Aprilia introduz motor modificado em teste de Sepang

Fabricante italiana leva motor com mudanças significativas para a Malásia, onde têm início os testes de pré-temporada, a partir de segunda-feira

Aprilia introduz motor modificado em teste de Sepang
Alvaro Bautista, Aprilia Gresini Racing Team
Aleix Espargaro, Aprilia Racing Team Gresini
Aleix Espargaro, Aprilia Racing Team Gresini
Sam Lowes, Aprilia Racing Team Gresini
Alvaro Bautista, Aspar MotoGP Team, Aleix Espargaro, Aprilia Racing Team Gresini
Sam Lowes, Aprilia Racing Team Gresini
Aleix Espargaro, Aprilia Racing Team Gresini
Sam Lowes, Aprilia Racing Team Gresini
Aleix Espargaro, Aprilia Racing Team Gresini

A Aprilia tem novidade para os testes de pré-temporada da MotoGP, que se iniciam na próxima segunda-feira. A fabricante italiana leva um motor bastante modificado para Sepang - modificações feitas após o feedback de Aleix Espargaró, que andou com a primeira versão 2017 da da RS-GP nos testes de pós-temporada, em Valência.

"Durante o inverno, pudemos fazer melhorias significativas, baseando-nos nas necessidades que Aleix nos indicou nos testes de 2016", disse Romano Albesiano, chefe da Aprilia.

"Estaremos em uma posição diferente se comparado aos últimos 12 meses, quando a moto estreou. Agora sabemos que temos uma boa base sobre a qual trabalhar", afirmou.

"Sepang será nossa primeira oportunidade para comprovar o que foi analisado e desenhado nos últimos meses. A evolução da RS-GP tem de ser em todos os aspectos, tanto para adaptá-la aos pilotos quanto para cumprir com as novas normativas técnicas."

"Encontramos algo mais para o motor em baixa rotação, mas sem perda em termos de potência máxima. Além disso, otimizamos componentes para reduzir o peso, aumentar a rigidez e o equilíbrio geral", acrescentou.

Segundo um representante da equipe revelou para a Autosport, a versão 2017 do V4 da Aprilia "tem muitas modificações e melhorias", mas não é um propulsor completamente novo.

Espargaró dividirá a garagem com Sam Lowes nesta temporada e é o espanhol quem prova em primeira mão a RS-GP atualizada - ainda se adaptando à MotoGP, Lowes segue com a moto de 2016 nos testes de Sepang, passando a andar com a moto nova a partir dos testes de Phillip Island.

compartilhar
comentários
KTM: mais provas como wildcard não trariam benefícios
Artigo anterior

KTM: mais provas como wildcard não trariam benefícios

Próximo artigo

Suzuki lança moto para temporada 2017 da MotoGP

Suzuki lança moto para temporada 2017 da MotoGP
Carregar comentários