Hamilton diz que encara "uma corrida por vez" em reta final

Lewis Hamilton garante que não faz planos para a reta final da temporada 2016 da Fórmula 1 e não pensa nos resultados necessários para obter o título na disputa com Nico Rosberg

Hamilton diz que encara "uma corrida por vez" em reta final
Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1 W07 Hybrid
Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1 Team
Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1 Team
Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1 W07 Hybrid
Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1 W07 Hybrid
Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1
Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1 Team
Carregar reprodutor de áudio

Lewis Hamilton não faz planos para a reta final da temporada 2016 da Fórmula 1, na qual mais uma vez disputa o título com Nico Rosberg - o alemão lidera o Mundial de Pilotos com oito pontos de vantagem sobre o atual campeão, a seis corridas do fim.

Questionado se concordava com a estratégia de Fernando Alonso, que disse ter calculado a média de pontos por corrida que daria o título a ele em temporadas anteriores, Hamilton disse que não seguiria tal abordagem na reta final do campeonato

“Honestamente, eu não parei nenhum segundo para pensar nisso. Geralmente, penso em uma corrida por vez. Gosto dessa abordagem por não criar expectativas. Não tenho nenhuma expectativa ao chegar em uma corrida a não ser tentar fazer o melhor que posso e melhorar nas corridas seguintes", disse.

“Penso que se você coloca metas, limitações ou o que quer que seja a você mesmo, quando tais objetivos não são alcançados o sentimento é diferente. Prefiro ver o quanto posso forçar neste final de semana e ver se consigo um ótimo resultado", afirmou.

Perguntado se a Mercedes espera algum tipo de resposta dele após os últimos resultados, o britânico respondeu: "O time não tem nada a dizer para mim, pois estamos juntos na busca pelo título entre os Construtores, que é com o que eles se preocupam. O fato de não ser eu a liderar o Mundial de Pilotos não é particularmente uma prioridade deles, eles não se importam com qual de nós dois vence", ressaltou.

Por fim, Hamilton insistiu que a abordagem não seria diferente caso ele estivesse na liderança do campeonato.

“É algo muito pessoal e provavelmente cada piloto que venha a liderar um campeonato acabará pensando diferente. Talvez seja mais positivo quando você está na frente, mas a queda também pode ser maior. Quando você está atrás, tem menos a perder e então a caça é potencialmente mais divertida. Eu não vejo problemas em nenhum dos cenários, aproveito os dois da mesma forma", completou.

compartilhar
comentários
Vettel: Carro de teste não reflete aerodinâmica real de 2017
Artigo anterior

Vettel: Carro de teste não reflete aerodinâmica real de 2017

Próximo artigo

Ricciardo revela que evoluiu após chegada de Verstappen

Ricciardo revela que evoluiu após chegada de Verstappen