Palmer diz que Renault pode superar Haas no segundo semestre

Mesmo ainda sem marcar pontos, Jolyon Palmer acredita que Renault pode alcançar a Hass no Mundial de Construtores

Palmer diz que Renault pode superar Haas no segundo semestre
Jolyon Palmer, Renault Sport F1 Team RS16
Jolyon Palmer, Renault Sport F1 Team
Jolyon Palmer, Renault Sport F1 Team RS16
Jolyon Palmer, Renault Sport F1 Team RS16
Jolyon Palmer, Renault Sport F1 Team RS16
Romain Grosjean, Haas F1 Team VF-16
Romain Grosjean, Haas F1 Team VF-16
Carregar reprodutor de áudio

Em seu retorno à F1 como equipe de fábrica, a Renault marcou apenas seis pontos nas 10 primeiras provas do ano, todos anotados com o sétimo lugar de Kevin Magnussen no GP da Rússia, em Sochi. Já o britâncio Jolyon Palmer ainda não pontuou. Seu melhor resultado até agora foi na abertura da temporada, com o 11º lugar no GP da Austrália, em Melbourne.

Isso significa que a equipe francesa está apenas na nona colocação no Mundial de Construtores, 22 pontos atrás da Haas, em oitavo. Mas Palmer acredita que o time pode subir na classificação.

"Primeiro precisamos alcançar a Haas. Eles estão conseguindo chegar ao Q2 e estamos logo atrás.  Se alcançarmos a Haas, isso é Q2, daí acho que temos chances de evoluir mais do que eles no resto do ano. As pistas (no segundo semestre) se encaixam um pouco melhor para nós. Tenho me aprimorado como piloto, então tenho esperança de conseguir alguns pontos", disse o britânico.  

"Seria legal ter algumas batalhas mais significativas na pista, pois muitas vezes estamos brigando com as Manor ou Sauber e ninguém quer ver isso".  

Perguntado se a falta de competitividade da Renault o preocupa sobre suas chances de ficar na F1 em 2017, Palmer segue esperançoso.  

"Me sinto bem, acho que pilotei melhor em Silverstone do que no resto do ano. Espero que a equipe também enxergue isso. Tenho apenas de fazer o meu melhor para tentar tirar o melhor do carro. Toda a equipe está focada em melhorar a situação atual".   

 

compartilhar
comentários
Gutierrez: "é injusto me qualificar com base nos pontos"
Artigo anterior

Gutierrez: "é injusto me qualificar com base nos pontos"

Próximo artigo

Presidente da Ferrari vai à fábrica para salvar temporada

Presidente da Ferrari vai à fábrica para salvar temporada