MotoGP
05 mar
-
08 mar
Próximo evento em
9 dias
R
GP da Tailândia
19 mar
-
22 mar
Próximo evento em
23 dias
R
GP das Américas
02 abr
-
05 abr
Próximo evento em
37 dias
R
GP da Argentina
16 abr
-
19 abr
Próximo evento em
51 dias
R
GP da Espanha
30 abr
-
03 mai
Próximo evento em
65 dias
R
GP da França
14 mai
-
17 mai
Próximo evento em
79 dias
R
GP da Itália
28 mai
-
31 mai
Próximo evento em
93 dias
R
GP da Catalunha
04 jun
-
07 jun
Próximo evento em
100 dias
R
GP da Alemanha
18 jun
-
21 jun
Próximo evento em
114 dias
R
GP da Holanda
25 jun
-
28 jun
Próximo evento em
121 dias
R
GP da Finlândia
09 jul
-
12 jul
Próximo evento em
135 dias
R
GP da República Tcheca
06 ago
-
09 ago
Próximo evento em
163 dias
R
GP da Áustria
13 ago
-
16 ago
Próximo evento em
170 dias
R
GP da Grã-Bretanha
27 ago
-
30 ago
Próximo evento em
184 dias
R
GP de San Marino
10 set
-
13 set
Próximo evento em
198 dias
R
GP de Aragón
01 out
-
04 out
Próximo evento em
219 dias
R
GP do Japão
15 out
-
18 out
Próximo evento em
233 dias
R
GP da Austrália
23 out
-
25 out
Próximo evento em
241 dias
R
GP da Malásia
29 out
-
01 nov
Próximo evento em
247 dias
R
GP de Valência
12 nov
-
15 nov
Próximo evento em
261 dias

Dovizioso admite “muitas dores” no polegar após queda em Jerez

compartilhar
comentários
Dovizioso admite “muitas dores” no polegar após queda em Jerez
Por:
28 de nov de 2018 19:57

Italiano diz que está "muito aflito" depois de queda durante o primeiro dia de testes e não tem certeza de que vai para a pista na quinta-feira

Andrea Dovizioso terminou o penúltimo dia da MotoGP de 2018, nos testes de pós-temporada em Jerez, em segundo lugar, atrás do novo companheiro de equipe da Ducati, Danilo Petrucci.

Mas a quarta-feira do italiano acabou cedo com uma queda na curva 5, e enquanto um raio-x revelou que ele não havia quebrado nenhum osso, ele sofreu inchaço ao redor da base do polegar esquerdo.

"Eu tenho muita dor, mas parece que não há nada de mal, isso é o mais importante", disse Dovizioso.

"Eu fiz um raio-x, mas eles não conseguiram ver nada [quebrado], mas você nunca sabe, talvez haja um músculo ou algo assim, mas nada de ruim.”

"Se amanhã [a dor] for aceitável, continuarei a testar. Temos algo para comparar. Espero ter a chance de fazer isso."

Leia também:

Explicando o acidente em si, ele acrescentou: "Eu estava acelerando, eu queria melhorar o tempo de volta.”

"Naquele momento estava com um pneu traseiro experimental da Michelin, alguns pilotos fizeram um tempo de volta bom com ele e funcionou bem, e nós mudamos o setup. Demos um grande passo de certa forma, queríamos entender.”

"Eu testei com um pneu usado na frente, a sensação era boa também se o tempo de volta não fosse tão bom, e eu queria acelerar com um pneu novo para realmente colocar a moto no limite. Isso era muito importante para nós.”

"Mas eu estava muito rápido no meio da curva. Aquela configuração não funcionou tão bem quanto a minha anterior naquele momento. Eu estava me esforçando muito e perdi a frente.”

"Um pequeno acidente, mas quando chegou ao cascalho, comecei a rolar. Acertei muitas partes do meu corpo."

Colaboração de Carlos Guil

Próximo artigo
Rossi alerta Yamaha sobre moto de 2019: “não lutaremos por vitória”

Artigo anterior

Rossi alerta Yamaha sobre moto de 2019: “não lutaremos por vitória”

Próximo artigo

Zarco se vê mais sob controle na KTM em segundo teste

Zarco se vê mais sob controle na KTM em segundo teste
Carregar comentários