Hulkenberg sente "aperto no coração" ao rever GP do Brasil de 2012

Alemão lamenta resultado de corrida em que poderia ter vencido ou conseguido subir ao pódio

Hulkenberg sente "aperto no coração" ao rever GP do Brasil de 2012
Carregar reprodutor de áudio

Nico Hulkenberg ficou com o “coração apertado” no último fim de semana ao assistir uma reprise do GP do Brasil de 2012, corrida que o alemão esteve perto de vencer. O piloto acredita que a prova, disputada sete anos atrás, foi sua maior oportunidade perdida na Fórmula 1.

Leia também:

Na etapa em questão, Hulkenberg, que guiava o carro da Force India, liderou parte da corrida à frente de Jenson Button, com a dupla quase 50s à frente do restante do pelotão, antes de um safety car entrar na pista e compactar o grid.

Pouco depois, o alemão perdeu a liderança para Lewis Hamilton. Quando tentava retomar a posição perdida, Hulk bateu no rival na entrada do S do Senna, o que encerrou as chances de o alemão alcançar um pódio. Ele o piloto com mais GPs sem chegar ao top-3 na F1. Confira:

20. Luca Badoer - 51 GPs (1993-2009), o melhor resultado é o 7° lugar no GP de San Marino de 1993.
20. Luca Badoer - 51 GPs (1993-2009), o melhor resultado é o 7° lugar no GP de San Marino de 1993.
1/20

Foto de: XPB Images

19. Sebastien Buemi - 55 GPs (2009-2011), melhor resultado é o 7° lugar nos GPs da Austrália 2009 e Brasil 2009.
19. Sebastien Buemi - 55 GPs (2009-2011), melhor resultado é o 7° lugar nos GPs da Austrália 2009 e Brasil 2009.
2/20

Foto de: Alessio Morgese

18. Alex Caffi, 56 GPs (1986-1992), o melhor resultado é o 4° lugar em Monaco-1989.
18. Alex Caffi, 56 GPs (1986-1992), o melhor resultado é o 4° lugar em Monaco-1989.
3/20

Foto de: LAT Images

17. Arturo Merzario, 57 GPs (1972-1979), o melhor resultado é o 4° lugar no Brasil-1973, África do Sul 1973 e Itália 1974.
17. Arturo Merzario, 57 GPs (1972-1979), o melhor resultado é o 4° lugar no Brasil-1973, África do Sul 1973 e Itália 1974.
4/20

Foto de: Sutton Motorsport Images

16. Jean-Eric Vergne, 58 GPs (2012-2014), melhor resultado é o 6° lugar no Canadá 2013 e Cingapura 2014.
16. Jean-Eric Vergne, 58 GPs (2012-2014), melhor resultado é o 6° lugar no Canadá 2013 e Cingapura 2014.
5/20

Foto de: Charles Coates / Motorsport Images

15. Paul di Resta, 59 GPs (2011-2013, 2017), o melhor resultado é o 4° lugar em Cingapura 2012 e Bahrein 2013.
15. Paul di Resta, 59 GPs (2011-2013, 2017), o melhor resultado é o 4° lugar em Cingapura 2012 e Bahrein 2013.
6/20

Foto de: Sutton Motorsport Images

14. Esteban Gutiérrez, 59 GPs (2013-2014, 2016), o melhor resultado é o 7° lugar no Japão 2013.
14. Esteban Gutiérrez, 59 GPs (2013-2014, 2016), o melhor resultado é o 7° lugar no Japão 2013.
7/20

Foto de: Sutton Motorsport Images

13. Erik Comas 59 GPs (1991-1994), o melhor resultado é o 5° lugar na França 1992.
13. Erik Comas 59 GPs (1991-1994), o melhor resultado é o 5° lugar na França 1992.
8/20

Foto de: LAT Images

12. Satoru Nakajima, 74 GPs (1987-1991), o melhor resultado é o 4° lugar na Grã Bretanha 1987 e Austrália 1989.
12. Satoru Nakajima, 74 GPs (1987-1991), o melhor resultado é o 4° lugar na Grã Bretanha 1987 e Austrália 1989.
9/20

Foto de: LAT Images

11. Piercarlo Ghinzani, 76 GPs (1981, 1983-1989), o melhor resultado é o 5° lugar em Dallas 1984.
11. Piercarlo Ghinzani, 76 GPs (1981, 1983-1989), o melhor resultado é o 5° lugar em Dallas 1984.
10/20

