F1: Nurburgring venderá 20 mil ingressos para o GP de Eifel

compartilhar
comentários
F1: Nurburgring venderá 20 mil ingressos para o GP de Eifel
Por:
, Motorsport-Total Editor

Venda será feita em lotes, condicionada ao número de casos de Covid-19 na Alemanha

Após Mugello ter sido a primeira etapa da temporada 2020 da Fórmula 1 a receber público, mais uma prova se juntou à lista dos GPs que serão realizados com portões abertos, mas com número limitado de presentes: o GP de Eifel, em Nurburgring, que receberá 20 mil fãs.

As autoridades locais ficaram satisfeitas com os protocolos de segurança apresentados, incluindo ingressos por aproximação e distanciamento social e, com isso, permitiram a realização do evento com um público considerável.

Leia também:

Porém, a venda de ingressos para o GP, que acontecerá de 09 a 11 de outubro, será liberado em lotes, com diferentes arquibancadas sendo abertas a cada estágio. A primeira fase começará com os setores das Curvas 3, 4a e 5b.

Desde que os níveis de casos de Covid não tenham um novo crescimento nas próximas semanas, novos lotes serão liberados mais próximos da data.

O diretor de Nurburgring, Mirco Markfort disse: "É importante para nós nesse primeiro estágio oferecer ingressos com categorias diferentes de preços. Claro, em tempos de corona, com várias pessoas presentes e todo o planejamento, tudo é uma questão de gasto".

"Mas também é uma questão de dar aos fãs a oportunidade de poderem bancar ingressos e vivenciar a corrida de modo seguro".

Várias medidas foram colocadas em prática na pista para a corrida. As arquibancadas serão divididas em setores individuais e cada pessoa terá um bloco designado. Cada bloco será formado por quatro cadeiras, criando um espaço considerável entre cada um.

O uso de máscara será obrigatório e cada arquibancada terá um estacionamento designado, para minimizar o risco de interação entre pessoas de setores diferentes. O ingresso para os três dias custará a partir de 199 euros (R$1.264).

O GP da Toscana em Mugello foi o primeiro a receber público. A partir de então, já temos diversas corridas com a presença de público confirmado: Rússia, Portugal, Ímola e Turquia.

Entenda como Max Verstappen pode sair da Red Bull antes do fim de seu contrato

PODCAST: Após 'comemorar' GP 1000, qual é o tamanho da crise da Ferrari?

 

.

F1: Jordan defende que Hamilton deveria correr ao lado de Verstappen na Red Bull no futuro

Artigo anterior

F1: Jordan defende que Hamilton deveria correr ao lado de Verstappen na Red Bull no futuro

Próximo artigo

F1: Abiteboul explica motivo de frustração e indiretas a Ricciardo após anúncio de ida à McLaren

F1: Abiteboul explica motivo de frustração e indiretas a Ricciardo após anúncio de ida à McLaren
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Evento GP de Eifel
Autor Norman Fischer