Últimas notícias

F1: McLaren entra para o Livro dos Recordes com o pit stop mais rápido da história

Time de Woking foi oficialmente condecorado pelo Guiness pelo feito obtido no GP do Catar

La McLaren ha ricevuto il Guinness World Records, grazie al pit stop di 1.80s effettuato in Qatar

La McLaren ha ricevuto il Guinness World Records, grazie al pit stop di 1.80s effettuato in Qatar

McLaren

Em uma temporada na Fórmula 1 dominada pela Red Bull, a McLaren encontrou uma forma de colocar seu nome nas manchetes. E agora o time de Woking pode comemorar oficialmente, após ser condecorada pelo Guinness como o pit stop mais rápido da história.

No GP do Catar, disputado em Losail em outubro, a McLaren realizou uma parada impressionante nos boxes com Lando Norris. Toda a ação, do início ao fim, durou apenas um segundo e oito décimos (1s8).

Leia também:

Este recorde entrou para os anais da F1 por ser a parada mais rápida da história da categoria, desde o início da era cronometrada.

E agora ele ultrapassa as barreiras da F1 ao ser condecorado pelo Guinness, entrando para o Livro dos Recordes. O prêmio foi entregue diretamente no McLaren Technology Center, em Woking.

Os pitstops mais rápidos da história da F1

POS. TEMPORADA PILOTO EQUIPE TEMPO GP
1 2023 Lando Norris McLaren 01s80 Catar
2 2019 Max Verstappen Red Bull Racing 01s82 Brasil
3 2020 Max Verstappen – Alexander Albon Red Bull Racing 01s86 Portugal / Rússia
4 2021 Max Verstappen Red Bull Racing 01s88 Hungria
5 2016 Felipe Massa Williams 01s92 Europa (Azerbaijão)
6 2018 Sebastian Vettel Ferrari 01s97 Brasil
7 2022 Daniel Ricciardo McLaren 01s98 México
8 2017 Felipe Massa Williams 02s02 Grã-Bretanha
9 2015 Daniil Kvyat Red Bull Racing 02s10 Itália (Monza)

O novo recorde supera o anterior, feito pela Red Bull em 2019 no GP do Brasil com Max Verstappen, em apenas dois centésimos de segundo (01s82 contra 01s80 da McLaren). 

Mas, mesmo com a McLaren detendo o novo recorde, é preciso destacar o bom trabalho feito pela Red Bull nessa área, com quatro das dez melhores paradas da história, sendo três delas no top 4. Isso mostra o quanto que a equipe também está na vanguarda da gestão e dos procedimentos.

Se olharmos apenas para os pit stops, a Red Bull também dominou esse aspecto em 2023. No DHL Pit Stop Award, cálculo feito pela patrocinadora da F1, o time de Milton Keynes também foi o "campeão", com 543 pontos acumulados contra 468 da Ferrari e dos 418 da McLaren.

 
 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

Be part of Motorsport community

Join the conversation
Artigo anterior F1: Pérez depende apenas de si próprio para seguir na Red Bull após 2024
Próximo artigo F1: Em meio a rumores de um carro diferente para 2024, Red Bull mira melhora em "todos os aspectos" para RB20

Top Comments

Ainda não há comentários. Seja o primeiro a comentar.

Sign up for free

  • Get quick access to your favorite articles

  • Manage alerts on breaking news and favorite drivers

  • Make your voice heard with article commenting.

Motorsport prime

Discover premium content
Assinar

Edição

Brasil