Foto de: LAT Images

10. Vitantonio Liuzzi, 80 GPs (2005-2007, 2009-2011), o melhor resultado é o 6° lugar na Coreia 2010.
10. Vitantonio Liuzzi, 80 GPs (2005-2007, 2009-2011), o melhor resultado é o 6° lugar na Coreia 2010.
11/20

Foto de: Lorenzo Bellanca / Motorsport Images

9. Marc Surer, 81 GPs (1979-1986), o melhor resultado é o 4° lugar no Brasil 1981 e na Itália 1985.
9. Marc Surer, 81 GPs (1979-1986), o melhor resultado é o 4° lugar no Brasil 1981 e na Itália 1985.
12/20

Foto de: Jean-Philippe Legrand

8. Jonathan Palmer, 83 GPs (1983-1989), o melhor resultado é o 4° lugar na Austrália 1987.
8. Jonathan Palmer, 83 GPs (1983-1989), o melhor resultado é o 4° lugar na Austrália 1987.
13/20

Foto de: LAT Images

7. Ukyo Katayama, 95 GPs (1992-1997), o melhor resultado é o 5° lugar no Brasil 1994 e San Marino 1994.
7. Ukyo Katayama, 95 GPs (1992-1997), o melhor resultado é o 5° lugar no Brasil 1994 e San Marino 1994.
14/20

Foto de: LAT Images

6. Marcus Ericsson, 97 GPs (2014 a 2018), melhor resultado foi o 8º lugar na Austrália 2014.
6. Marcus Ericsson, 97 GPs (2014 a 2018), melhor resultado foi o 8º lugar na Austrália 2014.
15/20

Foto de: Sutton Motorsport Images

5. Pedro Paulo Diniz, 98 GPs (1995-2000), o melhor resultado é o 5° lugar em Luxemburgo 1997 e na Bélgica 1998.
5. Pedro Paulo Diniz, 98 GPs (1995-2000), o melhor resultado é o 5° lugar em Luxemburgo 1997 e na Bélgica 1998.
16/20

Foto de: Sauber

4. Philippe Alliot, 109 GPs (1984-1990, 1993-1994), o melhor resultado é o 5º lugar em San Marino 1993.
4. Philippe Alliot, 109 GPs (1984-1990, 1993-1994), o melhor resultado é o 5º lugar em San Marino 1993.
17/20

Foto de: LAT Images

3. Pierluigi Martini, 118 GPs (1984-1985, 1988-1995), o melhor resultado é o 4° lugar em San Marino 1991 e Portugal 1991.
3. Pierluigi Martini, 118 GPs (1984-1985, 1988-1995), o melhor resultado é o 4° lugar em San Marino 1991 e Portugal 1991.
18/20

Foto de: LAT Images

2. Adrian Sutil, 128 GPs (2006-2011, 2013-2014), o melhor resultado é o 4° lugar na Itália 2009.
2. Adrian Sutil, 128 GPs (2006-2011, 2013-2014), o melhor resultado é o 4° lugar na Itália 2009.
19/20

Foto de: Andrew Ferraro / Motorsport Images

1. Nico Hulkenberg, 179 GPs (2010, 2012 -...), melhor resultado é o 4° lugar na Bélgica 2012, Coreia 2013 e Bélgica 2016.
1. Nico Hulkenberg, 179 GPs (2010, 2012 -...), melhor resultado é o 4° lugar na Bélgica 2012, Coreia 2013 e Bélgica 2016.
20/20

Foto de: Glenn Dunbar / Motorsport Images

Refletindo sobre sua carreira, Hulkenberg confessou que gostaria de voltar àquele GP para corrigir o erro: “Ironicamente, na última semana, eu estava na cama assistindo corridas clássicas e era bem essa corrida. Eu estava na liderança e assisti com um aperto no coração”.

“Antes do safety car eu estava liderando com mais de 50s. Então foi uma corrida especial, um dia especial e com um Hulk muito jovem. Aquela foi uma das pilotagens especiais para os livros de história”.

Questionado se achava que uma vitória naquele dia teria mudado sua carreira, Hulkenberg disse: “Talvez fosse possível. Mas é sempre difícil dizer o que teria acontecido em uma situação diferente. Eu não sei”.

O alemão está sem vaga na F1 para 2020, já que a Renault optou por substituí-lo por Esteban Ocon. Questionado sobre como se sentia a respeito de sua carreira n F1, que pode estar chegando ao fim, o alemão disse: “Estou bem com isso, para ser honesto”.

“Não é algo novo. Já sabia há algum tempo que esse momento estava chegando, mas estou bem. Apesar disso, estou empolgado com o que está por vir. Encerrar este capítulo e começar um novo. Sobre o que pode ou não pode acontecer no futuro, não sei dizer. Ninguém sabe neste momento”.

