Últimas notícias

Ricciardo teme que pneus serão “duros demais” na Espanha

Piloto da Red Bull torce para que esteja calor em Barcelona para fazer com que borracha não tenha problemas de aquecimento

Daniel Ricciardo, Red Bull Racing RB13

LAT Images

Daniel Ricciardo, Red Bull Racing RB13
Daniel Ricciardo, Red Bull Racing RB13
Daniel Ricciardo, Red Bull Racing RB13
Daniel Ricciardo, Red Bull Racing RB13
Daniel Ricciardo, Red Bull Racing
Max Verstappen, Red Bull, Christian Horner, Team Principal, Red Bull Racing
Daniel Ricciardo, Red Bull Racing RB13, Sergio Perez, Sahara Force India F1 VJM10

Daniel Ricciardo teme que os pneus duros escolhidos pela Pirelli para o GP da Espanha “não será bom para ninguém”.

Os pilotos já expressaram dificuldades para fazer com que os pneus mais duráveis entrem em sua temperatura ideal, sendo que até mesmo o ultramacio pode durar um trecho inteiro no GP da Rússia, no último fim de semana.

No entanto, a Pirelli levará seu composto mais duro para Barcelona, e Ricciardo mostrou preocupação a respeito do impacto que o pneu “duro demais” possa ter.

“Vamos usar os pneus mais duros pela primeira vez. Não sei se isso nos ajudará ou não, mas acho que não será bom para ninguém. Os pneus já são duros o bastante, então o pneu mais duro é duro demais.”

“Espero que esteja quente em Barcelona, e, portanto, esses pneus duros possam funcionar. Mas, se estiver frio, então será difícil para todos.”

A Pirelli levará o macio, médio e duro ao GP da Espanha, que será o último evento em que as equipes terão de usar os compostos estabelecidos pela própria fabricante italiana.

Na corrida, os pilotos deverão usar médios ou duros.

Evolução no carro

O evento em Barcelona também marcará a estreia de uma grande evolução, o que deixa a equipe esperançosa de que isso seja o bastante para chegar perto de Ferrari e Mercedes.

Para Max Verstappen, que venceu em Barcelona no ano passado, diminuir a diferença para os líderes seria suficiente por enquanto.

“Temos que esperar e ver o que as novidades trarão. Espero que possamos nos aproximar das equipes de ponta. Isso já seria um bom passo à frente”, disse o holandês.

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior Novo chefe da F1 lamenta Alonso na Indy 500: “não é o ideal”
Próximo artigo Fora da F1, Nasr se preocupa com futuro do Brasil no mundial

Principais comentários

Ainda não há comentários. Seja o primeiro a comentar.

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil