F1: Hamilton passa mal após corrida e é atendido por médico da Mercedes

Heptacampeão fez corrida intensa neste domingo e teve que passar no "departamento médico" da Mercedes; Toto credita sintomas ao desempenho de hoje

F1: Hamilton passa mal após corrida e é atendido por médico da Mercedes

Lewis Hamilton foi atendido por um médico da Mercedes após o GP da Hungria após sofrer tontura e fatiga. O heptacampeão fez uma forte corrida de recuperação depois de uma estratégia errada da Mercedes deixá-lo em último lugar. Hamilton conseguiu chegar em terceiro colocado.

Aparentando cansaço após a corrida, Hamilton deixou de participar de algumas entrevistas para as TVs enquanto ia atrás de atendimento médico. Um representante da Mercedes confirmou que Hamilton estava sofrendo de fatiga e um pouco de tontura. O chefe da equipe, Toto Wolff, disse que não há nenhum motivo para se preocupar com a condição médica de Lewis Hamilton.

Leia também:

"Eu não conversei com ele ainda e o nosso médico está com ele", disse Wolff. "Eu acho que você pode relacionar isso [os sintomas] com o calor que esta fazendo e com a corrida que ele teve com diversas ultrapassagens. Isso é exaustivo. Eu acho que ele está bem, mas melhor estar seguro do que estar triste."

Na primeira entrevista pós-corrida, Hamilton disse que já tinha dado tudo de si no fim da prova em que escalou quase que todo o grid. "Eu dei tudo que podia. E no final já não tinha mais nada."

Apesar de não conseguir a vitória, o seu terceiro lugar, junto do rival pelo título Max Verstappen terminando em 10º lugar, foi o bastante para que Hamilton chegasse novamente na liderança do campeonato.

compartilhar
comentários
F1- Hamilton: "nós sempre dificultamos para nós mesmos"
Artigo anterior

F1- Hamilton: "nós sempre dificultamos para nós mesmos"

Próximo artigo

F1- Verstappen: "esses 'momentos malucos' estão custando o campeonato"

F1- Verstappen: "esses 'momentos malucos' estão custando o campeonato"
Carregar comentários