F1: McLaren revela pintura especial para GP de Mônaco

Equipe adicionará azul ao seu carro, cor alusiva à Gulf Oil, sua patrocinadora

F1: McLaren revela pintura especial para GP de Mônaco

A McLaren terá uma nova pintura feita especialmente para o GP de Mônaco de Fórmula 1 no próximo fim de semana.

Como parte de um acordo único com seu patrocinador de combustível, os MCL35Ms de Daniel Ricciardo e Lando Norris apresentarão uma pintura totalmente fosca da Gulf Oil pela primeira vez na história da F1.

Leia também:

A reformulação da marca, que incluirá macacão de pilotos e capacetes retrô, vem na sequência de uma renovada parceria entre a Gulf Oil e a McLaren no ano passado.

Norris, que viu a pintura pela primeira vez no início desta semana, não tem dúvidas de que o esquema de cores ousadas se destacará nas ruas de Monte Carlo.

“Acho que todos podem concordar que será o carro mais bonito do grid de longe”, disse ele. “Eu disse a Zak [Brown, CEO] que era ainda melhor do que nossa pintura atual. Mas ele não parecia tão convencido disso..."

Ricciardo acrescentou: “Claro, eu adoro isso. É legal. Quer dizer, eu não precisava de outro motivo para ficar animado por Mônaco. Então eu tenho que me controlar, economizar energia para o próximo fim de semana.”

“Mas é incrível. E, desde que você tenha uma boa aparência, essa é a primeira coisa que você precisa marcar. E certamente estamos fazendo isso. ”

Embora os logotipos icônicos da Gulf tenham aparecido na McLaren desde o ano passado, a ideia de uma pintura completa foi motivada por um empurrão dos fãs para fazer algo extra especial.

Mike Jones, CEO da Gulf Oil International, explicou: “Quando fizemos o lançamento no ano passado, a reação dos fãs foi incrível e ficamos surpresos.”

“Tínhamos fãs que já haviam pintado suas próprias maquetes e eles estavam enviando mensagens pessoais nas redes sociais, dizendo: 'por que você não faz isso?'

“Então, Zak e eu começamos a pensar sobre a história da Gulf e da McLaren, para ver o que podemos fazer, e isso se desenvolveu a partir daí.”

Daniel Ricciardo, McLaren, Lando Norris, McLaren

Daniel Ricciardo, McLaren, Lando Norris, McLaren
1/14

Foto de: McLaren

McLaren MCL35 with Gulf livery, #41 McLaren F1 GTR Le Mans 1997: Pierre-Henri Raphanel, Jean-Marc Gounon, Anders Olofsson

McLaren MCL35 with Gulf livery, #41 McLaren F1 GTR Le Mans 1997: Pierre-Henri Raphanel, Jean-Marc Gounon, Anders Olofsson
2/14

Foto de: McLaren

McLaren MCL35 with Gulf livery, #41 McLaren F1 GTR Le Mans 1997: Pierre-Henri Raphanel, Jean-Marc Gounon, Anders Olofsson

McLaren MCL35 with Gulf livery, #41 McLaren F1 GTR Le Mans 1997: Pierre-Henri Raphanel, Jean-Marc Gounon, Anders Olofsson
3/14

Foto de: McLaren

McLaren MCL35M with Gulf livery

McLaren MCL35M with Gulf livery
4/14

Foto de: McLaren

McLaren MCL35M with Gulf livery

McLaren MCL35M with Gulf livery
5/14

Foto de: McLaren

McLaren MCL35M with Gulf livery

McLaren MCL35M with Gulf livery
6/14

Foto de: McLaren

McLaren MCL35M with Gulf livery

McLaren MCL35M with Gulf livery
7/14

Foto de: McLaren

McLaren MCL35M with Gulf livery

McLaren MCL35M with Gulf livery
8/14

Foto de: McLaren

McLaren MCL35M with Gulf livery

McLaren MCL35M with Gulf livery
9/14

Foto de: McLaren

McLaren MCL35M with Gulf livery

McLaren MCL35M with Gulf livery
10/14

Foto de: McLaren

McLaren MCL35M with Gulf livery

McLaren MCL35M with Gulf livery
11/14

Foto de: McLaren

McLaren MCL35M with Gulf livery

McLaren MCL35M with Gulf livery
12/14

Foto de: McLaren

McLaren MCL35M with Gulf livery

McLaren MCL35M with Gulf livery
13/14

Foto de: McLaren

McLaren MCL35M with Gulf livery

McLaren MCL35M with Gulf livery
14/14

Foto de: McLaren

As regras da F1 exigem que os carros apareçam em cada corrida "substancialmente com a mesma pintura", então a McLaren teve que buscar a aprovação da FIA e da FOM para a mudança única para as cores da Gulf. Brown disse que não houve nenhum problema em obter luz verde.

“Todos adoraram e aprovaram”, disse ele.

Brown deixou claro, no entanto, que a mudança para a pintura do Gulf é pontual, então não se tornará um recurso regular para a McLaren.

“Neste ponto, pretendemos apenas tê-la em Mônaco”, disse ele. “Eu acho que se você vai ter uma pintura especial, você a mantém especial. É algo, como todos sabem, que não é feito com frequência na Fórmula 1.”

“Estou animado para ver a reação dos fãs e, em Mônaco, acho que será a estrela do show.”

A Gulf e a McLaren têm um longo relacionamento na F1 e em outras categorias. Na década de 1960, a Gulf Oil patrocinou os esforços de Bruce McLaren na F1 e no popular campeonato de carros esportivos Can-Am.

O logotipo da Gulf se tornou um dos mais conhecidos no automobilismo. Ele apareceu fortemente no filme Le Mans de 1971, com Steve McQueen.

A empresa obteve inúmeras vitórias em Le Mans e, na década de 1990, renovou uma parceria de patrocínio com a McLaren e a equipe de corrida de propriedade privada dirigida por Ray Bellm.

O Gulf McLaren F1 GTR era dominante nas corridas de carros esportivos na época, vencendo a BPR Global Endurance Series de 1996 e a Classe GT em Le Mans em 1997.

Galvão, Regi e narradores; ex-diretor de F1 da Globo conta tudo sobre bastidores das transmissões

PODCAST: Mercedes X Red Bull já pode ser considerada uma das maiores rivalidades da F1?

 

compartilhar
comentários
F1: Reutemann apresenta melhora e deixa UTI

Artigo anterior

F1: Reutemann apresenta melhora e deixa UTI

Próximo artigo

F1: Entenda como corridas classificatórias desafiarão as equipes

F1: Entenda como corridas classificatórias desafiarão as equipes
Carregar comentários