F1: Nenhuma equipe vai bater a Red Bull copiando seus carros, diz Alpine

Para o diretor técnico do time francês, é importante usar a inspiração para seguir um caminho próprio

Sergio Perez, Red Bull Racing RB19, Esteban Ocon, Alpine A523

Sergio Perez, Red Bull Racing RB19, Esteban Ocon, Alpine A523

Sam Bloxham / Motorsport Images

Para o diretor técnico da Alpine na Fórmula 1, Matt Harman, nenhuma equipe vai conseguir bater a Red Bull apenas copiando o carro do time austríaco da temporada 2023, o RB19, defendendo que cada uma precisa seguir seu próprio caminho de desenvolvimento.

Harman acredita que a Alpine tem uma boa compreensão sobre o que tornou o RB19 tão competitivo em 2023, e que entende características que tornam os outros carros rápidos. Mas ele insiste que tais conhecimentos devem apenas fornecer inspiração para a direção da própria equipe, que precisa dar um grande passo adiante após terminar o Mundial do ano passado em sexto.

Leia também:

"Acho que entendemos muito bem", disse. "Acho que compreendemos o que eles estão fazendo. Não dá para estalar os dedos e imaginar isso da noite para o dia. Nós entendemos nossa direção, mas acho que também entendemos alguns dos outros carros do grid também".

"Há outros bons carros ali que possuem desenvolvimentos interessantes. E é sobre entender o que você está fazendo, o que eles estão fazendo. No fim, se apenas seguirmos essas pessoas, nunca estaremos à frente deles. Acho que isso é um mantra real para nós, que precisamos nos inspirar neles, mas seguir nosso próprio caminho".

Todas as equipes enfrentam um desafio extra em 2024, criando carros que serão a base dos modelos de 2025, já que o próximo ano será totalmente focado no desenvolvimento de 2026, consumindo a maior parte dos recursos financeiros e de tempo. As equipes estão proibidas de iniciarem os trabalhos aerodinâmicos de 2026 antes de 01 de janeiro de 2025, mas não há restrições na parte mecânica.

"Acho que o importante é olhar para além dos carros ao redor. Se criarmos um carro que as pessoas veem agora, quando chegarmos em 2025 ele estará defasado. É importante se inspirar pelo que você vê. Mas precisamos mirar para além disso, nos dar esse horizonte de dois anos".

Matt Harman, Technical Director, Alpine F1

Photo by: Alpine

Matt Harman, Technical Director, Alpine F1

Harman admitiu que a arquitetura fundamental do A523 fez com que a equipe não pudesse seguir alguns desenvolvimentos planejados para 2023. Em vez isso, eles foram segurados para 2024, que foi projetado para aceitá-los.

"O chassi e o que chamamos de suporte de suspensão, ou a caixa principal, nos deu poucos problemas em termos de volume. Não apenas no que outros carros têm em termos de propriedade intelectual, mas nossas próprias ideias e desenvolvimentos estavam nos limitando".

"Tínhamos uma atualização de assoalho planejada para mais tarde na temporada que decidimos não trazer, e colocamos isso no carro do próximo ano. Porque, para extrair a performance dele, precisávamos de mais volume ali, e não tínhamos isso no carro".

Mesmo assim, Harman insiste que haviam pontos positivos no A523 que podem ser mantidos.

"Acho que há coisas legais em nosso carro. Tentamos ser humildes quanto a isso. Sabemos que não estamos onde gostaríamos de estar e queremos falar sobre o que precisamos para melhorar, não onde estamos bem. Quero focar nisso, para ser honesto, em vez de nos exibirmos sobre o que acho que fizemos certo".

DRUGOVICH e BORTOLETO na mesma equipe de F1? Brasileiros falam sobre 2024 e ALÉM na ASTON e MCLAREN

Podcast #263 – Max mais incomodado? Briga pela P2 acirrada? O que esperar da F1 2024?

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

Faça parte do nosso canal no WhatsApp: clique aqui e se junte a nós no aplicativo!

Be part of Motorsport community

Join the conversation
Artigo anterior F1: Ferrari é aprovada no crash test e homologa carro de 2024; saiba mais
Próximo artigo F1: Após Réveillon na Bahia, Hamilton é visto no Rio de Janeiro

Top Comments

Ainda não há comentários. Seja o primeiro a comentar.

Sign up for free

  • Get quick access to your favorite articles

  • Manage alerts on breaking news and favorite drivers

  • Make your voice heard with article commenting.

Motorsport prime

Discover premium content
Assinar

Edição

Brasil