Fórmula 1
25 set
Treino Livre 1 em
10 Horas
:
50 Minutos
:
44 Segundos
09 out
Próximo evento em
14 dias
R
GP de Portugal
23 out
Próximo evento em
28 dias
04 dez
Próximo evento em
70 dias
R
GP de Abu Dhabi
11 dez
Próximo evento em
77 dias

Racing Point diz que Pérez pode ter pego Covid de chef de cozinha

compartilhar
comentários
Racing Point diz que Pérez pode ter pego Covid de chef de cozinha
Por:
, Editor

Equipe acredita que o mexicano tenha contraído o vírus de um dos cozinheiros que contratou quando voltou à Europa

De acordo com o chefe de equipe da Racing Point na Fórmula 1, Otmar Szafnauer, Sergio Pérez pode ter sido contaminado pela Covid-19 por um chef particular que o piloto contratou ao retornar à Europa após sua viagem ao México.

O mexicano se tornou o primeiro piloto da categoria máxima do automobilismo a testar positivo para o coronavírus na véspera do GP da Grã-Bretanha, em Silverstone, o que o tirou do grid da F1. Ele volta neste fim de semana, na Espanha.

Leia também:

Pérez foi forçado a entrar em quarentena, de acordo com as diretrizes oficiais do Reino Unido, o que o fez perder também GP do Aniversário de 70 anos da F1 na semana seguinte. Após entregar resultados de testes negativos no início desta semana, o piloto mexicano da Racing Point retornou à pista em Barcelona nesta sexta-feira para os treinos livres para o GP da Espanha.

Perguntas foram feitas sobre a decisão de Pérez de viajar ao México para visitar sua mãe no hospital entre as corridas da Hungria e da Grã-Bretanha. Ele pode ter contraído Covid-19 durante a viagem.

Mas a Racing Point agora acredita que Pérez pegou o vírus depois de retornar à Europa, tendo contratado um chef particular para cozinhar para ele, a fim de limitar a interação externa em restaurantes.

"Achamos que ele pegou de um dos chefs que contratou", disse Szafnauer, chefe da Racing Point. "Isso, francamente, poderia acontecer com qualquer um de nós. Ele tomava todas as precauções que podia de forma privada. Ele ficava com os pais, não saía para comer. Quando ele voltou para a Europa, contratou um chef particular para não ter que ir aos restaurantes. Achamos que ele pegou isso do chef”.

Na quinta-feira, Pérez respondeu às insinuações de que havia se encontrado com um patrocinador e interagido com os fãs enquanto estava no México, chamando as reportagens de "não profissionais" e “besteira”.

“Não fiz nada de diferente do que o resto do paddock fez, então fui apenas o azarado em pegar", afirmou. "Não estou disposto a assumir qualquer culpa por isso, porque qualquer um pode pegar e eu fui apenas um azarado”.

Pérez foi o sétimo colocado no treino de abertura do GP da Espanha nesta sexta-feira, terminando dois décimos de segundos à frente do companheiro de equipe, o canadense Lance Stroll.

Szafnauer ficou feliz em ver Pérez de volta e totalmente recuperado do vírus. “É muito bom vê-lo superar o vírus", disse. “Quando ele testou positivo, ele estava cheio de vírus e o eliminou do sistema muito rapidamente. Acho que é porque ele está em ótima forma. Esperamos que ele volte a ganhar velocidade no carro também. Depois do TL1, parecia que isso estava acontecendo”.

Todas as notícias sobre o GP da Espanha da F1 você acompanha no site do Motorsport.com e em nosso canal no YouTube. Fique por dentro de todas as novidades e análises e confira nossos programas e vídeos!

F1 2020: Hamilton e Bottas dão show c/Mercedes na Espanha; veja destaques dos treinos no SEXTA-LIVRE

Related video

F1: Wolff afirma que pode deixar chefia da Mercedes após 2020

Artigo anterior

F1: Wolff afirma que pode deixar chefia da Mercedes após 2020

Próximo artigo

CEO da McLaren detona chefe da Racing Point por críticas: “Nunca fui multado em um dólar, muito menos 400 mil"

CEO da McLaren detona chefe da Racing Point por críticas: “Nunca fui multado em um dólar, muito menos 400 mil"
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Pilotos Sergio Perez
Autor Luke Smith