Indy: Rossi é confirmado como piloto da Arrow McLaren

Vencedor da Indy 500 de 2016 agora foca na busca da conquista de seu primeiro campeonato

Indy: Rossi é confirmado como piloto da Arrow McLaren
Carregar reprodutor de áudio

Alexander Rossi se juntará à Arrow McLaren a partir de 2023, enquanto ele e a equipe continuam suas buscas por um campeonato da IndyCar.

A notícia segue a confirmação de que Rossi decidiu deixar a Andretti Autosport, sua casa por sete temporadas, e será substituído por Kyle Kirkwood.

Leia também:

Rossi disse ao Motorsport.com há duas semanas: “Tudo se trata sobre o campeonato, para mim”, e disse que havia apenas três equipes atualmente capazes de ganhar o título. Quando perguntado se um deles era seu empregador atual, a Andretti Autosport, ele respondeu: “Faz tempo que não estamos. Basta olhar para as estatísticas.”

No entanto, Rossi vai para a Arrow McLaren SP com sete vitórias – incluindo a Indy 500 de 2016 – e seis poles em seu nome, e tendo terminado duas vezes uma temporada entre os três primeiros do campeonato.

Ele disse: “Primeiro, quero agradecer a todos na Andretti Autosport por sete anos incríveis. Foi uma grande jornada com uma equipe incrível, e foi uma honra correr pelo nome Andretti e por Michael por tanto tempo.

“Chegou a hora de um novo desafio, com uma equipe que está crescendo no esporte. Estou ansioso para contribuir para o desenvolvimento da Arrow McLaren SP e ajudá-los a chegar ao topo. Vejo o compromisso que esta equipe tem entre si e comigo, e estou ansioso para começar. É hora de correr por outro dos maiores nomes do automobilismo: a McLaren.”

Taylor Kiel, presidente da AMSP, declarou: “Enquanto esperamos 2023, procuramos um piloto que se encaixe perfeitamente e traga experiência para a equipe. Alex é um piloto que sabe o que é preciso para ter sucesso neste esporte e fortalecerá nossa talentosa formação de pilotos. Ele compartilha a mesma mentalidade vencedora que vejo todos os dias na Arrow McLaren SP e acho que encontraremos muito sucesso juntos nos próximos anos.”

“Alex é um vencedor comprovado de corridas e campeão das 500 Milhas de Indianápolis, que compartilha nosso desejo de vencer”, disse Zak Brown, CEO da McLaren Racing. “É essencial que coloquemos o talento certo, tanto dentro como fora do carro, para que possamos competir consistentemente por campeonatos e vitórias em equipe.

“Ele é alguém em quem estamos de olho há algum tempo e estamos animados para ver o que ele fará como parte da Arrow McLaren SP.”

A Arrow McLaren SP terá três carros em 2023, e ainda não confirmou (publicamente) se Rossi é o terceiro piloto da equipe a complementar Pato O'Ward – confirmado com a equipe até 2025 – e Felix Rosenqvist, ou se Rossi está substituindo Rosenqvist no #7 AMSP-Chevrolet, e um terceiro piloto ainda não foi definido.

Assine o canal do Motorsport.com no YouTube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like ('joinha') nos vídeos e ative as notificações para ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

Podcast #180 – ‘Autossabotagem’ da Ferrari pode fazê-la perder título da F1 em 2022?

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

 

 

compartilhar
comentários
ANÁLISE - Marcus Ericsson: de piloto pagante da F1 a 'escolhido' de Indianápolis
Artigo anterior

ANÁLISE - Marcus Ericsson: de piloto pagante da F1 a 'escolhido' de Indianápolis

Próximo artigo

Indy: Newgarden conquista a pole para corrida em Detroit; Castroneves é 4º

Indy: Newgarden conquista a pole para corrida em Detroit; Castroneves é 4º