Fórmula 1
06 mai
Próximo evento em
61 dias
20 mai
Próximo evento em
75 dias
R
GP do Azerbaijão
03 jun
Próximo evento em
89 dias
10 jun
Próximo evento em
96 dias
24 jun
Próximo evento em
110 dias
R
GP da Áustria
01 jul
Próximo evento em
117 dias
R
GP da Grã-Bretanha
15 jul
Próximo evento em
131 dias
29 jul
Próximo evento em
145 dias
R
GP da Bélgica
26 ago
Próximo evento em
173 dias
02 set
Próximo evento em
180 dias
09 set
Próximo evento em
187 dias
23 set
Próximo evento em
201 dias
R
GP de Singapura
30 set
Próximo evento em
208 dias
07 out
Próximo evento em
215 dias
21 out
Próximo evento em
229 dias
28 out
Próximo evento em
236 dias
R
GP da Arábia Saudita
03 dez
Próximo evento em
272 dias
R
GP de Abu Dhabi
12 dez
Próximo evento em
281 dias

Dono da Haas revela repercussão interna do escândalo de Mazepin: "Gunther o chamou de idiota"

Gene Haas disse que deixou claro para Mazepin que ações do tipo são inaceitáveis, mas criticou fãs que pediram seu desligamento da equipe

compartilhar
comentários
Dono da Haas revela repercussão interna do escândalo de Mazepin: "Gunther o chamou de idiota"

Se existe uma característica pela qual Gunther Steiner é conhecido pelos fãs da Fórmula 1 é que ele não possui papas na língua, dizendo sempre o que lhe vem à cabeça. E isso ganhou fama ainda maior após o lançamento de Drive to Survive, série da Netflix que mostra os bastidores da F1, cuja terceira temporada estreia em 19 de março.

E o temperamento de Steiner já chegou até ao novo piloto da Haas, Nikita Mazepin, envolvido em uma polêmica antes mesmo de sua chegada à F1. Em dezembro, o piloto publicou em sua conta no Instagram um vídeo onde tocava nos seios de uma mulher sem autorização, o que causou um escândalo no paddock.

Leia também:

A própria Haas classificou as ações do russo como abomináveis, mas optou por "tratar o assunto internamente", sem divulgar se Mazepin recebeu algum tipo de sanção. Enquanto isso, nas redes sociais, muitos fãs do esporte criticaram a equipe pela atitude, já que ele esteve envolvido em outras polêmicas anteriormente, e pediram que o piloto fosse desligado de seu contrato.

Quase três meses após a polêmica, o dono da Haas, Gene Haas, comentou sobre o caso em entrevista à Racer.

"Como reagimos? Lembro que Gunther o chamou de idiota e que não poderia fazer coisas assim, porque elas são totalmente inaceitáveis".

Mas o novo empregador de Mazepin espera que o jovem piloto russo tenha aprendido a sua lição.

"Acredito que ele recebeu críticas de todos os lados. Ele tem 21 anos, ainda é jovem e esse dilúvio de críticas deve ser algo difícil de aceitar. Assim espero que ele tenha tirado uma boa lição de tudo isso".

Haas revelou ainda que em cada publicação que a equipe faz em qualquer rede social eles seguem recebendo comentários contra Mazepin.

"As respostas nas redes sociais seguem sendo muito fortes, obviamente somos conscientes com relação a ele e as publicações da nossa equipe".

"Respeito que as pessoas tenham direito a expressar suas opiniões, independente do quão dura sejam. Como equipe acredito que demos a Nikita o melhor ambiente possível para aprender a partir disso".

Haas insiste que Mazepin merece outra oportunidade.

"Temos que ver como ele se sai. A resposta nas redes sociais de todos os tipos de grupos foi extremamente forte, querendo que ele fosse despedido. Mas não vejo esse como o caminho correto".

O certo é que, após essas polêmicas acumuladas ao longo do anos, Mazepin terá um primeiro ano na F1 sob muita vigia, tanto pelo que faz dentro da pista quanto pelo que faz fora.

Nova parceria com ThePlayer.com, a melhor opção para apostas e diversão no Brasil

Registre-se gratuitamente no ThePlayer.com e acompanhe tudo sobre Fórmula 1 e outros esportes! Você confere o melhor conteúdo sobre o mundo das apostas e fica por dentro das dicas que vão te render muita diversão e também promoções exclusivas. Venha com a gente!

EXCLUSIVO: Sérgio Maurício ASSINA com a BAND e será NARRADOR da F1 no BRASIL

PODCAST - Como congelamento de motores impacta mercado da F1?

 

F1: Ricciardo não repetirá aposta de tatuagem na McLaren, mas brinca sobre novo tipo de acordo

Artigo anterior

F1: Ricciardo não repetirá aposta de tatuagem na McLaren, mas brinca sobre novo tipo de acordo

Próximo artigo

F1 pode voltar a correr na África do Sul em 2022 ou 2023; entenda

F1 pode voltar a correr na África do Sul em 2022 ou 2023; entenda
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Pilotos Nikita Mazepin
Equipes Haas F1 Team
Autor Redação Motorsport.com