“Mas para mim, pessoalmente, preciso ficar um tempo longe de tudo. Então eu quero me desconectar um pouco de corridas por alguns meses e ver o que me interessa, tanto na mente, quanto no coração. E então reavaliar”, completou o agora ex-piloto da Renault.

Quer ver Fórmula 2, Fórmula 3, Indy e Superbike de graça? Inscreva-se no DAZN e tenha acesso grátis por 30 dias a uma série de eventos esportivos. Cadastre-se agora clicando aqui.

Confira todos os carros da história da Renault na F1:

1977: Renault RS01
1977: Renault RS01
1/21
Piloto: Jean-Pierre Jabouille

Foto de: Sutton Motorsport Images

1978: Renault RS01
1978: Renault RS01
2/21
Piloto: Jean-Pierre Jaboullie

Foto de: LAT Images

1979: Renault RS10
1979: Renault RS10
3/21
Pilotos: Rene Arnoux, Jean-Pierre Jabouille

Foto de: LAT Images

1980: Renault RE20
1980: Renault RE20
4/21
Pilotos: Rene Arnoux, Jean-Pierre Jaboullie

Foto de: LAT Images

1981: Renault RE30
1981: Renault RE30
5/21
Pilotos: Rene Arnoux, Alain Prost

Foto de: Sutton Motorsport Images

1982: Renault RE30
1982: Renault RE30
6/21
Pilotos: Rene Arnoux, Alain Prost

Foto de: LAT Images

1983: Renault RE40
1983: Renault RE40
7/21
Pilotos: Eddie Cheever, Alain Prost

Foto de: LAT Images

1984: Renault RE50
1984: Renault RE50
8/21
Pilotos: Philippe Streiff, Patrick Tambay, Derek Warwick

Foto de: Jean-Philippe Legrand

1985: Renault RE60
1985: Renault RE60
9/21
Pilotos: Francois Hesnault, Patrick Tambay, Derek Warwick

Foto de: Sutton Motorsport Images

2002: Renault R202
2002: Renault R202
10/21
Pilotos: Jenson Button, Jarno Trulli

Foto de: Renault F1

2003: Renault R23
2003: Renault R23
11/21
Pilotos: Fernando Alonso, Jarno Trulli

Foto de: Steve Etherington / Motorsport Images

2004: Renault R24
2004: Renault R24
12/21
Pilotos: Fernando Alonso, Jarno Trulli, Jacques Villeneuve

Foto de: LAT Images

2005: Renault R25
2005: Renault R25
13/21
Pilotos: Fernando Alonso, Giancarlo Fisichella

Foto de: Sutton Motorsport Images

2006: Renault R26
2006: Renault R26
14/21
Pilotos: Fernando Alonso, Giancarlo Fisichella

Foto de: Sutton Motorsport Images

2007: Renault R27
2007: Renault R27
15/21
Pilotos: Giancarlo Fisichella, Heikki Kovalainen

Foto de: Sutton Motorsport Images

2008: Renault R28
2008: Renault R28
16/21
Pilotos: Fernando Alonso, Nelsinho Piquet

Foto de: Sutton Motorsport Images

2009: Renault R29
2009: Renault R29
17/21
Pilotos: Fernando Alonso, Nelsinho Piquet e Romain Grosjean

Foto de: Sutton Motorsport Images

2016: Renault R.S.16
2016: Renault R.S.16
18/21
Pilotos: Kevin Magnussen, Jolyon Palmer

Foto de: Sutton Motorsport Images

2017: Renault R.S.17
2017: Renault R.S.17
19/21
Pilotos: Nico Hülkenberg, Jolyon Palmer, Carlos Sainz Jr.

Foto de: Sutton Motorsport Images

2018: Renault R.S.18
2018: Renault R.S.18
20/21
Pilotos: Nico Hülkenberg, Carlos Sainz Jr.

Foto de: Glenn Dunbar / Motorsport Images

2019: Renault R.S.19
2019: Renault R.S.19
21/21
Pilotos: Nico Hülkenberg, Daniel Ricciardo

Foto de: Dom Romney / Motorsport Images

Siga o Motorsport.com Brasil no Twitter, Facebook, Instagram e Youtube.

compartilhar
comentários
De saída da F1, Hulk ganhou prêmio que faltou para Hamilton em 2019
Artigo anterior

De saída da F1, Hulk ganhou prêmio que faltou para Hamilton em 2019

Próximo artigo

Do alto do pódio ao fim do grid: relembre carreira de Kubica na F1

Do alto do pódio ao fim do grid: relembre carreira de Kubica na F1
Carregar comentários