F1: Hamilton diz que não se surpreende com contratações de ex-Mercedes pela Red Bull

Escuderia austríaca revelou nesta quinta-feira que contratou mais cinco engenheiros da montadora alemã

F1: Hamilton diz que não se surpreende com contratações de ex-Mercedes pela Red Bull

Lewis Hamilton disse que não está surpreso com as equipes rivais na Fórmula 1 estarem contratando funcionários da Mercedes, depois que a Red Bull anunciou a contratação de mais engenheiros da montadora alemã para trabalhar em seu projeto de motor.

A Red Bull revelou na manhã desta quinta-feira (06) que contratou mais cinco engenheiros da  High Performance Powertrains da Mercedes, após anunciar anteriormente que Ben Hodgkinson seria o diretor técnico de seu novo departamento Red Bull Powertrains.

Leia também:

Questionado sobre os movimentos da escuderia austríaca pelo Autosport na coletiva de imprensa para o GP da Espanha, Hamilton destacou o sucesso que a equipe de Toto Wolff teve desde o início da era turbo híbrida, e disse que não se surpreende que outros times o queiram se beneficiar dessa experiência através de contratações.

“Não é algo que eu [dedique muito tempo] particularmente”, disse.

“Obviamente, há tudo isso em segundo plano e acho que tenho o melhor aliado com Toto [Wolff, chefe da Mercedes], que trabalhará para gerenciar da melhor maneira possível."

“Sem dúvida, cada indivíduo que está em nossa equipe é incrível e não é uma surpresa que todos os desejem. Tivemos muito sucesso juntos."

“Se há pessoas que mudaram, desejo-lhes tudo de bom."

“Todos nós temos que percorrer nossas próprias jornadas e tomar nossas próprias decisões, que são certas para nós."

“Mas esta é uma grande equipe - e não se trata de um indivíduo. Ou mesmo cinco. É sobre um coletivo."

“E nós temos um grupo coletivo incrível de pessoas que ainda permanece sólido e focado em vencer este campeonato.”

Hamilton também foi questionado sobre como ele se sente sobre as farpas entre as equipes fora das corridas, com alguns observadores sugerindo que os anúncios da Red Bull foram um movimento deliberado para ganhar uma vantagem fora da pista.

Em resposta, ele disse: “Felizmente para mim, meu trabalho [significa] que eu não tenho que me concentrar nessas coisas e eu realmente não gosto ... Eu não estou a par de toda a batalha psicológica que as pessoas gostam de ter."

“É interessante ver de fora as pequenas disputas que as pessoas estão tendo, as escavações que os indivíduos fazem."

“Na verdade, estou tentando ser o melhor que posso. E eu sei que se colocar toda a minha energia nisso, posso fazer grandes coisas."

“Meu pai sempre dizia 'fale na pista' - então é isso que eu faço e é isso que eu faço", concluiu.

F1 2021: Mercedes X RBR, Bottas X Russell, Grosjean e tudo da Espanha com Rico Penteado | TELEMETRIA

Assine o canal do Motorsport.com no Youtube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like (joinha) nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

PODCAST: Oscar das pistas: histórias da F1 que rendem filme

 

.

 

compartilhar
comentários
F1: Hamilton defende Bottas e diz que pessoas precisam “dar um tempo” a ele

Artigo anterior

F1: Hamilton defende Bottas e diz que pessoas precisam “dar um tempo” a ele

Próximo artigo

DIRETO DO PADDOCK: Bottas pistola, posição da Mercedes sobre Russell e mais

DIRETO DO PADDOCK: Bottas pistola, posição da Mercedes sobre Russell e mais
Carregar comentários