Fórmula 1
R
GP de Eifel
09 out
Próximo evento em
20 dias
R
GP de Portugal
23 out
Próximo evento em
34 dias
04 dez
Próximo evento em
76 dias
R
GP de Abu Dhabi
11 dez
Próximo evento em
83 dias

Massa relembra quando Schumi prejudicou Alonso de propósito na F1

compartilhar
comentários
Massa relembra quando Schumi prejudicou Alonso de propósito na F1

Em entrevista à Sky Sports, brasileiro relatou episódio do GP de Mônaco de 2006

Companheiro de Michael Schumacher na temporada 2006 da Fórmula 1, na Ferrari, o brasileiro Felipe Massa relembrou um episódio no qual o alemão deliberadamente prejudicou o espanhol Fernando Alonso, seu rival ao título e piloto da Renault.

O editor recomenda:

Foi quando, na classificação para o GP de Mônaco, Schumacher 'estacionou' de propósito na curva Rascasse. Com isso, a sessão foi 'interrompida' e Alonso não pôde melhorar sua marca a fim de brigar pela pole. No momento, Schumi tinha o melhor tempo da qualificação.

Michael Schumacher, Ferrari 248 F1

Michael Schumacher, Ferrari 248 F1

Photo by: Charles Coates / Motorsport Images

O alemão alegou que tinha sido apenas um erro, mas a justificativa não colou. Assim, os comissários da Federação Internacional de Automobilismo (FIA) deletaram os tempos de volta do heptacampeão, que teve que largar em último em Monte Carlo. Alonso foi pole e venceu.

Agora, 14 anos depois, Massa falou sobre o episódio e relatou o envolvimento de Ross Brawn, então diretor técnico da Ferrari. "Nós tivemos uma reunião em equipe, falando sobre a classificação. Você tinha dois jogos de pneus para a classificação", disse à Sky Sports.

"Aí o Michael disse (em tom de preocupação): ‘É, mas se a gente for mais rápido logo de cara e tiver de esperar pelo segundo jogo…’. Então o Ross disse (brincando): ‘Talvez a gente possa criar uma bandeira amarela’. Eu disse: ‘Estamos falando na brincadeira?", seguiu Massa.

“E aconteceu exatamente daquela forma. O Michael aproveitou aquela coisa engraçada e usou para si mesmo. Eu me lembro de dizer que não acreditava que ele tinha feito isso. Ele fez, mas a única questão é que ele não podia dizer isso", ponderou o brasileiro.

"Demorou um ano para ele me falar que fez de propósito. Um ano. Eu disse para ele: ‘Como pôde você fazer isso?’. Mostra que todo mundo erra na vida, e isso certamente foi um erro”, completou o vice-campeão de 2008.

Brawn também confirmou a má fé de Schumacher no incidente: “O Michael tinha isso de vez quando, essas coisas para as quais não há explicação lógica. Ele tinha uma competitividade incrível, mas algumas vezes dava 'curto circuito'."

"É óbvio que você quer a pole em Mônaco, mas, naquela ocasião, com os pneus e as estratégias que tínhamos, não era necessário. Foi uma ação estúpida. Foi um desses erros que o Michael cometeu duas ou três vezes na carreira”, analisou o atual diretor esportivo da F1.

Esnobado por Senna, Massa usou episódio para dar lição em Schumacher; assista

PODCAST: Vitória de Gasly prova que F1 é ambiente 'onde os fracos não têm vez'?

 

.

Albon celebra primeiro pódio em meio à críticas: "Sinto que agora posso respirar"

Artigo anterior

Albon celebra primeiro pódio em meio à críticas: "Sinto que agora posso respirar"

Próximo artigo

Wolff rechaça rumores de venda da equipe Mercedes para patrocinadora INEOS

Wolff rechaça rumores de venda da equipe Mercedes para patrocinadora INEOS
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Pilotos Michael Schumacher , Fernando Alonso , Felipe Massa
Equipes Ferrari , Renault F1 Team