contrato com atual RB

Yuki Tsunoda, Visa Cash App RB F1 Team

Yuki Tsunoda espera receber "mais comprometimento" da Red Bull depois de ter sido preterido e não ter recebido uma oportunidade na equipe de Milton Keynes na temporada 2025 da Fórmula 1.

Leia também:

Nessa terça-feira, a Red Bull anunciou que renovou o contrato de Sergio Pérez por mais dois anos, indo até o fim de 2026. A decisão do time de manter o mexicano está fazendo com que alguns peças do mercado se movimentem, como Carlos Sainz que segue em 'dúvida' entre Williams e Audi.

Mas isso também afeta a lista mais ampla de pilotos da Red Bull, incluindo a dupla da RB, Tsunoda, Daniel Ricciardo e o reserva Liam Lawson. Dos três, o desempenho de destaque fica para o japonês, visto como o candidato mais óbvio à promoção, mas a extensão de dois anos de Pérez significa que ele terá que esperar. 

Embora Tsunoda tenha dito que "não está com pressa" para ser promovido e que estava feliz o suficiente para ficar 'parado' por enquanto, ele também queria ver "mais comprometimento da Red Bull em relação às suas opções futuras".

"Eu gostaria de ver mais comprometimento no contrato", disse Tsunoda. "Obviamente, já estou muito comprometido com a Red Bull e espero que eu possa ter um pouco mais de comprometimento da parte deles. Há uma discussão em andamento e quero ter certeza de que, antes de tudo, estamos na mesma página com a Red Bull. Mas estou feliz com a RB."

"Mesmo nesses dois anos, [Pérez] ainda precisa ter um bom desempenho e, nesse tipo de ambiente, tudo pode acontecer. Portanto, parabéns a ele e, fora isso, para mim, continuo me concentrando no que estou fazendo e provando meu valor. Eu só tenho que crescer mais e, ao mesmo tempo, espero que a Red Bull entenda mais ou veja mais meu progresso e meu desempenho e talvez [isso] possa mudar no futuro."

Tsunoda disse que foi reconfortante ver que ele recebeu interesse de equipes rivais no paddock nas últimas semanas e meses, dando-lhe potencialmente mais opções no futuro se ele precisar mudar para um plano B.

"O bom é que as outras equipes estão começando a se interessar por mim", acrescentou ele, "é bom que eu possa aumentar meu valor também, especialmente neste mercado interessante de pilotos. Mas, antes de tudo, minha prioridade é a Red Bull. Quero ter certeza de que estamos na mesma página, porque a Red Bull faz parte da minha vida até agora e, sem ela, eu não teria alcançado tanto."

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior Playoffs 'estilo NASCAR' na Fórmula 1? CEO diz que "ainda" não
Próximo artigo F1: Ricciardo de volta à Red Bull? Australiano revela planos para o futuro

Principais comentários

Ainda não há comentários. Seja o primeiro a comentar.

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil