Rosberg: Vettel estará fora de sua zona de conforto com Leclerc

compartilhar
comentários
Rosberg: Vettel estará fora de sua zona de conforto com Leclerc
10 de jan de 2019 14:50

Ex-piloto da F1 considera que seu compatriota “terá de ser perfeito” para vencer novamente um título na categoria

Campeão da F1 em 2016, Nico Rosberg considera que Sebastian Vettel estará “fora de sua zona de conforto” com a saída de Kimi Raikkonen e a chegada de Charles Leclerc na Ferrari em 2019.

Vettel, piloto da Ferrari desde 2015, competia ao lado do finlandês desde sua chegada em Maranello e venceu o duelo interno por todos os anos. No entanto, Leclerc fez uma temporada de destaque em 2018 com a Sauber e recebeu uma promoção para trocar de lugar com Raikkonen a partir deste ano.

Rosberg, aposentado da F1 desde que conquistou seu título mundial, disse à revista italiana Autosprint: “Vettel terá de estar atento, porque Leclerc é muito forte e ele não estará mais na zona de conforto com Raikkonen. Agora será diferente: Seb terá de ser perfeito se quiser vencer.”

Ao analisar a temporada conturbada de Vettel em 2018, Rosberg usou uma experiência pessoal na F1 como exemplo.

“Não sei exatamente o que aconteceu com ele, mas este é o esporte. Às vezes, tudo parece caminhar na direção correta, mas é preciso apenas um erro para te colocar para baixo, perder confiança, e aí tudo á errado.”

“A mesma coisa aconteceu comigo contra [Lewis] Hamilton em 2015. Com Lewis, eu precisei mudar minha mentalidade. Decidi que seria eu que teria de liderar o jogo. Lewis sempre tende a impor suas regras, mas eu assumi o controle, sem permitir que ele encontrasse motivação. E eu venci.”

“Vettel é superior em termos de dedicação ao trabalho. Ele trabalha mais próximo dos engenheiros. Essa é uma devoção que Hamilton não tem”, completou Rosberg.

Próximo artigo
Ocon: Com dinheiro, Force India vai chegar em times grandes

Artigo anterior

Ocon: Com dinheiro, Force India vai chegar em times grandes

Próximo artigo

Empresária de Schumacher: título de 2000 foi decisivo para Ferrari

Empresária de Schumacher: título de 2000 foi decisivo para Ferrari
Carregar comentários
Seja o primeiro a receber as últimas notícias