Bottas revela susto na largada em Sochi: "Uma abelha enorme atingiu meu visor"

compartilhar
comentários
Bottas revela susto na largada em Sochi: "Uma abelha enorme atingiu meu visor"
Por:
, NobleF1

Piloto da Mercedes venceu corrida após punição a Lewis Hamilton e acerto na estratégia de pneus

Depois de vencer o GP da Rússia de Fórmula 1 deste domingo, Valtteri Bottas revelou ter passado um pequeno 'sufoco' na largada em Sochi. Segundo o finlandês, uma abelha "enorme" bateu em seu visor e prejudicou sua visão nas primeiras curvas da prova.

Leia também:

O finlandês herdou a primeira posição na volta 17 da corrida, quando Lewis Hamilton precisou parar para a troca de pneus e para pagar a punição de 10s por ter treinado largadas em local proibido antes da corrida. Mas Bottas revelou que já havia tentado ultrapassar o companheiro de equipe logo na largada.

"Sim, obviamente tentei. Eu sabia que a largada seria a primeira oportunidade. Na verdade, fui um pouco comprometido porque uma abelha enorme ou algo atingiu meu visor quando eu estava freando, então não pude realmente ver quando deveria frear", revelou o finlandês. Então é por isso que freei tarde".

Pneus foram vantagem

Hamilton precisou parar mais cedo para trocar os pneus macios

Hamilton precisou parar mais cedo para trocar os pneus macios

Photo by: Zak Mauger / Motorsport Images

O piloto da Mercedes explicou ainda que manteve a frieza para superar Hamilton, já que sabia que levava vantagem por ter largado de pneus médios ante os macios do companheiro, que durariam menos e lhe dariam a chance de assumir a ponta.

"Eu sabia que ia ser uma longa corrida, apesar da largada, e com os pneus médios que eu tinha, havia oportunidades, mas obviamente Lewis teve penalidades. Então, sim, uma vez que eu estava com a pista livre, senti que o ritmo era incrível e eu realmente podia controlar tudo".

Max Verstappen foi o único além de Bottas a largar de pneus médios entre os ponteiros, o que poderia ser uma ameaça ao vice-líder do campeonato, mas o finlandês afirma que não se preocupou nem quando a Red Bull adiantou a parada do rival.

"Não fiquei preocupado em nenhum momento porque olhando para o ritmo de hoje eu sabia quantas oportunidades haveria. Nunca desista. Foi um bom dia".

Questionado se está confiante para a próxima corrida, na Alemanha, Bottas demonstrou otimismo: "Com certeza foi bom conseguir uma vitória de novo, já fazia um tempo. E sim, definitivamente preciso tentar manter o ímpeto, consegui pressionar novamente e consegui bons pontos contra Lewis", celebrou.

"Ainda faltam algumas corridas e nunca se sabe, vou continuar a pressionar e não vou desistir. Vamos ver como isso acaba", finalizou.

PÓDIO: Hamilton é punido e Bottas vence na Rússia, com Verstappen em segundo

PODCAST: Qual é o limite de Max Verstappen na Red Bull?

 

Hamilton lamenta sequência de problemas em Sochi: "Não foi o melhor dia"

Artigo anterior

Hamilton lamenta sequência de problemas em Sochi: "Não foi o melhor dia"

Próximo artigo

Hamilton detona comissários da F1 por punição "ridícula": "Eles estão tentando me parar"

Hamilton detona comissários da F1 por punição "ridícula": "Eles estão tentando me parar"
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Evento GP da Rússia
Sub-evento Corrida
Autor Jonathan Noble