F1 - Hill não acredita em Hamilton pressionado para 2022: "Ele quer esse oitavo título"

Para campeão de 1996, só o fato de seu compatriota ter sete títulos já o coloca como um competidor que aguenta a pressão de seguir no topo

F1 - Hill não acredita em Hamilton pressionado para 2022: "Ele quer esse oitavo título"
Carregar reprodutor de áudio

Lewis Hamilton é um dos maiores pilotos de Fórmula 1 de todos os tempos, devido aos seus recordes. O britânico tem 103 vitórias, 103 pole positions, 182 pódios e sete títulos mundiais; acima de Michael Schumacher em termos de números. Na temporada de 2021, ele perdeu para Max Verstappen e muitos argumentam que pode estar sob pressão, mas o ex-campeão Damon Hill também destaca outro lado.

"Não sei o que está passando pela cabeça de Lewis, mas me pergunto se o fato de ele não ter conseguido tirou a pressão de alguma forma”, disse Hill. "Quero dizer: ele tem vários títulos e mais vitórias e poles do que qualquer um. Se chegar ao oitavo, seria fantástico... você não precisa de mais provas. Suponha que ele não chegue ao oitavo, ainda pode olhar para trás e ver uma carreira maravilhosa."

Leia também:

O próprio Hill chegou perto de ganhar seu primeiro título em 1994, mas a festa foi interrompida após uma colisão com Schumacher. Dois anos depois, o ex-piloto da Williams teve sucesso, mas esse seria seu único troféu, então ele conhece a pressão que vem com isso.

"Fiz tudo o que pude para vencer uma vez, provavelmente poderia ter tentado outra, mas não tenho ideia se conseguiria fazer isso ano após ano", comentou. "Sete ou oito títulos: é muita pressão. Chega um momento em que você quer evitá-la, mas ainda acho que Lewis segue 'faminto' e quer aquele oitavo."

Em particular, as observações de Hamilton durante o lançamento do W13 levaram Hill a acreditar que o heptacampeão fará de tudo para reconquistar o campeonato.

"Ele falou sobre como se recompôs, curou as feridas e refletiu sobre como tudo aconteceu. Suas declarações sobre não deixar isso acontecer novamente sugerem que ainda não aceita. Foi um resultado infeliz para ele."

"Mas parece que as medidas tomadas para esclarecer os procedimentos o satisfizeram. Isso faz valer a pena tentar novamente. Ele está motivado, está na natureza da fera. É um piloto: dê-lhe o carro e diga-lhe qual caminho seguir."

Hamilton vs Russell

Lewis Hamilton junto a George Russell

Lewis Hamilton junto a George Russell

Photo by: Zak Mauger / Motorsport Images

O piloto britânico terá um parceiro de Mercedes completamente novo ao seu lado para esta temporada, com a adição de George Russell para substituir Valtteri Bottas, e os carros também mudaram radicalmente em relação aos anteriores.

Questionado se Hill espera que Hamilton esteja às vésperas de sua temporada mais difícil até agora, ele respondeu: "Não consigo imaginar que seja mais difícil do que no ano passado, porque do início ao fim foi extremamente estressante. O que pode ser mais difícil é que ele tem um novo piloto rápido ao seu lado e tem que andar junto."

"No entanto, não espero que Lewis seja diferente. É que ele tem algo desconhecido e a competição está ficando cada vez maior. O regulamento pode surpreender, eles têm que ser capazes de lutar. Hamilton confia plenamente que a Mercedes é um equipe que fará todo o possível para dar a ele o carro certo. Acho que ele gosta do desafio, parece motivá-lo mais."

LITO CAVALCANTI analisa PREOCUPAÇÃO da Mercedes, momento da Red Bull e chances da Ferrari na F1 2022

Assine o canal do Motorsport.com no YouTube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like ('joinha') nos vídeos e ative as notificações para ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

Podcast: Saiba os pontos fortes e os pecados da quarta temporada de DRIVE TO SURVIVE

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
F1: Antes da abertura de 2022, veja o que está em jogo no GP do Bahrein
Artigo anterior

F1: Antes da abertura de 2022, veja o que está em jogo no GP do Bahrein

Próximo artigo

Band pode ter faturamento de mais de R$ 120 milhões com a F1 2022

Band pode ter faturamento de mais de R$ 120 milhões com a F1 2022