Hamilton perderá 10 posições no grid de Abu Dhabi caso receba mais uma reprimenda; saiba o porquê

Heptacampeão foi advertido pela segunda vez no ano após fechar Mazepin no TL3 de Jeddah; regulamento prevê punição com três avisos

Hamilton perderá 10 posições no grid de Abu Dhabi caso receba mais uma reprimenda; saiba o porquê

Durante o terceiro treino livre do GP da Arábia Saudita de Fórmula 1, Lewis Hamilton fechou, sem intenção, Nikita Mazepin enquanto fazia uma volta lenta na Curva 8 da pista de Jeddah. Por estar em um ponto cego, o russo teve que desviar rapidamente para evitar um acidente mais forte entre os dois. Como resultado, o britânico levou uma advertência.

Apesar de ser uma punição mais leve, ela pode causar problemas para o heptacampeão na etapa decisiva de Abu Dhabi, pois caso receba outra reprimenda relacionada a infrações de condução, e a terceira em 2021, será penalizado em dez posições no grid de largada.

Leia também:

A primeira advertência de Hamilton foi no GP do México, onde ele fez uma manobra arriscada de volta à pista, como citado no documento divulgado na época: "O carro 44 saiu do traçado no lado esquerdo entre as curvas 1 e 2 e voltou entre a 2 e 3, em vez de retornar pilotando para o lado esquerdo do bollard na Curva 3."

A segunda, que foi o já citado bloqueio em Mazepin, também foi confirmada pela FIA: "O piloto recebeu um aviso de dez segundos de que o carro 9 se aproximava quando ele estava na Curva 2. Devido a uma falha de comunicação, ele não recebeu outro alerta até que o veículo estivesse ao seu lado. É responsabilidade do motorista evitar obstáculos, para este circuito, ele depende da equipe para se comunicar de forma eficiente. Isto não aconteceu neste caso."

Além da reprimenda, a Mercedes também recebeu uma multa de 25 mil euros (cerca de R$ 160 mil reais) por ter tido influência no incidente.

O regulamento da F1 diz que, na terceira advertência de um piloto, e caso as duas primeiras sejam por infrações de pilotagem, ele receberá uma punição de dez posições na corrida. Caso o limite seja estourado durante a prova, a penalidade é aplicada na seguinte.

"Qualquer piloto que receber três reprimendas no mesmo campeonato irá, mediante imposição da terceira, pagar uma pena de dez lugares no grid naquele evento", indica o livro de regras da categoria.

"Após um incidente durante uma corrida, a punição de dez colocações será aplicada no próximo evento do piloto. A penalidade de dez lugares só será imposta se pelo menos duas das advertências forem impostas por uma infração de condução."

Como o GP de Abu Dhabi é o último da temporada e as reprimendas só contam para o ano atual, Hamilton não poderia ser castigado no GP do Bahrein de 2022 caso receba uma chamada na prova principal em Yas Marina.

F1 2021: VERSTAPPEN e HAMILTON travam GUERRA na Arábia Saudita e chegam EMPATADOS para decisão | PÓDIO

Assine o canal do Motorsport.com no YouTube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like ('joinha') nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

Podcast #149: Frank Williams é o maior personagem da F1 fora das pistas?

 

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
GP de Abu Dhabi de F1: Horários, previsão do tempo e como acompanhar a grande final entre Hamilton e Verstappen
Artigo anterior

GP de Abu Dhabi de F1: Horários, previsão do tempo e como acompanhar a grande final entre Hamilton e Verstappen

Próximo artigo

F1: Norris detona regra "estúpida" de troca de pneus sob bandeira vermelha

F1: Norris detona regra "estúpida" de troca de pneus sob bandeira vermelha
Carregar comentários