F1 - Mercedes destaca briga do pelotão do meio: "Hoje podemos ser segundo ou décimo"

Por isso, equipe alemã prevê um GP do Canadá com o pelotão mais compacto

Lewis Hamilton, Mercedes F1 W14, makes a stop

Enquanto Max Verstappen segue disparado na frente na Fórmula 1 em 2023, a briga do pelotão do meio vai se intensificando entre Mercedes, Aston Martin, Ferrari, Alpine e, por que não, Sergio Pérez. É por isso que, para Andrew Shovlin, diretor da equipe alemã, hoje estar no pelotão do meio é estar entre a segunda e a décima posição, com poucos décimos separando os pilotos.

Com a vitória na Espanha, o bicampeão se afastou ainda mais na liderança, enquanto Pérez, que possui duas vitórias e dois segundos lugares no campeonato, ficou mais próximo dos pilotos que vem atrás dele, com pouco mais de 10 pontos separando ele de Fernando Alonso.

Leia também:

No tradicional debrief da Mercedes após o final do GP da Espanha, o diretor de engenharia de pista da equipe, Shovlin, falou sobre a briga do pelotão do meio.

"Foi muito divertido participar dessa prova e fazer o pódio duplo. Ultimamente, tivemos umas corridas difíceis e, tendo conquistado uma boa quantidade de pontos, é muito legal ver os dois pilotos subindo novamente no pódio após uma pausa".

Shovlin ainda projetou o GP do Canadá, etapa seguinte da temporada da F1, assinalando que pode ser uma prova mais difícil para a Mercedes com o novo pacote em comparação a Barcelona, com o pelotão do meio ficando mais compacto.

"Acredito que será mais próximo das corridas anteriores, as que estávamos disputando com Ferrari, Aston Martin, e agora parece que temos a Alpine nesse grupo. Mas é uma grande corrida. Será muito divertido".

"Desde cedo brigaremos para obter o melhor rendimento possível, porque como o grid está agora, hoje podemos ser segundo ou décimo, há somente alguns décimos de segundo de diferença. Esperamos outra corrida emocionante, mas temos consciência de que o Canadá será um desafio maior do que o que tivemos em Barcelona".

Aston-Honda na F1 2026: Detalhes, impacto para RBR/Mercedes e o fator Alonso

Quer fazer parte de um seleto grupo de amantes de corridas, associado ao maior grupo de comunicação de esporte a motor do mundo? CLIQUE AQUI e confira o Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube. Nele, você terá acesso a materiais inéditos e exclusivos, lives especiais, além de preferência de leitura de comentários durante nossos programas. Não perca, assine já!

Podcast #233 - Leclerc ou Pérez: quem passou mais vergonha nas últimas provas?

 

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior F1: Verstappen é o protótipo do piloto perfeito, diz Newey
Próximo artigo ANÁLISE F1: Apesar de arriscado, projeto de motor da Red Bull vale (muito) a pena

Principais comentários

Ainda não há comentários. Seja o primeiro a comentar.

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil