MotoGP
R
GP da República Tcheca
06 ago
-
09 ago
Próximo evento em
24 dias
R
GP da Áustria
13 ago
-
16 ago
Próximo evento em
31 dias
R
GP da Grã-Bretanha
27 ago
-
30 ago
Canceled
R
GP de San Marino
10 set
-
13 set
Próximo evento em
59 dias
15 out
-
18 out
Próximo evento em
94 dias
R
GP de Aragón
16 out
-
18 out
Próximo evento em
95 dias
R
GP da Austrália
23 out
-
25 out
Canceled
R
GP da Malásia
29 out
-
01 nov
Canceled
R
GP de Valência
13 nov
-
15 nov
Próximo evento em
123 dias

Após cirurgia, Crutchlow pode não retornar em 2018

compartilhar
comentários
Após cirurgia, Crutchlow pode não retornar em 2018
Por:
Co-autor: Oriol Puigdemont
27 de out de 2018 07:36

Depois de queda na Austrália, piloto deverá passar por nova cirurgia nos próximos dias e pode passar 15 dias em Melbourne

Cal Crutchlow pode não voltar à MotoGP até 2019, uma vez que sua cirurgia após a queda em Phillip Island ameaça deixa-lo um bom tempo em recuperação.

O piloto da LCR Honda caiu a mais de 220 km/h na rapidíssima curva 1 de Phillip Island durante a segunda sessão de treinos livres de sexta-feira, precisando ir para o centro médico do paddock de ambulância.

Ele foi rapidamente diagnosticado com uma "fratura no tornozelo direito e na parte superior da tíbia" pelo diretor médico, e foi levado ao hospital em Melbourne.

Cedo na manhã de sábado, Crutchlow passou por uma primeira cirurgia em sua tíbia, no entanto, há mais por vir. Ele agora enfrenta uma espera de cinco dias antes de uma investigação mais aprofundada sobre uma fratura na parte inferior do tornozelo, o que exigirá nova cirurgia.

Sua família deixou a Europa na noite passada para se juntar a ele em Melbourne.

O Motorsport.com pode afirmar que a cirurgia vai manter Crutchlow em Melbourne pelo menos pelos próximos 15 dias, e que faltando duas corridas na temporada é altamente provável que ele não retorne neste ano

Stefan Bradl deve substituir Crutchlow nos dois GPs restantes da temporada.

Crutchlow está em quinto na classificação da MotoGP e é o primeiro dos pilotos satélites. No entanto, faltando as três corridas, é provável que ele veja Johann Zarco ou Danilo Petrucci o superando no campeonato de pilotos independentes.

Próximo artigo
Viñales lamenta chuva no Q2: “não consegui terminar a volta”

Artigo anterior

Viñales lamenta chuva no Q2: “não consegui terminar a volta”

Próximo artigo

Rossi: garoa de classificação exigiu “grandes bolas”

Rossi: garoa de classificação exigiu “grandes bolas”
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria MotoGP
Pilotos Cal Crutchlow Compre Agora
Equipes LCR Honda
Autor Andrew van Leeuwen