Fórmula 1 GP dos Estados Unidos

F1: Entenda a atualização da Mercedes no assoalho do W14

Equipe não espera grandes progressos, destacando que o foco principal é entender se o carro de 2024 está no caminho correto

Mercedes W14 technical detail

A Mercedes divulgou nesta sexta-feira o que deve ser a última atualização para o W14 na temporada 2023 da Fórmula 1: um novo assoalho, que a equipe classifica como um "termômetro" para o progresso do desenvolvimento do carro de 2024.

As mudanças feitas ao assoalho do W14 podem ser divididas em dois segmentos: os que têm um impacto na seção mais dianteira e os que impactam a parte externa.

Leia também:

Porém, é válido notar que, enquanto é possível ver claramente as mudanças nas superfícies externas, é possível que tenhamos mudanças na parte inferior, que não é possível ver em condições normais.

Mercedes W14 technical detail

Photo by: Giorgio Piola

Mercedes W14 technical detail

Na parte dianteira do assoalho, a borda foi levantada e as cercas ajustadas, não somente em termos de posição, mas forma também, para que elas tenham um impacto no fluxo de ar tanto acima quanto abaixo da borda de fuga. 

Em conjunto com isso, um ajuste na cerca mais externa, com uma borda enevoada sendo utilizada antes da rampa de transição no assoalho, em vez de um grande degrau.

Essa seção em rampa também foi ajustada para aproveitar as alterações de volume feitas na parte inferior do assoalho nesta região.

Mercedes W14 technical detail

Photo by: Giorgio Piola

Mercedes W14 technical detail

A seção dianteira da asa de borda, que já tem um design no estilo de pergaminho, completo com venezianas, também foi modificada. Esta seção passa a ter ainda mais curvatura, resultando na reorientação das palhetas para que elas deem o apoio necessário para a carga adicional que é gerada no local.

A Mercedes também parece ter seguido o caminho da Alpine, com tufos sendo utilizados como forma de checar se as modificações funcionam como o esperado.

A Mercedes manteve cautela ao falar sobre a atualização e seu potencial. Porém, está claro que há muito que a equipe pode aprender com as mudanças feitas, para entender melhor como suas ideias podem funcionar no projeto do próximo ano.

Quer fazer parte de um seleto grupo de amantes de corridas, associado ao maior grupo de comunicação de esporte a motor do mundo? CLIQUE AQUI e confira o Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube. Nele, você terá acesso a materiais inéditos e exclusivos, lives especiais, além de preferência de leitura de comentários durante nossos programas. Não perca, assine já!

OUÇA: Pérez e até Marko na 'corda bamba' da RBR. Andretti-Ferrari na F1? Caos pré-EUA

 

 

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior F1- Horários, previsão do tempo e como assistir ao sábado de corrida sprint no GP dos Estados Unidos
Próximo artigo ANÁLISE F1: O que realmente está acontecendo entre Horner e Marko na Red Bull?

Principais comentários

Ainda não há comentários. Seja o primeiro a comentar.

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil