F1 - Eliminado no Q2, Hamilton desabafa: "A sensação é a mesma por três anos consecutivos"

Heptacampeão não conseguiu se classificar entre os dez primeiros por apenas 0s05 neste sábado em Melbourne

Lewis Hamilton, Mercedes F1 W15

Sam Bloxham / Motorsport Images

Lewis Hamilton diz que o carro de Fórmula 1 da Mercedes em 2024 continua mostrando “picos” de promessa que então “desaparecem”, assim como seus antecessores problemáticos, enquanto ele tenta experimentos de configuração no estilo 2022.

Leia também:

O heptacampeão mundial de F1 foi eliminado no Q2, depois de ter conquistado oito pole positions em Melbourne. Ele não conseguiu ficar entre os 10 primeiros por apenas 0s05 em relação ao seu companheiro de equipe, George Russell.

Hamilton especulou que o “pico” promissor mostrado no terceiro treino livre foi desfeito pelo aumento dos ventos para a qualificação que colocou o desafiante W15 no “fio da faca”. Esta temperamentalidade com o carro o lembrou de seus dois antecessores de efeito solo, que se mostraram igualmente imprevisíveis.

“A cada ida à pista você aprende algo novo”, disse Hamilton. “O TL3 foi muito bom para nós e me senti muito otimista ao entrar na classificação, mas não sei se é o vento que aumentou e então o carro ficou muito mais no fio da navalha. São três anos consecutivos de uma sensação semelhante”, acrescentou. “Mas então há picos de ‘Oh, pode ser bom’ como esta manhã. E então meio que desaparece."

“Se conseguirmos encontrar essa qualidade no carro e torná-lo mais consistente e mantê-la, talvez possamos ser mais competitivos. Mas há muito trabalho que precisamos fazer, mas todos estão trabalhando o máximo que podem.”

Hamilton inicialmente lutou para igualar Russell nas classificações durante sua primeira temporada como companheiros de equipe em 2022. Mas finalmente descobriu-se que isso se devia em parte ao fato de Hamilton ter rodado com variações extremas de configuração em uma tentativa de solucionar os problemas do W13.

Com a dupla optando por ajustes diferentes novamente na Austrália, quando questionado pelo Motorsport.com se a história estava se repetindo, Hamilton disse que estava realmente tentando algo semelhante.

“Em 2022, não estávamos dividindo [as configurações]”, explicou Hamilton. “George estava fazendo uma coisa. Eu estava tentando todas as configurações existentes para tentar ajudar a equipe a encontrar opções e descobrir como poderíamos consertar isso. É praticamente o mesmo, um pouco parecido com este ano. Eu tentei muitas coisas diferentes. Mas acho que neste fim de semana estamos muito mais próximos.”

Verstappen faz a POLE na AUSTRÁLIA. Mas FERRARI preocupa RED BULL para o GP de F1?

Faça parte do Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube

Podcast: Verstappen fora da Red Bull? Drugo tem chances em 2025?

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

Faça parte do nosso canal no WhatsApp: clique aqui e se junte a nós no aplicativo!

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior Com Verstappen pole e Sainz em segundo, confira o grid de largada para o GP da Austrália
Próximo artigo F1: Pérez é punido com posições no grid após atrapalhar Hulkenberg na classificação

Principais comentários

Ainda não há comentários. Seja o primeiro a comentar.

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil