Fórmula 1
27 jun
-
30 jun
Evento encerrado
11 jul
-
14 jul
Evento encerrado
25 jul
-
28 jul
Evento encerrado
01 ago
-
04 ago
Evento encerrado
R
GP da Bélgica
29 ago
-
01 set
Próximo evento em
4 dias
05 set
-
08 set
Próximo evento em
11 dias
R
GP de Singapura
19 set
-
22 set
26 set
-
29 set
Próximo evento em
32 dias
10 out
-
13 out
Próximo evento em
46 dias
24 out
-
27 out
Próximo evento em
60 dias
31 out
-
03 nov
Próximo evento em
67 dias
14 nov
-
17 nov
R
GP de Abu Dhabi
28 nov
-
01 dez
Próximo evento em
95 dias

Sainz diz que GP da Alemanha foi “muito estranho”

compartilhar
comentários
Sainz diz que GP da Alemanha foi “muito estranho”
Por:
Traduzido por: Daniel Betting
22 de jul de 2018 16:38

Carlos Sainz lamentou as posições perdidas durante os pitstops e ter deixado o GP da Alemanha de mãos vazias após uma punição

Carlos Sainz terminou o GP da Alemanha sem entender muito bem o que aconteceu. O espanhol passou grande parte da prova lutando com a Haas de Grosjean e, quando a chuva chegou, tudo mudou.

Ele estava na zona de pontuação, colocou pneus intermediários e o Safety Car entrou após o abandono de Sebastian Vettel, o que agrupou os carros. A chuva parou, a pista secou e Sainz se segurou na pista com os pneus intermediários, mas foi forçado a trocá-los e acabou saindo do top 10.

"Foi complicado, mas não entendo muito bem o que aconteceu, por que perdemos muitas posições com o Safety Car", disse Sainz aos microfones da Movistar + F1. "Acredito que parei um pouco antes de sair [o Safety Car] e isso me fez perder muitas posições. É uma pena, porque até então tínhamos perdido posição apenas para Pérez, mas eu pensei que teríamos o suficiente para tentarmos algo no final."

Leia também:

Não foi assim, e fazer o pitstop, pouco antes do safety car entrar na pista condenou a corrida do espanhol da Renault. "Perdemos muitas posições entre a troca de pneus intermédios para os de pista seca novamente. Perdemos muitas posições, não sei por quê.”

Sainz era 11º, quando recebeu uma penalização de 10 segundos por ultrapassa a Sauber durante o período de Safety Car.

Quando perguntado por que não devolveu a posição para evitar a punição, disse: "Eu não entendi muito bem. Acreditava que o Sauber era um retardatário, e poderia passar. Eu fui, mas tentei devolver a posição. Foi muito estranho."

Assim, com essa palavra, definiu o GP da Alemanha, do qual saiu de mãos vazias, um gosto ruim na boca antes do GP da Hungria, que antecede as férias da F1: "Uma corrida muito rara, porque em nenhum momento eu sabia onde estava, se nos pontos ou fora deles.”

Muito antes da troca de pneus, na largada, Sainz foi encurralado após um bloqueio de Hulkenberg enquanto o alemão passava uma Haas. Para não bater, Sainz teve que se esquivar e perdeu uma posição.

"Eu não sei muito bem o que aconteceu na largada. Não foi muito limpa, mas tudo correu bem. Mas acho que eles me fizeram um sanduíche e eu fui quem se deu pior. Mas até os pitstops estávamos lá."

Próximo artigo
Hamilton: “Quando choveu, sabia que teria uma boa posição”

Artigo anterior

Hamilton: “Quando choveu, sabia que teria uma boa posição”

Próximo artigo

Incidente na entrada do pit pode tirar vitória de Hamilton

Incidente na entrada do pit pode tirar vitória de Hamilton
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Evento GP da Alemanha
Pilotos Carlos Sainz Jr. Compre Agora
Equipes Renault F1 Team
Autor Redacción