F1 - Marko: "Se Pérez quer ser campeão, precisa bater Verstappen"

Consultor da Red Bull rasgou elogios a Pérez, afirmando que mexicano fez sua melhor corrida com equipe, mas delimita desafio para o futuro

F1 - Marko: "Se Pérez quer ser campeão, precisa bater Verstappen"
Carregar reprodutor de áudio

O GP da Grã-Bretanha deu mais um gás para Sergio Pérez em sua busca pelo título da Fórmula 1, aproveitando os problemas de Max Verstappen enquanto terminou em segundo para reduzir em alguns pontos a vantagem do holandês. Mas para o consultor da Red Bull, Helmut Marko, se o mexicano realmente quer se colocar na luta, precisa seguir batendo o companheiro.

Pérez saiu de quarto, mas caiu para último após um contato com Charles Leclerc na relargada após o acidente de Zhou Guanyu. A partir daí, fez uma bela corrida de recuperação para terminar em segundo, se aproveitando do safety car no fim para avançar mais no grid.

Leia também:

Em entrevista ao canal austríaco ServusTV, Marko rasgou elogios ao trabalho feito por Pérez na corrida.

"Depois do reinício, Pérez se deu conta de que ainda poderia ganhar, e demonstrou um espírito de luta incrível. Ele era o mais rápido".

Na relargada, Pérez, Leclerc e Lewis Hamilton tiveram uma disputa de tirar o fôlego pela segunda posição, com o mexicano levando a melhor e deixando o monegasco para ser pressionado pelo piloto da Mercedes por mais algumas voltas, antes ser ultrapassado novamente.

Sergio Pérez, Red Bull Racing RB18, Charles Leclerc, Ferrari F1-75, Lewis Hamilton, Mercedes W13

Sergio Pérez, Red Bull Racing RB18, Charles Leclerc, Ferrari F1-75, Lewis Hamilton, Mercedes W13

Photo by: Glenn Dunbar / Motorsport Images

O mexicano se deu melhor no duelo mesmo sem apresentar o mesmo rendimento do sistema híbrido. Isso levou a mais um reconhecimento de Marko: "Definitivamente foi a melhor prova que ele nos entregou na reta final".

Marko ainda foi questionado se a Red Bull tem pilotos 1 e 2 bem definido, o qual respondeu que, por enquanto, não. Mas se Pérez deseja ser campeão, tem um importante desafio pela frente:

"Não temos nenhuma condição de piloto 1 ou 2. Mas é algo simples: se você quer ser campeão mundial, precisa bater Max. Para nós, não há obstáculo. Ainda não temos nada decidido".

Assine o canal do Motorsport.com no YouTube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like ('joinha') nos vídeos e ative as notificações para ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

Podcast #185 - Ainda há quem resista ao halo após mais duas vidas salvas?

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
F1: Wolff se diz “chocado” com possibilidade de assoalhos flexíveis
Artigo anterior

F1: Wolff se diz “chocado” com possibilidade de assoalhos flexíveis

Próximo artigo

F1: Mesmo com progresso na Inglaterra, Mercedes ainda não está muito otimista

F1: Mesmo com progresso na Inglaterra, Mercedes ainda não está muito otimista